Sérgio Paulinho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde setembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Sérgio Paulinho
Informações pessoais
Nome completo Sérgio Miguel Moreira Paulinho
Modalidade Ciclismo
Nascimento 26 de março de 1980 (34 anos)
Oeiras
Nacionalidade Portugal
Clube Team Saxo Bank
Medalhas
Jogos Olímpicos
Prata Atenas 2004 Estrada

Sérgio Miguel Moreira Paulinho (Oeiras, 26 de março, 1980) é um ciclista português.

Fez história no ciclismo português ao conquistar um medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Atenas, e ao ter vencida uma etapa da Volta à Espanha 2006.

Participou na edição 2007 da Volta à França e na de 2010, tendo vencido a 10ª etapa (179 km entre Chambéry e Gap) em 14 de Julho.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho do ex-ciclista Jacinto Paulinho, Sérgio Paulinho iniciou o seu percurso de formação no Mato-Cheirinhos. Venceu o campeonato do mundo de juniores em 2002 e em 2003 tornou-se ciclista profissional e começou a ganhar importância na equipa LA Pecol, uma das mais importantes no país.

Em 2002 ganhou a medalha de prata nos mundiais sub-23 de contra-relógio.

Em 2004 foi 6º na Volta a Portugal. Nesse mesmo ano, nos Jogos Olímpicos de Atenas venceu a medalha de prata. Após o seu feito nos Jogos Olímpicos, Sérgio Paulinho ingressou na equipa de ciclismo espanhola Liberty Seguros-Würth.

Em Junho de 2006, atingiu o melhor momento da sua carreira no estrangeiro na competição Dauphiné Libre, tendo estado durante boa parte da competição no Top 10. Contudo, três semanas depois, foi impedido de participar no Tour por alegado envolvimento no escândalo de dopagem Operação Puerto. Poucos dias após o final da competição, essa situação verificou-se ser falsa, podendo assim o corredor poder regressar à competição.

Em Julho de 2006, foi anunciada a saída de Paulinho no final da temporada para a equipa norte-americana Discovery Channel, onde corria o também português José Azevedo. No dia 5 de Setembro de 2006, na 10ª etapa da Vuelta a España, Sérgio Paulinho conseguiu mais uma vitória memorável para o ciclismo português, entrando numa fuga, batendo a concorrência, e vencendo a etapa no alto de Museo de Altamira, subindo ao Top 10 da classificação geral.

Em 2008 Sérgio Paulinho voltou a ver a sua equipa impedida de participar no Tour devido a mais um caso de dopagem ao qual será mais uma vez alheio. Em Junho do mesmo ano sagra-se campeão nacional de contra-relógio.

Em 2010 Sérgio Paulinho, conquistou uma das maiores vitórias da sua carreira até este momento, vencendo a 14 de Julho a 10º etapa do Tour, com chegada a Gap.

Palmares[editar | editar código-fonte]

2002
1º no Prólogo da Volta ao Portugal do Futuro
1º na Etapa 3 da Volta ao Portugal do Futuro
1º na Etapa 4 da Volta ao Portugal do Futuro
Bronze medal blank.svg no Campeonato do Mundo de Contra-relógio Sub-23
2004
MaillotPortugal.PNG Campeão Nacional de Contra-relógio
1º na Etapa 7 da Volta a Portugal
1º na Etapa 10 etapa da Volta a Portugal
1º na Geral da Volta a Tras os Montes
1º na Etapa 1 da Volta a Terras de Santa Maria
1º na Etapa 3 da Volta a Terras de Santa Maria
Silver medal.svg nos Ciclismo nos Jogos Olímpicos de Verão
2006
1º na Etapa 10 da Volta a Espanha
2008
MaillotPortugal.PNG Campeão Nacional de Contra-relógio
2009
1º na Etapa 4 TTT da Volta a França
2010
1º na Etapa 10 da Volta a França