Little Bad Girl

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Little Bad Girl"
Single de David Guetta com Taio Cruz & Ludacris
do álbum Nothing But the Beat
Lançamento 27 de junho de 2011
Formato(s) CD single, download digital
Gravação 2010
Gênero(s) Electro house, hip house
Duração 3:12
Gravadora(s) Virgin, EMI
Composição Christopher Bridges, Taio Cruz, David Guetta, Frédéric Riesterer, Giorgio Tuinfort
Produção David Guetta, Giorgio Tuinfort, Frédéric Riesterer
Cronologia de singles de David Guetta
Último
Último
"Where Them Girls At"
(2011)
"Without You"
(2011)
Próximo
Próximo
Cronologia de singles de Taio Cruz
Último
Último
"Telling the World"
(2011)
"Hangover"
(2011)
Próximo
Próximo
Cronologia de singles de Ludacris
Último
Último
"Tonight (I'm Lovin' You)"
(2011)
Próximo
Próximo

"Little Bad Girl" é a sexta faixa e o terceiro single do álbum Nothing But the Beat do DJ e produtor David Guetta. Conta com os vocais dos americanos Taio Cruz e Ludacris. "A música é uma grande faixa eletrônica. Eu toco o instrumental dela e sempre a reação das pessoas é sempre maravilhosa. Então se a música já é um grande hit sem os vocais, é um bom sinal", Guetta disse a um jornal britânico. O single foi lançado dia 27 de junho de 2011.

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

No dia 14 de julho saiu um teaser de 38 segundos e logo em seguida no dia 19 disponibilizou o vídeo na sua conta no Vevo. O vídeo da música "Little Bad Girl" foi dirigido por South Beach, e foi filmado em Miami em 13 de julho de 2011.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O vídeo da música começa em um hotel com um relógio marcando 4:50, logo em seguida David Guetta apresentando sua profissão DJ em uma balada, logo mais Taio Cruz começa a cantar. O vídeo conta com muitos efeitos especiais e mostra um globo sendo iluminado pelo sol assim todos os participantes da Balada correm as margens do mar para tentar evitar o amanhecer. Rapidamente o Sol desaparece deixando o mundo completamente escuro.[2]

Logo volta a Balada agora com os vocais do Rapper Ludacris no lugar mais alto da balada com uma espécie de corneta. Agora Taio Cruz junta-se a David Guetta e anima mais ainda a Balada. O final do videoclipe acontece quando o sol retorna a clarear o universo e David sai correndo de novo.[3]

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Posições[editar | editar código-fonte]

Tabelas musicais (2010) Melhor
posição
 Alemanha - Media Control Charts[4] 22
 Áustria - Ö3 Austria Top 75[5] 18
 Bélgica - Ultratop 50[5] 16
 França - SNEP[6] 25
 Irlanda|Irish Singles Chart[7] 25
União Europeia European Hot 100[8] 42

Referências

  1. Crasher, Gate (June 20, 2011). Prévia do novo clipe do David Guetta Daily News Mortimer Zuckerman. Visitado em June 20, 2011.
  2. Warner, Kara. "Beyonce's 'Best Thing I Never Had' Video Premieres", MTV News. MTV Networks, July 7, 2011. Página visitada em July 8, 2011.
  3. Crasher, Gate (June 20, 2011). [1] Daily News Mortimer Zuckerman. Visitado em June 20, 2011.
  4. VIVA TOP 100 (em alemão) Viva.tv (18-03-2010). Visitado em 22-03-2010.
  5. a b JUSTIN BIEBER FEAT. LUDACRIS - BABY (SONG) (em alemão) Austriancharts.at. Visitado em 22-03-2010.
  6. Tops Singles : Stromae débarque en tête ! (em francês) Chartsinfrance. Visitado em 10-03-2010.
  7. Top 50 Singles IRMA. Visitado em 29 de Abril de 2011.
  8. Euro 200 APC Charts. Visitado em 11 de Julho de 2011.