União Cívica de Escolas de Samba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A União Cívica das Escolas de Samba (UCES) foi uma entidade representativa das escolas de samba cariocas, que organizou um dos desfiles oficiais do Carnaval de 1950.[1] Teve entre suas filiadas em 1950 a Mangueira e a Portela, que se recusavam a participar do desfile da FBES, presidida por um simpatizante do Império Serrano, mas também não podiam se filiar à UGESB, pois esta estava sendo boicotada pela Prefeitura, que se recusava a mandar verbas para suas filiadas.[2]

História[editar | editar código-fonte]

A UCES foi criada com o claro ojetivo de enfraquecer a UGESB, que tinha entre suas filiadas em 1949 a Mangueira e a Portela, escolas que se recusavam a participar da FBES. Em 1950 a Mangueira se torna campeã do Carnaval da UCES, porém para 1951, ela e a Portela novamente se filiam à UGESB, deixando a UCES esvaziada. Por causa disso, não consegue realizar seu carnaval em 1951 e em pouco tempo é extinta.[2]

Referências

  1. http://www.galeriadosamba.com.br/escolas/unidos-da-capela/62/
  2. a b Nélson da Nóbrega Fernandes. Escolas de Samba: Sujeitos Celebrantes e Objetos Celebrados. Rio de Janeiro: Coleção Memória Carioca, vol. 3, 2001.