Anthony Stafford Beer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Anthony Stafford Beer
Nascimento 25 de Setembro de 1926
Londres
Morte 23 de Agosto de 2002 (75 anos)
Toronto
Nacionalidade Reino Unido Britânico

Anthony Stafford Beer (Londres, 25 de Setembro de 1926Toronto, 23 de Agosto de 2002) foi um teórico da pesquisa operacional e da gestão cibernética.

Estudou filosofia na University College London, mas teve de interromper os estudos em 1944 para incorporar o exército britânico na Segunda Guerra Mundial. Serviu na Índia, onde permaneceu até 1947, sendo finalmente desmobilizado do exército em 1949, tendo obtido o grau de capitão.

Ele tomou contacto com a pesquisa operacional no exército e em breve se deu conta das vantagens de sua aplicação no mundo dos negócios. Ele trabalhou para a United Steel e convenceu a gestão da empresa a fundar um grupo de pesquisa operacional, o departamento de pesquisa operacional e cibernética, que ele liderou.

Em 1959 ele publicou o seu primeiro livro Cybernetics and Management, no qual elabora sobre as ideias de Norbert Wiener, Warren McCulloch e especialmente William Ross Ashby para uma abordagem da gestão organizacional com base na teoria dos sistemas.

Após ter ganho experiência, ele deixou a United Steel em 1961 para fundar uma empresa de consultoria de pesquisa operacional juntamente com Roger Eddison chamada SIGMA (Science in General Management). Beer deixou de ter o controle da empresa em 1966, altura em que o cliente da SIGMA International Publishing Corporation (IPC) tomou conta. Beer tornou-se o director de desenvolvimento da IPC e foi um fomentador da adopção de novas tecnologias informáticas. Também em 1966 ele escreveu Decisão e Controle. Deixou a IPC em 1970 para trabalhar como consultor independente, reflectindo também o seu interesse crescente em sistemas sociais.

O seu maior projecto independente nunca chegou a ser completado. Ele foi contratado pelo governo socialista do Chile em 1971 para desenvolver um sistema computadorizado a tempo-real que deveria gerir a economia social. Quando Pinochet tomou o controle em 1973, o professor Beer teve de abandonar o projecto. Beer continuou a trabalhar nas Américas, sendo consultor dos governos do México, Uruguai e Venezuela. Ele também escreveu uma série de quatro livros, baseando-se no seu Viable System Model para a modelaçáo de organizações - Platform for Change, Designing Freedom, Heart of Enterprise e The Brain Of The Firm.

Nos meados da década de 1970 Beer renunciou ao seu estilo de vida material anterior e foi viver para o centro do País de Gales, onde ele passou a viver quase austeramente, interessando-se pela poesia e pela arte. A partir dos anos 80, ele passou a ter uma segunda casa em Toronto. Ele continuou a trabalhar no seu ramo de conhecimento e em 1994 publcou Beyond Dispute: The Invention of Team Syntegrity. Team Syntegrity é um modelo formal baseado na ideia do poliedro nos sistemas aplicada à resolução de problemas não hierárquicos.

Ele foi um professor visitante em quase 30 universidades e recebeu o doutoramento Honoris Causa pela universidade de Sunderland. Stafford Beer foi presidente da World Organization of Systems and Cybernetics e foi premiado pela academia real sueca para as ciências da engenharia. Ele uniu as sociedades United Kingdom Systems Society, American Society for Cybernetics, e Operations Research Society of America.

Beer casou duas vezes, em 1947 com Cynthia Hannaway e em 1968 com Sallie Steadman. Teve 5 filhos e 3 filhas.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]



O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Anthony Stafford Beer