Factor de necrose tumoral

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Factores de necrose tumoral (TNF) refere-se a um grupo de citocinas que provoca a morte celular.

No fim do século XIX, William Coley, um cirurgião de Nova Iorque, descreveu remissão de tumores após infecção bacteriana. Em 1975 a proteína responsável por este processo foi identificada e chamada factor de necrose tumoral alfa1 .

Os TNF actuam via receptores TNF e são parte da via extrínseca para provocar apoptose. Os receptores TNF estão associados com pró-caspases através de proteínas adaptadoras (FADD, TRADD, etc.) que clivam outras pró-caspases inactivas e desencadeiam a cascata de caspases, irreversivelmente induzindo a célula para a apoptose.

TNF interage com células tumorais para desencadear a citolise ou morte celular.

TNF interage com receptores em células endoteliais, o que leva a um aumento da permeabilidade vascular permitindo que os leucócitos acessem o local de infecção. Este é um tipo de resposta inflamatória localizado, apesar de a libertação sistémica levar a choque séptico e morte.

Tipos[editar | editar código-fonte]

  • Factor de necrose tumoral alfa (TNF-α) é o mais conhecido membro desta classe.
  • Factor de necrose tumoral beta (TNF-β), também conhecido como linfotoxina, é uma citocina que é induzida pela interleucina 102

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Terlikowski SJ: Tumour necrosis factor and cancer treatment: a historical review and perspectives.
  2. Lippincott's Illustrated Reviews: Immunology. Paperback: 384 pages. Publisher: Lippincott Williams & Wilkins; (July 1, 2007). Language: English. ISBN 0-7817-9543-5. ISBN 978-0-7817-9543-2. Page 68

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre proteínas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.