Seio paranasal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Seio paranasal
Seios paranasais.svg
Seios Paranasais
Latim sinus paranasales
Gray's assunto #223 998
Sistema Respiratório

Seios paranasais são espaços preenchidos de ar localizados no interior dos ossos do crânio e face, que se comunicam com a cavidade nasal.

Tipos em humanos[editar | editar código-fonte]

Os humanos possuem vários seios localizados na face, divididos e subgrupos que são nomeados pelos respectivos ossos que se encontram.

Estes são:

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Os seios paranasais desenvolvem-se através da formação de cavidades nos ossos pelo preenchimento de ar, esse processo começa antes mesmo do nascimento, aumentam consideravelmente com o nascimento dos dentes permanentes e puberdade porém seu desenvolvimento continua até a morte do indivíduo.

Nos animais[editar | editar código-fonte]

Uma variedade de animais possuem seios paranasais (incluindo a maioria dos mamíferos, aves, dinossauros e crocodilianos). A disposição de sinos pode variar em não humanos.

Funções biológicas[editar | editar código-fonte]

Sua função ainda é uma questão intrigante da evolução e inúmeras críticas têm sido feitas às hipóteses sobre o significado e a função dos seios paranasais.

Porém algumas funções já foram propostas:

  • Diminuir o peso da parte frontal do crânio, em especial os ossos da face. A forma do osso facial é importante, como um ponto de origem e de inserção para os músculos da expressão facial.
  • Aumentar a ressonância da voz.
  • Proteger as estruturas intra-orbitais e intracranianas na eventualidade de traumas, absorvendo parte do impacto
  • Contribui para a secreção de mucos
  • Umidifica e aquece o ar inalado
  • Equilibram a pressão na cavidade nasal durante as variações barométricas (espirros e mudanças bruscas de altitude)

Patologia[editar | editar código-fonte]

A inflamação dos seios paranasais é chamada de sinusite.

Epitélio[editar | editar código-fonte]

Apresenta um epitélio respiratório padrão (simples cúbico ou pavimentoso em alguns locais).Sua lâmina própria e bem delgada e com menor número de glândulas o que dificulta a resolução de possíveis infecções

Ícone de esboço Este artigo sobre Anatomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.