Gentoo/FreeBSD

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gentoo/FreeBSD
Produção Gentoo Foundation
Família do SO FreeBSD
Modelo Código Aberto
Estado Corrente
Lançamento outubro de 2004 (10 anos) [1] (em português)
Versão estável nenhuma
Versão em teste 6.2-r1 / 6 de maio de 2007; há 398 semanas
Método de atualização Emerge
Arquitetura(s) i386, SPARC64
Gestão de pacotes Portage
Núcleo Monolítico (FreeBSD)
Interface bash
Licença BSD, GNU GPL
Página oficial Gentoo/FreeBSD (em inglês)., acessado pela última vez há 311 semanas

Gentoo/FreeBSD é um sistema operacional tipo unix mantido por desenvolvedores do projeto Gentoo Linux, o projeto visa trazer o design, estrutura e ferramentas, como o sistema portage, e também o baselayout do Gentoo Linux para o sistema operacional FreeBSD. O Gentoo/FreeBSD é um subprojeto que faz parte do projeto Gentoo/*BSD.

O projeto encontra-se em desenvolvimento, por enquanto, mas está próximo de ser estável, seu stage encontra-se presente nos servidores espelho da Gentoo, juntamente com instruções que permitem a instação de um sistema Gentoo/FreeBSD completo.[2] (em inglês)

Motivações[editar | editar código-fonte]

O alvo do projeto é criar um sistema completo, que utilize o layout e o sistema init do Gentoo Linux, mas que utilize um sistema operacional FreeBSD puro subjacente.[3] (em inglês)

Como parte dos motivos práticos e técnicos para tal projeto, deve ser notado que este projeto possui outras implicações: ao substituir o ports com outras receitas para compilações, ebuilds, o Gentoo/FreeBSD irá ajudar na portabilidade de softwares devido a patches específicos presentes no ports, que são reescritos de modo que se tornam mais genéricos e são enviados para os desenvolvedores originais para serem adicionados ao sistema Portage.[4] (em português)

Gentoo/FreeBSD também utiliza o GNU toolchain do Gentoo, ao invés do original para o FreeBSD, permitindo testar códigos específicos do FreeBSD em um ambiente que de outro modo não poderia ser utilizado.[5] (em inglês)

O objetivo original, de longa data era o de ser capaz de escolher qualquer combinação de software entre versões GNU/Linux e BSD, no entanto isto deixou de ser uma prioridade, de modo que não é algo viável no dado presente.

O sistema de ebuilds do FreeBSD é integrado à árvore principal do portage, mas esta portabilididade está longe de estar completa devido a quantidade de pacotes que ainda precisam ser portados e a falta de um Live CD próprio, atualmente o Live CD do FreeSBIE[6] (em inglês) é utilizado para o processo de instalação e configuração inicial do sistema.

Logotipo[editar | editar código-fonte]

O logotipo atual e (semi) official para o Gentoo/FreeBSD é um "g" daemonizado, derivado do logotipo original do Gentoo Linux e inspirado no BSD Daemon. Ele foi desenhado pelo Marius Morawski, respondendo a uma concurso não-oficial lançado por Diego Pettenò em seu blog.[7] (em inglês)

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Gentoo/FreeBSD (em português)., acessado pela última vez há 311 semanas
  2. Project Description (em inglês)., acessado pela última vez há 311 semanas
  3. FreeBSD and Linux (em inglês)., acessado pela última vez há 311 semanas
  4. Portage tarballs disponíveis para OpenBSD e FreeBSD (em português)., acessado pela última vez há 311 semanas
  5. 2. Which toolchain is being used to build the system? (em inglês)., acessado pela última vez há 311 semanas
  6. Installing Gentoo/FreeBSD (em inglês)., acessado pela última vez há 311 semanas
  7. Not-so-official Gentoo/FreeBSD artwork contest (em inglês)., acessado pela última vez há 311 semanas

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.