Psâmate

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Psâmate, na mitologia grega, foi uma nereida, que se casou com um mortal, Éaco.

Psâmate foi uma das cinquenta nereidas, filhas de Nereu e Dóris;[1] Nereu era filho de Ponto e Gaia,[2] e Dóris era uma das oceânides, filhas de Oceano e Tétis.[3]

Por causa de Afrodite, Psâmate se apaixonou por Éaco, com quem teve o filho Foco.[4] Afrodite também fez Tétis, irmã de Psâmate, se apaixonar por Peleu, e desta união nasceu Aquiles.[4]

Os meio-irmãos de Foco, Peleu e Telamon, filhos do casamento de Éaco com Endeis,[5] filha de Sciron, para agradar sua mãe, planejaram assassinar Foco, de forma que parecesse um acidente: durante o pentatlo, Peleu fingiu errar, e atingiu Foco com uma pedra.[6] Peleu e Telamon foram exilados depois disso.[5]

Referências

  1. Hesíodo, Teogonia, 240-264, Os deuses do mar
  2. Hesíodo, Teogonia, 233-239, Os deuses do mar
  3. Hesíodo, Teogonia, 346-370, Os deuses titãs
  4. a b Hesíodo, Teogonia, 1003-1007, Sobre deuses e homens
  5. a b Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 2.29.10
  6. Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 2.29.9