Gabriel Fahrenheit

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gabriel Fahrenheit
Física
Dados gerais
Nome de nascimento Daniel Gabriel Fahrenheit
Nacionalidade Alemanha Alemão
Nascimento 24 de maio de 1686
Local Danzig
Chorągiew królewska króla Zygmunta III Wazy.svg República das Duas Nações
Morte 16 de setembro de 1736 (50 anos)
Local Haia, Holanda do Sul
 Países Baixos
Causa intoxicação por mercúrio
Progenitores
Mãe Concordia Fahrenheit
Pai Daniel Fahrenheit
Atividade
Campo(s) Física
Conhecido(a) por invenção da escala Fahrenheit
Assinatura
Daniel Gabriel Fahrenheit Signature.svg
Local de Nascimento de Fahrenheit

Daniel Gabriel Fahrenheit (Danzig, 24 de maio de 1686Haia, 16 de setembro de 1736) foi um físico e engenheiro e soprador de vidro alemão-polonês,[1] [2] ele é mais conhecido por ter inventado o termômetro de mercúrio (1714), e pelo desenvolvimento de uma escala de temperatura em sua homenagem.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Fahrenheit nasceu em Gdańsk, na então República das Duas Nações, para onde sua família mudou-se em 1687. Filho do mercador Daniel Fahrenheit e Concordia Fahrenheit, filha da tradicional família de comerciantes Schumann, de Gdańsk, Daniel foi o mais novo dos cinco filhos que sobreviveram à infância (dois filhos e três filhas). O avô de Daniel, Reinhold Fahrenheit vom Kneiphof, mudou-se de Königsberg para Gdańsk e se estabeleceu como mercador. Pesquisas sugerem que a família Fahrenheit é originaria de Hildesheim, entretanto eles viveram em Rostock antes de mudarem para Königsberg.

Um acidente com o consumo de cogumelos venenosos causou a morte de seus pais. Entretanto, seu interesse por ciências naturais causou nele gosto pelo estudo e experimentações nesse campo. Fahrenheit foi estudar em Amsterdã, onde teve lições em química. Em 1724 tornou-se membro da Royal Society. Construiu aerômetros e deu forma definitiva ao termômetro de álcool e depois ao de mercúrio; para o último, concebeu a graduação que conservou seu nome. A escala de casas Fahrenheit ainda é utilizada nos países anglo-saxões. Quando Fahrenheit construiu seu primeiro termômetro, ele usou álcool. Depois ele passou a usar mercúrio, obtendo melhores resultados. Após examinar todos os termômetros, barômetros, higrômetros e aerômetros a que teve acesso, decidiu aperfeiçoar as técnicas de fabricação desses instrumentos, com o objetivo de obter leituras mais precisas. Suas pesquisas sobre as possíveis causas dos resultados divergentes apresentados pelos aparelhos conduziram-no a muitas descobertas importantes. Fahrenheit criou uma nova escala termométrica, cujo ponto mínimo (0 °F) determinou utilizando uma mistura de água, gelo pilado, sal e amônia. O ponto máximo é o da ebulição da água, 212 °F, e a temperatura de fusão do gelo, à pressão de uma atmosfera, corresponde a 32 °F. Fahrenheit prosseguiu suas pesquisas nos Países Baixos até a morte por intoxicação de mercurio, em Haia, em 16 de setembro de 1736. Fahrenheit fez muitas descobertas, mas não se tornou conhecido em todo o mundo por suas pesquisas e sim pela escala termométrica batizada com seu nome.

Referências

  1. a b Encyclopedia Britannica "Science & Technology: Daniel Gabriel Fahrenheit" [1]
  2. Encyclopedia of World Biography "Gabriel Fahrenheit"

Ligações externas[editar | editar código-fonte]