Tolerância (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2013). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Tolerância
 Brasil/ França
2000 •  cor •  110 min 
Produção executiva Luciana Tomasi
Nora Goulart
Roteiro Giba Assis Brasil
Jorge Furtado
Carlos Gerbase
Alvaro Luiz Teixeira
Elenco Maitê Proença
Roberto Bomtempo
Maria Ribeiro
Werner Schünemann
Gênero drama
suspense
Música Flávio Santos
Marcelo Fornazier
Carlos Gerbase
Direção de fotografia Alex Sernambi
Direção de arte Fiapo Barth
Companhia(s) produtora(s) Casa de Cinema de Porto Alegre
Distribuição Columbia Pictures do Brasil
Lançamento Brasil 10 de novembro de 2000 [1]
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Tolerância é um filme franco-brasileiro produzido no Rio Grande do Sul em 2000, dos gêneros drama e suspense, e o segundo longa-metragem dirigido por Carlos Gerbase, com Maitê Proença, Roberto Bomtempo e Maria Ribeiro no elenco. Foi gravado em 35 mm.[2]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O filme conta a história de Márcia e Júlio, um casal que confronta suas civilizadas teorias sobre o sexo e a política com a realidade, descobrindo que nem o mundo, nem eles mesmos, ainda são suficientemente civilizados. Eles pensam em apenas criar seus filhos em um ambiente liberal sem divórcios, vivendo um relacionamento aberto. Porém, quando Márcia (uma advogada bem sucedida) tem um relacionamento com um amante, Júlio desperta ciúmes e resolve ter um caso com uma amiga de sua filha.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

  1. “Amor e Morte” - Dolly
  2. “Como nossos pais” Nei Lisboa & Wander Wildner
  3. “Pela Ciência” interpretada por Tom Bloch
  4. “Bambu” interpretada por Os The Dharma Lovers
  5. “Milonda argonautilus” interpretada por Os Argonautas
  6. “Combo” interpretada por Fu Wang Foo
  7. “Gruvi” interpretada por Flu
  8. “Org” interpretada por Régis San
  9. “Audrey” interpretada por Les Johnson
  10. “Solidão” interpretada por Zzona
  11. “Moviola” interpretada por Space Rave
  12. “Precipício” interpretada por Os Replicantes
  13. “Ugabugababy” interpretada por Irmãos Rocha!
  14. “Apartment Jazz” 1 e 2 interpretada por Júpiter Apple
  15. “Trio Para Violino, Violoncelo E Piano” interpretada por Ex Machina

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «"TOLERÂNCIA":Diretor quer discutir noção de verdade». Folha de S.Paulo. 10 de novembro de 2000. Consultado em 30 de maio de 2015 
  2. http://www.casacinepoa.com.br/en/the-movies/production/feature-films/toler%C3%A2ncia Tolerância (Tolerance)
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.