Ortoclase

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation to english arrow.svg
A tradução deste artigo está abaixo da qualidade média aceitável. É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, tente encontrar a página original e melhore este verbete conforme o guia de tradução.
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Dezembro de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ortoclase
Ortoclase
Sistema cristalino: Monoclínico
Cor PPL: Incolor, com aparência baça.
Pleocroísmo: N/A
Hábito/Forma: Pode ser anédrico or euédrico. Os grãos são geralmente alongados com aparência tabular.
Relevo: Relevo negativo baixo
Clivagem: Clivagem perfeita segundo {001} e clivagem boa segundo {010}.

Os planos de clivagem intersectam-se com ângulo de 90º.

Pode ser difícil observar a clivagem em lâminas delgadas devido ao baixo relevo da ortoclase.

Maclas: Exibe tipicamente maclas de carlsbad. Também há informacão de ocorrência de maclas de Baveno e manebach em ortoclase.
Birrefringência: Até branco de primeira ordem (aproximadamente 0.007).
Ângulo de extinção: Extinção paralela à clivagem.
Sinal óptico: Biaxial negativo
2Vx: 40-70°
Alteração: Altera normalmente para sericite ou argila.
Características distinctivas: Distingue-se da microclina por não apresentar macla em grelha. Diferencia-se da sanidina por ter um maior 2Vx

Ortoclase ou ortoclásio (KAlSi3O8) é um mineral do grupo dos tectossilicatos importante na formação de rochas ígneas.[1][2][3]

É também conhecido como feldspato alcalino e é comum nos granitos e rochas relacionadas. Também denominado ortósio ou ainda ortoclásio. A ortoclase é idêntica à microclina em todas as suas propriedades físicas e apenas se pode distinguir daquela por meio de microscópio de luz polarizada ou por difracção de raios X.

O nome ortoclase têm origem no Grego que significa "fractura recta", uma vez que os seus dois planos de clivagem são perpendiculares. A Ortoclase cristaliza no sistema cristalino monoclínico. A sua dureza é igual a 6, com peso específico igual a 2.56-2.58, e brilho vítreo a nacarado. Em termos de cor pode ser branca, cinzenta, amarela ou vermelha; raramente verde. Por meteorização, a ortoclase converte-se em caulino.

Os cristais maclados são bastante comuns. A Ortoclase é um constituinte comum da maior parte dos granitos e outras rochas ígneas félsicas, ocorrendo frequentemente sob a forma de macrocristais ou massas em veios pegmatíticos.

É utilizada no fabrico de porcelanas e como constituinte de pós abrasivos.[4]

A adulária (de Adular), em outros idiomas também chamada de pedra da lua, forma-se em depósitos hidrotermais de baixa temperatura. A pertite resulta do intercrescimento de ortoclase com albita. Um tipo vítreo de ortoclase, chamado sanidina, é típica de rochas vulcânicas félsicas, ocorrendo nos traquitos de Drachenfels, Alemanha.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. http://pubsites.uws.edu.au/ima-cnmnc/IMA_Master_List_(2014-03).pdf
  2. http://www.mindat.org/min-3521.html Mindat.org
  3. http://www.webmineral.com/data/Sanidine.shtml Webmineral data
  4. [http://www2.ufcg.edu.br/revista-remap/index.php/REMAP/article/viewFile/342/284 Feldspatos: conceitos, estrutura cristalina, propriedades físicas, origem e ocorrências, aplicações, reservas e produção H. L. Lira*, G. A. Neves ]
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ortoclase


Ícone de esboço Este artigo sobre um mineral ou mineraloide é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.