Qizilbash

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde abril de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

Os Qizilbash (em turco : Kızılbaş; em azeri : Qızılbaş; em pársi : قزلباش Qezelbāsh, significando, em português, "Cabeça vermelha") constituíam um grupo militante (ghulāt) xiita duodecimano que levou o Ismail I ao poder e ajudou assim a fundar a dinastia safávida no Irã. O nome é alusivo ao gorro vermelho com doze pregas que usavam, denominado, em pársi, Tāj-e Heydar ( em português, "coroa da Heydar", sendo Heydar o mestre sufi do grupo). As doze pregas simbolizavam os doze imãs do xiismo). Alguns grupos alevitas da Turquia também se chamam Kızılbaş.

Ícone de esboço Este artigo sobre o Islamismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.