Zinnwaldita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Zinnwaldit Cínovec (2).jpg

Zinnwaldita é um mineral do grupo dos silicatos, sub filossilicatos e dentro deles pertence aos micas litíferas. É uma mica rara com lítio mais escura que a moscovite, mas mais clara do que biotite.

Descrito por Wilhelm Karl Ritter von Haidinger em 1845, recebe o nome da localidade tipo nos montes Metalíferos Erzgebirge Zinnwald, uma cidade que por sua vez tinha recebido o nome de suas jazidas minerais de zinco, na região de fronteira entre a Alemanha e a República Checa.

A zinnwaldita é de difícil distinção de outras micas, pelo menos por métodos comuns, sendo a chave para sua identificação o entorno com minerais associados encontrados.

Para esfoliar, as folhas são flexíveis e elásticos, de modo que a dobra tende a recuperar a sua forma original.

Ambiente de formação[editar | editar código-fonte]

É um mineral de formação neumatolítica que aparece em rochas pegmatitas hidro termais do granito, no mesmo ambiente que pode ser formado cassiterita e topázio.

Minerais mais tipicamente associados a este mineral quartzoapatita, feldspato e outros minérios metálicos.

Localização, extração e uso[editar | editar código-fonte]

Existem importantes depósitos em Cornualha (Inglaterra), Saxônia (Alemanha) e Califórnia. Em Espanha encontram-se na GalizaProvíncia de Zamora e Salamanca.

Este mineral é explorado em minas para a produção industrial de lítio. Os belos exemplares também são muito procurados por colecionadores, devido à sua escassez e raridade.

Referências [editar | editar código-fonte]

  1. Voltar ao topo↑ Haidinger, W. (1845), Handbuch der bestimmenden Mineralogie (Viena): 521.
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em espanhol, cujo título é «Zinnwaldita».

Ligações externas [editar | editar código-fonte]

  • Galeria de imagem zinnwaldite: [1] [2]