Xico Sá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde fevereiro de 2016).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Xico no programa Observatório da Imprensa, TV Brasil, 2013

Francisco Reginaldo de Sá Menezes, mais conhecido como Xico Sá (Crato, Ceará, 6 de outubro de 1962), é um jornalista e escritor brasileiro. Começou a carreira no Recife e foi colunista do jornal Folha de S. Paulo, no qual mantinha um blog diário no site folha.com. Tem Reginaldo em seu nome como homenagem de sua mãe ao cantor Reginaldo Rossi, de quem era .[1]

Fez parte da bancada do programa Cartão Verde da TV Cultura, junto com o jornalista Victor Birner, o apresentador Vladir Lemos e o ex-futebolista Sócrates.[2] Integrou também parte da bancada do Saia Justa, programa exibido pelo canal a cabo GNT e capitaneado por Mônica Waldvogel.[3] Atualmente, participa do programa Amor e Sexo da Rede Globo.

Faz parte do programa Papo de Segunda, no GNT, com Marcelo Tas, João Vicente de Castro e Leo Jaime, além de contribuir semanalmente com uma coluna na edição brasileira do jornal El Pais.

Carreira paralela[editar | editar código-fonte]

Literatura[editar | editar código-fonte]

Escreveu os seguintes livros:
  • Modos de macho & Modinhas de Fêmea - Editora Record
  • Divina Comédia da Fama - Editora Objetiva
  • Nova Geografia da Fome - Editora Tempo d'Imagem
  • Paixão Roxa - Editora Pirata
  • Catecismo de Devoções, Intimidades & Pornografias - Editora do Bispo
  • Se um Cão Vadio aos Pés de uma Mulher-abismo - Editora Fina Flor
  • Caballeros Solitários Rumo ao Sol Poente - Editora do Bispo
  • La Mujer És un Gluebo da Muerte - Editora Yiyi Jambo, Paraguay
  • Tripa de Cadela & Outras Fábulas Bêbadas (contos) - Editora Dulcineia Catadora
Participou como co-escritor
  • Essa História Está Diferente - Editora Companhia das Letras
  • Boa Companhia (Crônicas) - Editora Companhia das Letras
  • Cem Menores Contos do Século - Ateliê Editorial
  • Dentro de um Livro - Editora Casa da Palavra
  • Blônicas, Crônicas de Blog - Editora Jabuticaba
  • As melhores crônicas do século - Editora Objetiva
  • Antologia bêbada - Edição Ciência do Acidente/Mercearia São Pedro
  • "Carta para você - Editora Alfaguara
  • "Desacordo Ortográfico - Não Editora
  • Tempo Bom (contos) - Editora Iluminuras

Música[editar | editar código-fonte]

É parceiro musical do grupo Mundo Livre S/A. Nos anos 2000 participou do clipe da música "Tenho", do cantor Sidney Magal.

Cinema[editar | editar código-fonte]

Em 2006 fez uma ponta no filme O Cheiro do Ralo e foi co-roteirista do longa-metragem Deserto Feliz, de 2007, dirigido por Paulo Caldas. Em 2016 foi lançado o filme Big Jato, dirigido por Cláudio Assis, baseado no seu livro homônimo

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.