Simetria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Simetria radial (binária) na flor de Datura stramonium (Estramónio)
Torre inclinada de Pisa.
Igreja da Graça, em Santarém - Portugal.
Monticello.

Simetria (do grego συμμετρία, de σύν "com" e μέτρον "medida") é uma relação de paridade, tanto em respeito a altura, largura e comprimento, das partes necessárias para compor um todo.[1]

Segundo Vitrúvio, a simetria consiste na união e conformidade das partes de um trabalho, em relação à sua totalidade, e na beleza de cada uma das partes que compõem o trabalho. A simetria deriva do conceito grego de analogia, que é a relação entre todas as partes de uma estrutura com a estrutura inteira.[1] [2] A simetria é necessária para a beleza de uma construção, ou para a beleza da figura humana.[2]

Simetria uniforme, em arquitetura, é quando o mesmo motivo reina em toda a obra. Simetria reflexiva é quando apenas os lados opostos são iguais.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Simetria

Referências

  1. a b c Ephraim Chambers, Cyclopaedia, Or an Universal Dictionary of Arts and Sciences... (1743), Symmetry, p.749s [em linha]
  2. a b Vitrúvio, De Architectura, Livro III, 1.1 [em linha]

Bibliografía[editar | editar código-fonte]

Referências