Jacque Fresco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jacque Fresco
Jacque Fresco, 2006
Nascimento 13 de março de 1916 (98 anos)
Nacionalidade americano
Ocupação Futurista
Página oficial
http://www.thevenusproject.com/

Jacque Fresco (13 de Março de 1916) é um autodidata projetista industrial, engenheiro social, escritor, professor, futurologista, inventor[1] [2] [3] que trabalhou numa grande variedade de áreas desde inovações bio-médicas a sistemas sociais totalmente integrados. Ele acredita que suas idéias irão beneficiar o maior número de pessoas e diz que algumas de suas idéias vem de dos anos de sua formação durante a Grande Depressão.[4]

O Projeto Venus iniciou-se em meados dos anos 70 por Fresco e sua parceira, Roxanne Meadows. O filme Future by Design foi produzido em 2006 descrevendo sua vida e trabalho. Atualmente ele escreve e ensina extensivamente sobre assuntos desde o holístico projeto de cidades sustentáveis, eficiência energética, gerenciamento de recursos naturais e automação avançada, focando nos benefícios que irão trazer à sociedade..[2] [5]

Vida, invenções e carreira[editar | editar código-fonte]

Juventude[editar | editar código-fonte]

Jacque Fresco cresceu em Bensonhurst, no Brooklyn. Por não ter interesse nenhum na educação formal, Fresco, segundo ele próprio, largou a escola aos 14 anos.[6] Durante essa época, costumava passar seu tempo livre na biblioteca local, onde investigava assuntos do seu próprio interesse. [7] O talento de Fresco em atuação o levou a ganhar um prêmio em uma competição dramática em Nova York. Fresco também desde cedo expressou suas aptidão artística em pintura e desenho.

Posteriormente, Fresco se referiu à pobreza que vivenciou durante a infância durante a Grande Depressão como influência na sua atitude perante a sociedade. [8] Fresco participou, durante a juventude, da Liga Comunista da sua cidade. No entanto, após uma discussão com o presidente da Liga durante um encontro, Fresco foi "enxotado" após dizer em voz alta que "Karl Marx estava errado!" [9] Nos anos 30, passou a se dedicar à Tecnocracia. Foi durante essa época que também iniciou sua carreira como designer estrutural.

Trabalhos anteriores[editar | editar código-fonte]

Ele trabalhou para várias companhias e em muitos diferentes campos como consultor técnico para a Motion Picture Industry, instrutor de design industrial na Art Center School, em Hollywood, California. Em Los Angeles, ele foi colega e sócio de trabalho do psicólogo Donald Powell Wilson.

Em 1942, Fresco criou a Revell Plastics Company (Agora Revell-Monogram) com Lou Glaser, embora ele depois tenha deixado para prosseguir com suas outras ideias, trabalhando diversas vezes em pesquisa e desenvolvimento aeroespacial, arquitetura, design eficiente de automóveis, métodos de projeção de sistema de cinema 3D, e design de equipamento médico onde ele desenvolveu uma unidade de raio-X tridimensional entre outras coisas.

O Projeto Venus[editar | editar código-fonte]

O Projeto Venus foi iniciado em 1975 por Fresco e Roxanne Meadows em Venus, Florida. Seu centro de pesquisa é uma propriedade de 21 acre (85,000 m2) que contêm várias construções de seu design, onde eles trabalham em livros e filmes para demonstrar seus conceitos e ideias. Fresco produziu um extenso número de modelos em pequena escala baseados em seus desenhos, bem como várias edificações construídas com base em seus conceitos de simplicidade, sustentabilidade e estética. Com edifícios em forma de [domo] altamente resistentes e eficientes, separados por lagos, jardins e trilhas projetados de maneira que de uma construção não seja possível ver a outra, dando a oportunidade à frequentes visitantes de vislumbrar um pouco do mundo do amanhã de Fresco. O Projeto Venus foi incorporado em 1995.

O projeto foi fundado na ideia de que a pobreza é causada pela sufocação do progresso da tecnologia, causada pelo sistema econômico mundial baseado no lucro e as instituições conservadoras que nele se apoiam.

Fresco acha que se, o progresso da tecnologia fosse exercido independente da necessidade de lucro, poderiam ser postas em prática maneiras (já prontas e à inventar) de multiplicar e aproveitar melhor os recursos naturais da terra, criando assim uma [economia baseada em recursos], que eliminaria a escassez e permitiria que ninguém sofresse de privações. Esta abundância récem-descoberta reduziria a tendência humana à dependência, corrupção e à ganância. Sem privações e sem a alienação do próprio potencial de criação perante a necessidade de lucro, as pessoas seriam livres para criar e desenvolver seus projetos pessoais, ajudando, assim, no desenvolvimento de toda a comunidade . Fundamental para o projeto, é a eliminação do atual [sistema monetário] e sua substituição por uma "[Economia baseada em recursos". A existência de dinheiro, como dito no filme "[Zeitgeist Adendum]", é ligada à existência de crimes, corrupção, pobreza, poluição, guerras, escassez e outros problemas contemporâneos.

De acordo com uma entrevista de 2008 com Fresco e Meadows, a falta das "credenciais" de Fresco, torna difícil para ele ganhar influência em círculos acadêmicos. Ele diz que quando universidades o convidam pra falar, geralmente não lhe dão tempo necessário para explicar seus pontos de vista.

O Movimento Zeitgeist[editar | editar código-fonte]

O Projeto Venus é mostrado no documentário de 2008, Zeitgeist: Addendum, como uma possível solução para os problemas globais explicados no filme. O filme foi premiado no 5º Festival Anual de filmes ativistas, em Los Angeles, California em 2 de Outubro de 2008, vencendo seu maior prêmio, e ele foi lançado online gratuitamente no Google Video em 4 de Outubro de 2008. Após o filme Zeitgeist, o movimento de mesmo nome, foi criado para a transição da economia com base monetária para uma economia baseada em recursos.

Economia Baseada em Recursos[editar | editar código-fonte]

Um dos temas principais de Fresco é seu conceito de uma economia baseada em recursos que substitui a necessidade da economia monetária orientada à escassez, que temos atualmente. Fresco argumenta que o mundo é rico em recursos naturais e energia, e que - com a tecnologia moderna e a eficiência - as necessidades da população global podem ser atendidas com a abundância, e ao mesmo tempo remover as limitações atuais de que o que é considerado possível devido às noções de viabilidade econômica.

Ele dá um exemplo pra ajudar a explicar a ideia:

"No começo da 2ª Guerra mundial, os EUA tinham meros 600 aviões caça. Nós rapidamente superamos essa curta demanda desativando mais de 90.000 aviões por ano. A questão no começo da Segunda Guerra Mundial era: Nós temos os fundos para produzir os implementos requeridos pra guerra? A resposta era não, nós não tinhamos dinheiro suficiente, nem tinhamos ouro suficiente, mas nós tinhamos mais do que recursos suficientes. Estavam disponíveis recursos que fizeram os EUA alcançarem a alta produção e eficiência necessária para vencer a guerra. Infelizmente isto só é considerado em tempos de Guerra."

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Keyes, Ken; Fresco, Jacque. Looking Forward. South Brunswick Township: Alfred Smith Barnes, 1969. ISBN 0-498-06752-1. OCLC 21606
  • Fresco, Jacque. Introduction to Sociocyberneering. Miami: ociocyberneering, 1977. OCLC 6036204.
  • Fresco, Jacque. Sociocyberneering Presents: Cities in Transition. Miami: Sociocyberneering, 1978.
  • Fresco, Jacque. Sociocyberneering Presents: The Determinants of Behavior. Miami: Sociocyberneering, 1978.
  • Fresco, Jacque. Structural Systems and Systems of Structure. Miami: Sociocyberneering, 1979.
  • Fresco, Jacque. The Venus Project: The Redesign of a Culture. Venus: Global Cyber-Visions, 1995. OCLC 33896367.
  • Fresco, Jacque. And The World Will Be One. [S.l.: s.n.], 1997.
  • Fresco, Jacque. The Best that Money Can’t Buy: Beyond Politics, Poverty & War. Venus: Global Cyber-Visions, 2002. ISBN 0-9648806-7-9. OCLC 49931422.
  • Maynard, Elliott; Fresco, Jacque. Transforming the Global Biosphere: Twelve Futuristic Strategies. Sedona: Arcos Cielos Research Center, 2003. ISBN 0-9721713-1-2. OCLC 78763038.
  • Fresco, Jacque; Venus Project. Designing the Future. Venus: The Venus Project, 2007. OCLC 287285303.

Filmes[editar | editar código-fonte]

  • The Venus Project: The Redesign of a Culture (1994)
  • Welcome to the Future (2001)
  • Cities in the Sea (2002)
  • Self-erecting Structures (2002)
  • Future by Design (2006)
  • Zeitgeist: Addendum (2008)
  • Zeitgeist: Moving Forward (2011)
  • Paradise or Oblivion (2012)

Referências

  1. Jacque Fresco On The Future - Forbes.com(em inglês).
  2. a b Living On Purpose: Interview with Fresco and Meadows (em inglês).
  3. Corrias, Angela. "The Zeitgeist Movement: practical advices to build a better future (em inglês)", Herald de Paris, March 19, 2009. Página visitada em 2009-04-08.
  4. Future by Design (em inglês) no Internet Movie Database
  5. parole!(em inglês).
  6. {{citar web|url= http://www.wsvn.com/features/articles/specialreport/MI114870/
  7. Catran, Jack (1988), "Genesis – Bensonhurst Beginnings", Walden Three, Sherman Oaks, CA: Pygmalion Books/Jade Publications, pp. 64–68, ISBN 978-0-936162-30-0
  8. A Grande Depressão, vídeo do Project Venus
  9. Rolfe, Lionel (1998), "Unpopular Science", Fat Man on the Left, Los Angeles: California Classics Books, pp. 158–161, ISBN 978-1-879395-01-5

Ver também[editar | editar código-fonte]

  • Movimento Tecnocrata - Jacque Fresco foi membro do Movimento Tecnocrata por vários anos. Porém, há muitas diferenças entre as idéias de Jacque e aquilo que o movimento Tecnocrata pensa. Jacque não se considera um "tecnocrata".
  • Buckminster Fuller
  • Anarquismo