Haplorrhini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaHaplorrhini
Macaco-de-cheiro (Saimiri scireus)

Macaco-de-cheiro (Saimiri scireus)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Infraclasse: Placentalia
Ordem: Primatas
Subordem: Haplorrhini
Pocock, 1918
Infraordens
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Haplorrhini
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Haplorrhini

Haplorrhini é uma subordem de primatas e distingue-se da subordem Strepsirrhini, pela estrutura do nariz. O nariz dos haplorrinos possuem uma membrana ao redor das narinas, não limitando a gama de expressões faciais. Posuem um diâmetro cerebral maior e uma visão melhor, distinguindo cores e chegando a ser quase todos diurnos. Todos os símios posuem um útero de câmara única, e os tarsiiformes, bicordada como os estrepsirrinos. São acostumados a parir uma única cria e o tempo que pasam com ela é maior que o dos estrepsirrinos.

Classificação e evolução[editar | editar código-fonte]

Se crê que se separaram dos estrepsirrinos há 63 milhões de anos. A primera divisião na clade dos tarsiídeos se produziu em teoria faz 58 milhões de anos, por isso, muitos autores os colocam como Strepsirrhini.

O resto, Simiiformes (antes Anthropoidea), são os macacos do Velho e Novo Mundo, que até faz pouco, se acreditava que se haviam separado na África, mas hoje com os fósseis achados no Paquistão de Bugtipithecus inexpectans, Phileosimias kamali e Phileosimias brahuiorum se replantou esta aseveração.

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Marivaux L, et al. 2005. Anthropoid primates from the Oligocene of Pakistan (Bugti Hills): data on early anthropoid evolution and biogeography. Proc Nat Acad Sci USA 102: 8436-8441. [1]