São João das Missões

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo distrito do município gaúcho de São Miguel das Missões, veja São João das Missões (São Miguel das Missões).
São João das Missões
  Município do Brasil  
Hino
Gentílico missionense [1]
Localização
Localização de São João das Missões em Minas Gerais
Localização de São João das Missões em Minas Gerais
São João das Missões está localizado em: Brasil
São João das Missões
Localização de São João das Missões no Brasil
Mapa de São João das Missões
Coordenadas 14° 53' 02" S 44° 05' 27" O
País Brasil
Unidade federativa Minas Gerais
Municípios limítrofes Manga, Miravânia, Itacarambi, Matias Cardoso, Januária e Cônego Marinho
Distância até a capital 687 km[2]
História
Fundação 21 de dezembro de 1995 (26 anos)
Administração
Prefeito(a) Jair Cavalcante Barbosa[3] (Republicanos, 2021 – 2024)
Características geográficas
Área total [6] 675,089 km²
População total (Censo IBGE/2010[7]) 11 715 hab.
Densidade 17,4 hab./km²
Clima semiárido [4] (Bsh)
Altitude 480[8] m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 39475-000 a 39477-999[5]
Indicadores
IDH (PNUD/2010 [9]) 0,529 baixo
PIB (IBGE/2008[10]) R$ 32 616,828 mil
PIB per capita (IBGE/2008[10]) R$ 2 917,69
Sítio saojoaodasmissoes.mg.gov.br (Prefeitura)
camarasaojoaodasmissoes.mg.gov.br (Câmara)

São João das Missões é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. A população estimada em 2004 era de 12.080 habitantes.

História[editar | editar código-fonte]

São João das Missões foi emancipado no dia 21 de dezembro de 1995, através da Lei 12.030, desmembrando-se do município de Itacarambi(MG).

Após as eleições de 3 de outubro de 1996, houve a instalação política administrativa do Município no dia 1 de janeiro de 1997, com a posse dos agentes eleitos. Constituem o Poder Executivo Municipal, o Prefeito e o Vice-Prefeito. O poder Legislativo Municipal é composto por nove Vereadores.

O município já foi administrado por Ivan de Sousa Corrêa (1997-2000 e 2001-2004), José Nunes de Oliveira (2005-2008 e 2009-2012) e Marcelo Pereira (2013-2016).

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localização[editar | editar código-fonte]

São João das Missões fica a uma distância de 687 km de Belo Horizonte (capital) e a 247 km de Montes Claros, cidade pólo do norte de Minas, sendo o acesso realizado através da BR-135. Posiciona-se a 18 km do rio São Francisco e é marcado pelo Rio Itacarambi que banha quase todo o território do Município.

Divisão administrativa[editar | editar código-fonte]

A divisão administrativa do município constitui-se do Distrito da Sede, do Distrito de Rancharia, 32 Aldeias e a Terra Indígena Xacriabá. O Município ocupa uma área territorial de 679,89 km². Situa-se na micro-região do Vale do Peruaçu (Alto Médio São Francisco), norte do Estado de Minas Gerais.

Clima[editar | editar código-fonte]

A sede do município de São João das Missões fica a uma altitude de 480,2463 metros com relação ao nível do mar, latitude sul 14º53’01”, longitude 44º05’26”. O município está sujeito a um clima tropical úmido de savanas, com inverno seco, em transição, no sentido nordeste, para um clima quente e seco, com chuvas de verão. A relativamente pequena variação da temperatura ao longo do ano, nestes climas, faz da variável precipitação, o principal parâmetro hidroclimatológico do Município, sob o ponto de vista de exploração agrícola. A variação mensal das precipitações e a existência de um período bastante seco, nos meses de maio, junho, julho, agosto e setembro.

O tipo de vegetação predominante em São João das Missões, expressa-se por cerrado com áreas mescladas de caatinga ao centro-oeste.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Ainda estão perenes, mas em visível agonia, os seguintes cursos de água: Rio Itacarambi, Riacho do Brejo de Mata Fome e Olhos D’Água.

Economia[editar | editar código-fonte]

A principal atividade econômica desenvolvida no Município, é agricultura e a agropecuária. A agricultura é representada no cultivo irrigado e de sequeiro. Faz parte da cultura irrigada, o plantio de feijão, milho, cana-de-açúcar e tomate. No sequeiro, a cultura do milho, feijão catador, mamona e mandioca. A pecuária é desenvolvida com o objetivo de produzir bezerros para a venda, sendo, também, praticada a pecuária leiteira, despertando, também, a criação de caprinos, ovinos e peixe.

O feijão, mamona e o tomate, são responsáveis por 70% de toda produção. 99% da produção de tomate se destina à indústria de transformação, comercializado junto a Karambi Alimentos, sendo a mamona com a Petrovasf, empresas sediadas no município de Itacarambi. Soma-se a estas atividades, as pequenas fabriquetas de farinha, rapadura, cachaça, queijo, etc.. Demais produtos abastecem o mercado interno e o restante é comercializado na região. A maior parte do leite bovino é comercializado com a Nestlé, e o restante destinado ao abastecimento do mercado local.

Demografia[editar | editar código-fonte]

A população confirmada pelo IBGE através do Censo de 2000, é de 10.230 habitantes.

  • 20,42% - Urbana
  • 79,58 % - Rural
  • 4,94 - Hab/Família
  • Masculina - 51,10%
  • Feminina - 48,90%
  • Infantil v- 29,41%
  • Adolescente - 25,24%
  • Adulta - 45,35%

A população, no geral, apresenta-se como a maioria das populações interioranas, refletindo, particularmente, as características de uma comunidade situada na área mineira da ADENE-Agência de Desenvolvimento do Nordeste, onde prevalece condições de extremada pobreza, pouco desenvolvimento econômico/social e um índice pluviométrico relativamente baixo. O Colégio Eleitoral é formada por 5.437 eleitores.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Os principais eventos do município são as tradicionais festas de São João, atraindo turistas de várias regiões do Brasil.

Referências

  1. «IBGE Cidades@». O Brasil Município por Municipio. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 22 de abril de 2010. Arquivado do original em 30 de abril de 2012 
  2. «distancias-bhmunicipios». Distâncias BH/Municípios. Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER/MG). Consultado em 19 de agosto de 2009. Arquivado do original em 21 de agosto de 2009 
  3. «Candidatos a vereador São João das Missões-MG». Estadão. Consultado em 15 de maio de 2021 
  4. «World Map of the Köppen-Geiger climate classification». World Map of the Köppen-Geiger climate classification. Institute for Veterinary Public Health. Consultado em 24 de fevereiro de 2010 
  5. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  6. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  7. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  8. «O Estado: Municípios Mineiros». O Estado: Municípios Mineiros. Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais. Consultado em 1 de março de 2010 
  9. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 20 de maio de 2022 
  10. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]