Pepê & Neném

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Pepê e Neném)
Ir para: navegação, pesquisa
Pepê e Neném
Informação geral
Nome completo Potiara Regina Carla Silva Santos de Oliveira
Potiguara Carmen Lúcia Silva Santos de Oliveira
Também conhecido(a) como Pepê e Neném
Nascimento 6 de julho de 1975 (39 anos)
Origem Irajá, Rio de Janeiro, RJ
País  Brasil
Gênero(s) Pop brasileiro, R&B e soul [1]
Instrumento(s) vocais
Período em atividade 1999-presente
Gravadora(s) Virgin, Som da Terra
Página oficial pepeenenem.com.br

Pepê e Neném é uma dupla de cantoras brasileiras, formada pelas irmãs gêmeas idênticas Potiara de Oliveira e Potiguara de Oliveira (Rio de Janeiro, 6 de julho de 1975)[2] . Lançaram o primeiro álbum autointitulado em 1999, que rendeu um Disco de Ouro. Com a música "Mania de Você", a dupla vendeu um milhão de cópias e se apresentou nos principais programas de televisão. Seu quinto álbum, intitulado Um Novo Caminho, foi lançado no programa Qual É a Música?.

Histórico[editar | editar código-fonte]

As irmãs gêmeas Potiara e Potiguara nasceram no Irajá, Zona Norte do Rio de Janeiro no dia 6 de julho. Cresceram numa família de sete filhos e, já aos nove anos de idade, cantavam em festas de conhecidos e batizados, interpretando sucessos de ídolos como Sandra de Sá e Alcione. Quando tinham 16 anos, fugiram de casa por sofrerem violência física severa de seu pai (se não bastasse o sofrimento, haviam perdido a mãe quando eram bebês) e tiveram até de dormir na rua, cantando em portas de lojas em troca de um prato de comida.

A miséria quase arruinou os planos de uma carreira artística: Pepê pegou tuberculose e as irmãs foram dormir de favor na casa de parentes em Niterói. Foi lá que as irmãs encontraram, em 1995, seu primeiro empresário chamado Caruso que as apresentou para a gravadora Virgin.

Pepê & Neném e Tudo Bem (1999-2001)[editar | editar código-fonte]

O disco de estreia das irmãs, chamado apenas Pepê & Neném, chegou ao mercado em 1999 com uma mistura de música negra americana e sotaque dos morros. A fórmula deu certo, o trabalho vendeu mais de 150 mil cópias (garantindo o primeiro disco de ouro das artistas) e rendeu até viagens para os Estados Unidos. Músicas como "Mania de Você" e "Mais Uma Vez" frequentaram paradas populares e levaram a dupla aos programas de maior audiência da televisão nos quais, invariavelmente, elas faziam uma imitação de Michael Jackson, com direito às danças típicas e um inglês inventado.

Um ano depois, Pepê e Neném voltaram à mídia com seu segundo álbum, Tudo Bem. O trabalho foi conduzido pela música "Nada Me Faz Te Esquecer" (versão de "Wild World", de Cat Stevens),[3] mas vendeu pouco. Em 2001, a dupla voltou a ser destaque no rádio e nas emissoras de TV, mas como personagem de um drama. Alegando ter sido roubadas por um ex-empresário, elas contaram que já haviam perdido todo o dinheiro ganho com seus dois primeiros trabalhos.

O retorno (2001-presente)[editar | editar código-fonte]

O primeiro CD delas, com a canção "Mania de Você", vendeu cem mil cópias e faturou o Disco de Ouro pela ABPD.[4] Porém em 2001, no auge da carreira, Pepê e Neném foram roubadas por seu empresário e foram à falência. Depois de dois anos e meio sem gravar, retomam a carreira. [5]

Em entrevista ao programa de Marília Gabriela no SBT em junho de 2012, ambas revelaram ser homossexuais.[6] e esse ano de 2014 Pepê e umas das Participantes de A Fazenda 7

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Vendas
1999 Pepê & Neném 250.000
2000 Tudo Bem 70.000
2010 Imprevisível Demais 1.000

Álbuns não lançados[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum
2007 Um Novo Caminho

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]