Ach Gott, vom Himmel sieh darein, BWV 2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cantata de Bach

Johann Sebastian Bach.jpg

Nome em alemão Ach Gott, vom Himmel sieh darein
Nome em português Oh Deus, olhe para baixo do céu
Classificação BWV 2
Autor do Texto Martinho Lutero
Tipo Sacra
Número de partes 1
Número de movimentos 6
Ano de estréia 1724
Local de estréia Alemanha Leipzig

Ach Gott, vom Himmel sieh darein, BWV 2, (em português: Oh Deus, olhe para baixo do céu), é uma cantata composta por Johann Sebastian Bach em Leipzig em 1724 para o segundo domingo após a Trindade, que ocorreu neste ano em 18 de junho e que marca a data da primeira apresentação. As leituras prescritas para esse dia são I João 3: 13-18 e Lucas 14: 16-24 .[1]

Cantata Coral[editar | editar código-fonte]

Essa cantata é uma cantata coral, baseada exclusivamente nas palavras do coral homônimo publicado por Martinho Lutero em 1524,[2] que parafraseou o Salmo 12. As palavras são usadas sem alteração nos movimentos 1 e 6. Um poeta desconhecido transcreveu as idéias dos versículos 2-5 para os recitativos e arias. A cantata é a segunda de uma série de cantatas corais que Bach compôs no seu segundo ciclo anual em Leipzig.[3]

O tema do coral homônimo foi escrito por Martinho Lutero[4] , apesar de que Paul Speratus já havia usado a melodia em seu hino "Es ist das Heil uns kommen her" [5]

Notação e Estrutura[editar | editar código-fonte]

A obra foi escrita para trombones, oboés, violinos, viola e baixo contínuo, três solistas vocais (contralto, tenor e baixo) além de quatro partes para coro.

Compreende seis movimentos:

  1. Choral: Ach Gott, vom Himmel sieh darein
  2. Rezitativ (tenor): Sie lehren eitel falsche List
  3. Aria (contralto, violino): Tilg, o Gott, die Lehren
  4. Rezitativ (baixo, cordas): Die Armen sind verstört
  5. Aria (tenor): Durchs Feuer wird das Silber rein
  6. Choral: Das wollst du, Gott, bewahren rein

Música[editar | editar código-fonte]

No primeiro e no último movimento, com as palavras do hino original, o estilo da música é "arcaico", com os instrumentos dobrando as vozes. No primeiro movimento, a melodia do coral é cantada pelo contralto, em notas longas e cada trecho é preparado para entrada em fuga das outras partes, sobre o mesmo tema.[3] O 2º movimento é um recitativo secco, mudando para arioso em duas linhas semelhantes às palavras do coral, marcada pelo compositor como adagio. A ária de contralto está escrita no estilo "moderno" com um solo de violino, marcada pelo compositor como animada. O recitativo do baixo é acompanhado pelas cordas. A ária de tenor é contrastada por um concerto dos oboés e cordas, que são silenciosos na seção intermediária até a sua transição para o Da Capo.[3]

Para ouvir[editar | editar código-fonte]

Ach Gott, vom Himmel sieh darein
noicon
1º Movimento da Cantata BWV 2, de Johann Sebastian Bach pela Camerata Ars Musica.

Texto[editar | editar código-fonte]


1. Chor
Ach Gott, vom Himmel sieh darein
Und laß dich's doch erbarmen!
Wie wenig sind der Heilgen dein,
Verlassen sind wir Armen;
Dein Wort man nicht läßt haben wahr,
Der Glaub ist auch verloschen gar
Bei allen Menschenkindern.

2. Rezitativ
Sie lehren eitel falsche List,
Was wider Gott und seine Wahrheit ist;
Und was der eigen Witz erdenket,
- O Jammer! der die Kirche schmerzlich kränket -
Das muß anstatt der Bibel stehn.
Der eine wählet dies, der andre das,
Die törichte Vernunft ist ihr Kompaß;
Sie gleichen denen Totengräbern
Die, ob sie zwar von außen schön,
Nur Stank und Moder in sich fassen
Und lauter Unflat sehen lassen.

3. Arie
Tilg, o Gott, die Lehren,
So dein Wort verkehren!
Wehre doch der Ketzerei
Und allen Rottengeistern;
Denn sie sprechen ohne Scheu:
Trotz dem, der uns will meistern!

4. Rezitativ
Die Armen sind verstört,
Ihr seufzend Ach, ihr ängstlich Klagen
Bei soviel Kreuz und Not,
Wodurch die Feinde fromme Seelen plagen,
Dringt in das Gnadenohr des Allerhöchsten ein.
Darum spricht Gott: Ich muß ihr Helfer sein!
Ich hab ihr Flehn erhört,
Der Hilfe Morgenrot,
Der reinen Wahrheit heller Sonnenschein
Soll sie mit neuer Kraft,
Die Trost und Leben schafft,
Erquicken und erfreun.
Ich will mich ihrer Not erbarmen,
Mein heilsam Wort soll sein die Kraft der Armen.

5. Arie
Durchs Feuer wird das Silber rein,
Durchs Kreuz das Wort bewährt erfunden.
Drum soll ein Christ zu allen Stunden
Im Kreuz und Not geduldig sein.

6. Choral
Das wollst du, Gott, bewahren rein
Für diesem arg'n Geschlechte;
Und laß uns dir befohlen sein,
Daß sichs in uns nicht flechte.
Der gottlos Hauf sich umher findt,
Wo solche lose Leute sind
In deinem Volk erhaben.


1. Coro
Ah Deus, olha para baixo do céu
misericórdia e ainda sobre nós!
Como poucos são os teus santos,
que os pobres são abandonados;
Sua Palavra não é confirmada como verdadeira,
e a fé, é também extinta
entre toda a humanidade.
 
2. Recitativo
Eles ensinam o engano, vã falsidade,
que se opõe a Deus e à Sua verdade;
e qual o seu juízo próprio,
- O sofrimento! que tão dolorosamente enfraquece a igreja -
deve tomar o lugar da Bíblia.
Um escolhe isso, outros aquilo,
e motivo tolo é a sua bússola.
Eles são como os túmulos dos mortos,
que, embora possam ser limpos na parte externa,
contem fedor e mofo dentro deles
a mostrar a obscenidade pura.
 
3. A Aria
Ó Deus, retira os ensinamentos
que pervertem a Sua palavra!
Luta contra a heresia
e todos os espíritos divergentes;
E eles dizem sem vergonha:
Desafiamos quem nos governa!
 
4. Recitativo
Os miseráveis são confusos,
seus suspiros Ah, o choro ansioso
de tanto tormento e angústia,
através do qual o inimigo das almas justas,
anéis na orelha da graça de Deus Todo-Poderoso.
Para isso Deus diz: "Eu devo ser seu ajudante!
Eu tenho ouvido o seu choro;
o alvorecer róseo da ajuda,
o sol brilhante da verdade pura
é com o novo poder,
criação de esperança e de vida,
atualiza-los e torná-los felizes.
Vou ter pena de seu sofrimento,
Minha palavra de cura é a força dos fracos.

5. Aria
Através do fogo, a prata é purificada,
através da cruz a luta é verificada.
Portanto, um cristão deve continuamente
levar a sua cruz do sofrimento com paciência.
 
6. Coral
Este Deus, que iria nos manter puros
Antes desta ímpia corrida;
E vamos ser obedientes a você
Sob pena de ser marcado dentro de nós.
O ímpio cerca a multidão,
Quando as pessoas forem devassas
será exaltado entre o seu povo.

Referências

  1. Leituras prescritas pela Igreja Luterana (em inglês)
  2. Luther, Martin. Hinos de Martinho Lutero: Suas melodias originais, (versão em inglês). ed. Bacon, Leonard Woolsey e Allen, Nathan H.
  3. a b c Dürr, Alfred. 1971. "Die Kantaten von Johann Sebastian Bach", Bärenreiter (em alemão)
  4. Julian, John, ed., Um Dicionário de Hinologia: estabelecendo a origem e História dos hinos cristãos de todas as idades e nações, segunda edição revisada, 2 vols. np, de 1907, reimpressão, New York: Dover Publications, Inc., 1957, 1:322-25>
  5. Crist, Stephen A. Early Lutheran Hymnals and Other Musical Sources in the Kessler Reformation Collection at Emory University, Notes - Volume 63, Number 3, March 2007, pp. 503-528.

Vert também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Imagens e media no Commons


Ícone de esboço Este artigo sobre uma cantata de Bach é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.