90125

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
90125
Álbum de estúdio de Yes
Lançamento 14 de novembro de 1983
Gravação agosto de 1983
Gênero(s) pop rock
Duração 44:49
Gravadora(s) Atco Records
Produção Trevor Horn
Cronologia de Yes
Último
Último
Classic Yes
(1981)
9012Live: The Solos
(1985)
Próximo
Próximo

90125 é o décimo primeiro álbum da banda britânica de rock progressivo Yes, lançado em 1983. Foi o primeiro álbum desde a separação da banda em 1980; também o primeiro a apresentar o novo integrante Trevor Rabin e a volta do vocalista Jon Anderson, que havia saído da banda em 1979 e de Tony Kaye. Sua maior característica é a mudança radical no estilo da banda, passando de um rock progressivo sinfônico para um pop contemporâneo e sintetizado.

O título é uma referência a seu número original de catálogo. A nova encarnação da banda veio quase que por acidente. Após o término em 1980, Chris Squire e Alan White começaram a gravar como um duo, lançando inclusive um single em 1981. Após a entrada de Trevor Rabin o trio reuniu também o tecladista original da banda Tony Kaye, que havia sido expulso em 1971. Chamaram-se "Cinema" e começaram a gravar o que pensavam ser o álbum de estréia.

A mudança de rumo começou na em 1983 quando Jon Anderson estava tocando algumas das gravações do Cinema. Quando mostrou interesse e quis reunir-se à banda, foi percebido que o grupo nada mais era que uma reformulação do Yes. 90125 foi lançado pela subsidiária da Atlantic Records, Atco, lançando a banda para a era da MTV. A música era contemporânea e acessível, e o single "Owner of a Lonely Heart" tornou-se o primeiro e único topo de parada nos Estados Unidos. No fim o álbum rendeu sete milhões de cópias, de longe o álbum mais bem sucedido do Yes. As vendas pelo Reino Unido não foram tão espetaculares, mas ainda assim sólidas. A canção "Cinema" ganhou o Grammy de 1984 por Melhor Rock Instrumental.

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
allmusic 4.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svg [1]
Rolling Stone 3 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar empty.svgStar empty.svg [2]
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Owner of a Lonely Heart" (Trevor Rabin/Chris Squire/Trevor Horn) — 4:29
  2. "Hold On" (Trevor Rabin/Jon Anderson/Chris Squire) — 5:16
  3. "It Can Happen" (Chris Squire/Jon Anderson/Trevor Rabin) — 5:29
  4. "Changes" (Trevor Rabin/Chris Squire/Jon Anderson/Alan White) — 6:20
  5. "Cinema" (Chris Squire/Trevor Rabin/Alan White/Tony Kaye) — 2:08
  6. "Leave It" (Chris Squire/Trevor Rabin/Trevor Horn) — 4:14
  7. "Our Song" (Jon Anderson/Chris Squire/Trevor Rabin/Alan White/Tony Kaye) — 4:18
  8. "City of Love" (Trevor Rabin/Jon Anderson) — 4:51
  9. "Hearts" (Jon Anderson/Chris Squire/Trevor Rabin/Alan White/Tony Kaye) — 7:39

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

Ano Título Parada Posição
1983 "Our Song" Mainstream Rock Tracks 32
1983 "Owner of a Lonely Heart" Hot Dance Music/Club Play 3
1983 "Owner of a Lonely Heart" Mainstream Rock Tracks 1
1983 "Owner of a Lonely Heart" The Billboard Hot 100 1
1984 "It Can Happen" The Billboard Hot 100 51
1984 "It Can Happen" Mainstream Rock Tracks 5
1984 "Leave It" The Billboard Hot 100 24
1984 "Leave It" Mainstream Rock Tracks 3
1984 "Changes" Mainstream Rock tracks 6
1984 "Owner of a Lonely Heart" Hot R&B/Hip-Hop Singles & Tracks 69
1984 "Hold On" Mainstream Rock Tracks 43
1985 "Hold On" Mainstream Rock Tracks 27

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]