Parque Nacional da Serra da Canastra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Serra da Canastra)
Ir para: navegação, pesquisa
Parque Nacional da Serra da Canastra
Categoria II da IUCN (Parque Nacional)
Vista parcial do Parque Nacional da Serra da Canastra.
Localização Minas Gerais, Brasil.
Dados
Área 71.525 hectares
Criação 3 de abril de 1972 (42 anos)
Gestão Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade
Coordenadas 20° 20' 58" S 46° 38' 18" O
Parque Nacional da Serra da Canastra está localizado em: Brasil
Parque Nacional da Serra da Canastra

A Serra da Canastra (sigla/ abreviação: SER. CNT) é uma cadeia montanhosa localizada no centro-sul do estado de Minas Gerais, nas proximidades dos municípios de Delfinópolis, Sacramento e São Roque de Minas. Está a cerca de 310 quilômetros de distância da capital mineira, Belo Horizonte e a cerca de 530 km de São Paulo.

O Parque Nacional da Serra da Canastra é um dos mais importantes parques nacionais brasileiros, criado em 1972 através do decreto 70.355 de 1972. Por aqui passa o rio São Francisco, sobre o qual e conforme estudos recentes, têm sua nascente real e geográfica localizada no município de Medeiros, Minas Gerais. Na Serra da Canastra, no município de São Roque de Minas, encontra-se a aproximadamente 1200 metros de altitude a chamada nascente histórica, a qual por muito tempo se pensou ser a nascente real.

Previsto com uma área inicial de 200 mil hectares o Parque Nacional só se efetivou em uma área de 71.525ha e isto até hoje é causa de muito conflito na região, devido à intenção do IBAMA de desapropriar o restante da área originalmente prevista. É administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

A Serra da Canastra tem o formato de um baú, daí a origem do nome, pois canastra é um tipo de baú antigo. A cachoeira Casca d'Anta com aproximadamente 186 metros de altura é um dos principais atrativos do Parque, saindo de um corte natural da Serra de aproximadamente 144 metros, ou seja, a altura da Serra chega a 330 metros. O Rio São Francisco nasce 14 quilômetros antes desta sua queda principal.

O Parque protege um cenário de rara beleza, sua vegetação de transição entre a "borda da Mata Atlântica" e o "início do Cerrado", com predominância de Campos de Altitude que abrigam inúmeras espécies da fauna e da flora do cerrado, como o lobo guará, o tamanduá-bandeira, o veado-campeiro, diversos gaviões e espécies ameaçadas de extinção como o pato mergulhão e o tatu-canastra.

A água é o fator preponderante no parque, cujas nascentes, que chegam a centenas, surgem em função da umidade que a rocha fria absorve do ar, principalmente no período da noite.

Rio São Francisco[editar | editar código-fonte]

O rio São Francisco tem sua nascente histórica na Serra da Canastra, mais precisamente no município de São Roque de Minas e sua primeira grande cachoeira, a Casca d'Anta, com 186 metros de altura, fica no distrito de São José do Barreiro (MG), cujo acesso é feito pela portaria 4 do Parque Nacional, localizada neste distrito.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Parque Nacional da Serra da Canastra

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Unidades de Conservação da Natureza é um esboço relacionado ao Projeto Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.