Stonewall Jackson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Thomas Jonathan Jackson
Retrato do General Thomas J. Jackson
Nascimento 21 de janeiro de 1824
Clarksburg, Virginia 1861.svg Estado da Virgínia (atualmente Estado da Virgínia Ocidental)
Morte 10 de maio de 1863 (39 anos)
Guinea Station, Virginia 1861.svg Estado da Virgínia
Nacionalidade americano
Cargo comandante do Segundo Corpo do Exército da Virgínia do Norte
Serviço militar
Tempo de serviço 1846-1851 (Estados Unidos da América), 1861-1863 (Estados Confederados da América)
Patente Major (Estados Unidos da América)
Tenente-general (Estados Confederados da América)
Unidades Brigada Stonewall
Segundo Corpo do Exército da Virgínia do Norte
Batalhas/Guerras Guerra entre México e Estados Unidos
Guerra Civil Americana

Thomas Jonathan "Stonewall" Jackson (21 de janeiro, 182410 de maio, 1863), militar dos Estados Unidos da América, foi um dos principais oficiais das Forças Armadas confederadas durante a Guerra da Secessão e um dos colaboradores mais próximos de Robert E. Lee. Sua carreira militar inclui a Campanha do Vale de 1862 e seu serviço como comandante de corpo do Exército da Virgínia do Norte sob comando de Robert E. Lee. Soldados confederados o atingiram acidentalmente na Batalha de Chancellorsville em 2 de maio de 1863. Três balas atingiram Jackson: duas nas mãos e uma no braço esquerdo, entre o ombro e o cotovelo[1] . Os ferimentos lhe causaram o amputamento do braço esquerdo. Dias depois, as 3:15 da tarde do dia 10 de maio de 1863, ele veio a falecer vítima de complicações de uma pneumonia. Sua morte foi um golpe duro para a Confederação afetando o moral do exército e o povo sulista.

Foi considerado um dos mais brilhantes generais táticos da história dos Estados Unidos. Seu brilhante comando na Primeira Batalha de Bull Run (ou Primeira Manassas) onde se manteve firme como uma parede de pedras lhe rendeu o famoso apelido stonewall. Se destacou igualmente em outras batalhas como Batalha de Cedar Mountain, a Segunda Batalha de Bull Run, Batalha de Antietam, e Batalha de Fredericksburg. Contudo, em algumas batalhas, seu comando não teve grande destaque como nas Batalhas dos Sete Dias ao redor de Richmond em 1862.

Referências

  1. STACKPOLE, General Edward J.. Chancellorsville. 2ª ed. Harrisburg: Stackpole Books, 1988. 398 p. ISBN 0-8117-2238-4

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Faith in God and Generals: An Anthology of Faith, Hope, and Love in The American Civil War. Nashville, Tennessee, EUA: Broadman & Holman Publishers, 2003. 187 p. ISBN 0-8054-2728-7
  • The Civil War Years: A Day-by-Day Chronicle. New York, EUA: Gramercy Books, 1992. 606 p. ISBN 0-517-18945-3
  • A Short History of The Civil War Ordeal By Fire. Mineola, New York, EUA: Dover Publications, 1997. 426 p. ISBN 0-486-29702-0
  • Stonewall Jackson: The Man, The Soldier, The Legend. New York, EUA: MacMillan Publishing, 1997. 950 p. ISBN 0-02-864685-1

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Stonewall Jackson
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Stonewall Jackson