Darkstalkers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Darkstalkers
Desenvolvedora(s) Capcom
Distribuidora(s) Capcom
Local de origem Japão
Primeiro título Darkstalkers: The Night Warriors
1994
Último título Vampire: Darkstalkers Collection
2005
Spin-off(s) Quadrinhos, Séries de TV e videojogos.
Portal Portal de jogos eletrônicos

Darkstalkers, conhecido como Vampire (ヴァンパイア, Vanpaia?) no Japão e na Ásia, é uma série de jogos eletrônicos de luta produzido pela Capcom, utilizando o novo hardware, a placa CPS-2. Sua característica mais marcante é a própria idéia de construção dos personagens, que são folclóricos (como o vampiro), de origem literária, como a criatura criada no laboratório do Dr. Frankenstein ou que possam vir a habitar o imaginário do homem.

Darkstalkers foi revolucionário na área de jogabilidade e gráficos o que terminou influenciando outros jogos da Capcom, como a série Street Fighter, com o lançamento de Street Fighter Zero.

Jogos[editar | editar código-fonte]

Vampire / Darkstalkers: The Night Warriors (1994)[editar | editar código-fonte]

O primeiro título da série. Possui dez personagens selecionáveis (Demitri Maximoff, Morrigan Aensland, Jon Talbain, Victor von Gerdenheim, Zabel/Lord Raptor, Anakaris, Felicia, Bishamon, Aulbath/Rikuo e Sasquatch) mais dois chefes não-selecionáveis (Phobos/Huitzil e Pyron). O jogo possui características de Street Fighter, mesclado com algumas novas técnicas, como Air Blocking (bloqueios aéreos), Crouch Walking (andar agachado) e Chain Combos (combos em sequencia). Assim como acontece em Super Street Fighter II: Turbo, foi incluido uma barra de Super Combo (aqui chamado de Super Moves), porém divida em três níveis. Em termos de história, o primeiro título da série, é bem simples: Pyron, o senhor supremo e poderoso do fogo, decide fazer um torneio para ver qual dos monstros é digno de se tornar o rei da noite. Porém, cada um dos personagens lutam por causas distintas. Foi lançado para o console Playstation.

Vampire Hunter / Night Warriors: Darkstalkers' Revenge (1995)[editar | editar código-fonte]

Na história do jogo, Pyron retorna para adicionar a Terra na sua coleção de mundos. Os monstros mais poderosos do mundo se inscrevem no torneio e, ironicamente, são a última linha de defesa da humanidade. Entretanto, se inscrevem no torneio três caçadores de darkstalkers, Donovan Baine e Lei Lei/Hsien-Ko acompanhada de sua irmã Lin Lin/Mei Ling, que participa das lutas transformada em um fu-in, uma espécie de pedaço de pergaminho sagrado que fica fixado em seu chapéu.

A mudança mais marcante em seu sistema de jogo é a adição das "Hunter Chains", que envolve a combinação de uma série de ataques básicos, desde o ataque fraco ao forte, fazendo com que o jogabilidade se torne bem mais dinâmica que o seu predecessor. Ele também é utilizado na série crossover de jogos da Capcom envolvendo os personagens da editora Marvel. Outras mudanças a se citar em seu sistema de jogo, são os "recovery rolls", que permitem o personagem deslizar para trás ou para frente, antes de se levantar do chão e os ataques ao oponente caído. Também foi introduzido dois tipos de Super Moves: os Es Specials, versões mais poderosas dos golpes especiais e os Specials EX. Ambos requerem uma barra especial completa para a execução. O jogador ainda pode escolher entre o modo "Normal" e o de Auto-Blocking, ou seja, defesa automática.

O som, em comparação ao jogo anterior foi melhorado. As músicas dos estágios foram remixadas e melhoradas, merecendo destaque as de Zabel/Lord Raptor e Victor von Gerdenheim.

O jogo Vampire Hunter/Night Warrior's: Darkstalkers Revenge saiu para o videogame Sega Saturn.

Vampire Savior / Darkstalkers 3: Lord of Vampire (1997)[editar | editar código-fonte]

Comparado com os outros jogos da série, Vampire Savior/Darkstalkers 3 é o que possui a história mais elaborada. O jogo ocorre anós após o segundo jogo da série, numa época de caos no Makai. Jedah, um dos nobres mais elevados do Makai voltou após uma morte prematura que ocorreu anos atrás. vendo o estado que se encontra o demon world, decide que a única maneira de acabar com o caos seria recriando o mundo. Para isso, ele cria o Majigen, um mundo separado dentro do próprio Makai, para onde ele irá sugar todas as almas e fundir cada uma, e uma espécie de útero, de onde vai sair seu novo deus. Com isso, ele recriaria o Makai a sua própria imagem e semelhança, com o mundo humano posteriormente.

As primeiras mudanças notáveis são a ausência de Donovan Baine, Huitzil e Pyron e a entrada de quatro novos personagens, Lilith, Q-Bee, Jedah e Bulleta/B. B. Hood. Quanto ao sistema de jogo, foi bruscamente mudado, baseando-se no Damage Gauge System, onde as batalhas acontecem num período de um round para cada lutador onde seus marcadores de vida vão diminuindo, até ser esvaziada completamente. Esse siatem é similar ao do jogo Killer Instinct. O jogo também introduz uma nova habilidade, o Dark Force, onde o personagem ganha habilidades especiais por um tempo limitado.

O jogo saiu para Sega Saturn e Playstation, com o nome de Vampire Savior/Darkstalkers 3: Jedah's Damnation, pois reunia elementos do Vampire Savior/Darkstalkers 3 dos arcades com outros dois jogos da série, que são edições especiais, Vampire Hunter 2 e Vampire Savior 2, lançados apenas no Japão. Nas versões caseiras há a possibilidade de jogar com novos personagens como Oboro Bishamon, Dark Gallon/Dark J. Talbain, Marionette e Shadow e também jogar como Lin Lin/Mei Ling.

Edições Especiais[editar | editar código-fonte]

Vampire Hunter 2 / Vampire Savior 2 (1997, apenas no Japão)[editar | editar código-fonte]

Vampire Hunter 2 e Vampire Savior 2 são duas versões de Vampire Savior/Darkstalkers 3 que foram lançadas apenas no Japão. As diferenças principais em relação ao jogo original são os personagens. Em Vampire Hunter 2 Donovan Baine, Phobos/Huitzil e Pyron reaparecem e as músicas são baseadas nas do jogo Vampire Hunter/Night Warriors. Em Vampire Savior 2, Donovan Baine, Phobos/Huitzil e Pyron retornam, mas Gallon/Jon Talbain, Sasquatch e Aulbath/Rikuo saíram. Nas versões caseiras de Vampire Savior/Darkstalkers 3, que une característica dos dois arcades, possui todos os dezoito personagens.

Vampire Chronicle for Matching Service (2000, apenas no Japão)[editar | editar código-fonte]

Jogo produzido para Sega Dreamcast, lançado apenas no Japão. Todos os dezoito personagens estão inclusos, e ainda se tem a opção de escolher com qual versão de cada um você quer jogar, Vampire/Darkstalkers, Vampire Hunter/Night Warriors, Vampire Savior, Vampire Hunter 2 ou Vampire Savior 2, assim como suas jogabilidades. Como o título sugere, é possível jogá-lo em rede, usando a conexão de 56k do Sega Dreamcast.

Darkstalkers Chronicle: The Chaos Tower (2005)[editar | editar código-fonte]

É a mesma versão lançada para o Sega Dreamcast, agora no PSP, como uma jogabilidade extra, chamada "Tower", que parece uma combinação de sorte entre The King of Fighter's XI, no modo torneio e Street Fighter Zero 3, no modo World Tour.

Vampire: Darkstalkers Collection (2005, apenas no Japão)[editar | editar código-fonte]

Lançado para PlayStation 2. Uma compilação de todos os cinco jogos de Darkstalkers do arcade com segredo dos "Arranged Versions" de cada jogo. Neste jogo nos é apresentado um novo personagem para a saga, chamado Dee.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Vampire / Darkstalkers[editar | editar código-fonte]

Vampire Hunter / Night Warriors[editar | editar código-fonte]

  • Donovan Baine (Dhampir e caçador de Darkstalkers. Ele é o Vampire Hunter do título japonês);
  • Anita (Humana com poderes paranormais, não selecionável e "filha adotiva" de Donovan);
  • Lei Lei / Hsien-Ko (Jiang-Shi - criatura mais conhecida no ocidente como Vampiro Chinês ou Cadáver Saltitante - e caçadora de Darkstalkers)
  • Lin Lin / Mei Ling (Jiang-Shi, não selecionável e irmã de Hsien-Ko, tomando a forma de um fu-in [selo] nas lutas).

Vampire Savior / Darkstalkers 3[editar | editar código-fonte]

Nos Consoles[editar | editar código-fonte]

Na mídia[editar | editar código-fonte]

  • Assim como Street Fighter, Darkstalkers ganhou uma série animada, produzida nos Estados Unidos. O enredo da série e a caracterização de alguns persoangens são modificados e há a inclusão de um novo personagem exclusivo, de nome Harry Grimoire. Essa série não agradou muito aos fãs, pois o enredo foi focado no público infantil.
  • No Japão foi lançado uma série de OVA's de quatro episódios intitulada de Vampire Hunter: The Animated Series (Night Warriors: The Animated Series nos Estados Unidos). Muitas vezes se confude o enredo deste anime com o do jogo.
  • A editora americana Udon Comics produziu recentemente uma hq de 6 episódios.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]