LAN Colombia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
AIRES-737-700.JPG
LAN Colômbia
Aerovías de Integración Regional
IATA
4C
ICAO
ARE
Indicativo de chamada
LAN Colômbia
Fundada em 20 de Fevereiro de 1981[1]
Principais centros
de operações
Aeroporto El Dorado
Programa de milhagem Lan Pass
Aliança comercial
Frota 27 aeronaves
Destinos 23 localidades
Companhia
administradora
Lan Airlines
Sede Bogotá
Sítio oficial [http://[1] [2]]

LAN Colômbia (Acrónimo: Aerovías de Integración Regional, lit. airs) esta companhia aérea está sediada em Bogotá, Colômbia.[2] Opera sobretudo linhas regionais domésticas e efectua voos internacionais a partir do Aeroporto Internacional El Dorado, na cidade de Bogotá, efectua paragens também nos seguintes aeroportos Aeroporto Internacional Ernesto Cortissoz, Barranquilha, Aeroporto Olaya Herrera, Medellín e Aeroporto Perales, em Ibagué.[3]

História[editar | editar código-fonte]

Esta companhia inicia suas operações a 23 de fevereiro de 1981. Foormada em Ibagué com dois aviões Embraer EMB-110 Bandeirante. Actualmente possui nos seus quasdros 581 colaboradores.[3]

A empresa possui na maioria voos regionais mas, em 2008, com a introdução de aviões Boeing 737-700 à frota, começou a operar em carreiras de Low Cost, alterando significatovamente o cenário da aviação na Colômbia.

Adquire novas rotas, inclusive para os Estados Unidos da América, nomeadamente para o Aeroporto Internacional de Fort Lauderdale-Hollywood e para o Aeroporto Internacional John F. Kennedy. Em 2009, a AIRES torna-se na segunda maior operadora de voos do mercado doméstico.

Em 2010, AIRES é vendida para o grupo chileno LAN Airlines, quem depois de uma dificil situação recupera a linha aérea e genera uma restruturação completa, desde Dezembro de 2011 Aires agora chamá-se LAN Colômbia, e faz parte do grupo de LAN sendo o quinto pais com operação doméstica da multinacional aeronáutica.

Destinos[editar | editar código-fonte]

A LAN Colômbia efectua 23 destinos domésticos e 2 internacionais, desde Setembro de 2012.

Internacionais[editar | editar código-fonte]

Nacionais[editar | editar código-fonte]

  •  Colômbia
    • Apartado / Aeroporto Antonio Roldán Betancourt
    • Barranquilha / Aeroporto Internacional Ernesto Cortissoz
    • Bucaramanga / Aeroporto Internacional Palonegro
    • Cáli / Aeroporto Internacional Alfonso Bonilla Aragón
    • Cartagena das Índias/ Aeroporto Internacional Rafael Núñez
    • Cúcuta / Aeroporto Internacional Camilo Daza
    • Ibagué / Aeroporto Perales
    • Letícia / Aeroporto Internacional Alfredo Vásquez Cobo
    • Medellín / Aeroporto Internacional José María Córdova
    • Medellín / Aeroporto Enrique Olaya Herrera
    • Monteria / Aeroporto Los Garzones
    • Néiva / Aeroporto Benito Salas
    • Peréira / Aeroporto Internacional Matecaña
    • Quibdó / Aeroporto El Caraño
    • Ilha de San Andrés / Aeroporto Internacional Gustavo Rojas Pinilla
    • Santa Marta / Aeroporto Internacional Simón Bolívar
    • Valledupar / Aeroporto Alfonso López Pumarejo
    • Villavicêncio / Aeroporto Vanguardia
    • Yopal / Aeroporto El Alcaraván

Antigos Destinos[editar | editar código-fonte]

Frota[editar | editar código-fonte]

A LAN Colômbia começa o operar com dois Embraer EMB-110 Bandeirantes, de seguida, substitui pelos Bombardier Dash 8, séries 200 e 300.

A frota atual possui as seguintes aeronaves [4]

Frota AIRES
Modelo Na frota Em breve Passageiros
(Economy)
Airbus A320
3
3
165
Boeing 737 Next Generation|Boeing 737-700
9
0
149
Bombardier Dash 8|Bombardier Dash 8 Q200
11
0
37
Bombardier Dash 8|Bombardier Dash 8 Q400
4
0
78
Total 27 3

A LAN Colômbia, em 2008 anunciou a compra de 4 Bombardier Dash 8 Q400 para aumentar a sua frota[5] A empresa pretende substituir toda sua frota de 11 Bombardier Dash 8 Q400 Q200s ao longo dos próximos cinco anos.[6]

Incidents e acidentes[editar | editar código-fonte]

  • Em 16 de agosto de 2010 um avião Boeing 737-700, saído de Bogotá despenhou-se a 80 metros do solo depois de ter sido atingido por um raio quando procedia às manobras de aterrizagem no Aeroporto Internacional da ilha de San Andrés..[7]

O avião HK4682, da Boeing 737-700, tinha menos de dois anos de serviço na Aires.

Referências

  1. Aires History (em espanhol). Aires.aero.
  2. Directory: World Airlines." Flight International. março 16-22, 2004.. 79 (em inglês). Flightglobal.com.
  3. a b (27 de março de 2007) "Directory: World Airlines". Flight International: 69–70.
  4. aires.com.co. AIRES: Our Fleet (in Spanish). Página visitada em 30 de Dezembro de 2009.
  5. eltiempo.com. Inversión de 480 millones de pesos en nueva flota de aviones hará Aires. Eltiempo.com. Página visitada em 3 de Setembro de 2008.
  6. Aires plans to acquire at least seven additional Q400s. Flightglobal.com.
  7. Colombia plane crashes after lightning strike (em inglês). BBC News (16 de agosto de 2010). Página visitada em 16 de agosto de 2010.

Acessos Externos[editar | editar código-fonte]