Ipixuna

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Ipixuna
"Pérola do Juruá"
[[Ficheiro:
Bandeira Ipixuna - Am
|125px|none|border|Bandeira de Ipixuna]]
Brasão desconhecido
Bandeira Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 18 de Fevereiro
Fundação 1955
Gentílico ipixunense
Prefeito(a) Aguimar Silverio (PSDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Ipixuna
Localização de Ipixuna no Amazonas
Ipixuna está localizado em: Brasil
Ipixuna
Localização de Ipixuna no Brasil
07° 03' 03" S 71° 41' 42" O07° 03' 03" S 71° 41' 42" O
Unidade federativa  Amazonas
Mesorregião Sudoeste Amazonense IBGE/2008[1]
Microrregião Juruá IBGE/2008[1]
Distância até a capital 1,380 km
Características geográficas
Área 13 565,920 km² [2]
População 25 362 hab. IBGE/2013[3]
Densidade 1,87 hab./km²
Clima tropical, chuvoso e úmido.
Fuso horário UTC-5
Indicadores
IDH-M 0,481 (AM: 59º) – muito baixo PNUD/2010[4]
PIB R$ 83 564,769 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 4 681,50 IBGE/2008[5]
Página oficial

Ipixuna é um município brasileiro localizado no interior do estado do Amazonas. Pertencente à mesorregião do Sudoeste Amazonense e microrregião de Juruá, seu nome provém do Rio Ipixuna, um dos principais afluentes do Rio Juruá, com a extensão de cerca de 300 km.

Em 2000, a cidade foi classificada com o quinto pior índice de desenvolvimento humano do Brasil, o que vem motivando várias ações governamentais no intuito de desenvolver a cidade. Sua população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) era de 22 867 habitantes em 2011.[3]

Topônimo[editar | editar código-fonte]

"Ipixuna", em língua tupi, significa "água escura"[6] , denominação esta dada pelos índios Catuquinas, Culinas e Canamaus ao Rio Ipixuna.

História[editar | editar código-fonte]

Em meados do séc. XIX dá-se a fixação de estrangeiros, no território atual do município. Em 1857, João da Cunha sobe o grande rio, até a foz do Juruá-Mirim. Em 1877 têm-se notícias de geral fixação de cearenses no rio Juruá. Em 1833 ocorre o povoamento de Riozinho (localizado no centro do atual do município) por Artur Marques de Menezes. Em 19.12.1955, pela Lei Estadual no. 96 é criado o município de Ipixuna, desmembrado do município de Eirunepé. A instalação do novo município dá-se em 18.02.1956. Em 04.06.1968 Ipixuna é enquadrado entre os municípios considerados "Área de Segurança Nacional".

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 07º03'03" sul e a uma longitude 71º41'42" oeste. O município tem 25 362 e possui uma área de 13,630 km² aproximadamente e está localizado no Estado do Amazonas, a margem esquerda do rio Juruá, pertencendo a 4ª sub-região denominada Região do Juruá. Limita-se com 5 municípios do Estado do Amazonas e um do Acre: ao norte - Atalaia do Norte e Benjamim Constant, ao Sul - Tarauacá- AC, a Leste - Eirunepé e a Oeste - Guajará. Quanto aos aspectos físicos, Ipixuna é caracterizado com: relevo constituído por terras de várzeas e terras firmes. As várzeas com suas terras mais baixas alagam durante as enchentes dos rios. As terras firmes ocupam a maior parte do relevo e apresentam terrenos com oscilações. Hidrografia O município é banhado pelo rio Juruá que é um afluente da margem direita do rio Solimões, que ao encontrar com o afluente de nome rio Negro recebe o nome de Amazonas. O rio Juruá nasce nas cordilheiras dos Andes , constitui uma via natural de Transporte , ligando a sede do município as suas localidades e ao vizinho Estado do Acre(Cruzeiro do Sul), aos municípios de Guajará, Eirunepé, Itamarati, Carauari, Juruá e a capital do Estado através do rio Solimões. Os principais afluentes do rio Juruá na área do Município de Ipixuna são: Campinas, Liberdade, Gregório, Riozinho do Penedo, Curu (Mesquita), Porto Rico, (limão), Salva Vida, Santa Rosa, Uanamani, Rio Douro.

Clima[editar | editar código-fonte]

o clima caracteriza-se por temperaturas elevadas e pela umidade. No verão os dias apresentam -se quentes , no entanto nos meses de maio e junho ocorrem friagens. o período de novembro e março é o mais chuvoso.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. a b Estimativa Populacional 2013 (PDF) Censo Populacional 2013 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1º de julho de 2013). Visitado em 29 de agosto de 2012.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil (PDF) Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 3 de agosto de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  6. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.71
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Amazonas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.