Unblack metal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido de en:Unblack metal. Ajude e colabore com a tradução.
Unblack metal
Origens estilísticas Black metal
Metal cristão
Contexto cultural Início de 1990 na Escandinávia
Instrumentos típicos VocalGuitarraBaixoBateria
Popularidade Baixa, Underground
Outros tópicos
Música cristã

Unblack metal é a variante cristã de black metal.[1] É um gênero polémico, porque o black metal foi propriamente desenvolvido com a intenção de incentivar sentimento anti-cristão, tanto musicalmente e socialmente. É por vezes referida como "Holy Unblack Metal", um termo originalmente usado pelo fundador do gênero Horde com seu influente álbum Hellig Usvart de 1994.[2] Christian black metal começou em 1991, na Noruega, quando Antestor lançou a demo The Defeat of Satan. O lançamento de 1998 da banda na gravadora Cacophonous Records, The Return of the Black Death, provou ser influente no movimento. Unblack metal moderno foi liderado por grupos como Lengsel, Vaakevandring, Crimson Moonlight e Sanctifica. Os temas líricos Cristianistas de unblack metal são geralmente unidos com o imaginário comum black metal, regularmente abordando o Cristianismo como a matéria em questão.

Características[editar | editar código-fonte]

Sonoramente, o unblack metal incorpora guitarras pesadas/distorcidas, vocais rasgados, rápidas passagens e melodias, e canções com estruturas não convencionais. O estilo varia entre o agressivo estilo de Horde, sorrow metal de Antestor e Arvinger, um teclado de comando e sintetizadores sombrios de Vaakevandring (mais sinfônico), e Vardøger ao estilo de Drottnar mais técnico.

Liricamente, durante o início da década de 1990 como uma oposição ao início da cena norueguesa de black metal, o fundador do gênero Horde popularizou o agressivamente os temas, "anti-satânico" e "mentalidade cruzada" que atacaram a temática anti-cristã com idéias como "Invert the Inverted Cross" e "Crush the Bloodied Horns of the Goat".[3] Este foi um tema dominante durante a maior parte da década de 1990, em unblack metal. Horde era tão influente tanto musicalmente e liricalmente que vários grupos têm copiado o estilo da banda, tais como o do Brasil, Poems of Shadows em seu álbum Nocturnal Blasphemous Chanting.[4]

No final da década de 1990, os grupos Escandinavos Antestor, Crimson Moonlight e Vaakevandring definiram um novo rumo: letras anti-satânicas foram substituídas por temas que lidam com conteúdo filosófico e ideológico. Estes variam de Inverno Escandinavo a poética das metáforas de Crimson Moonlight para a tristeza, perspicaz e introspectiva temas de Antestor e Lengsel aos temas de Vaakevandring como conversão, salvação, lutar com fé, e passagens da Bíblia como "Pai Nosso".[5]

História[editar | editar código-fonte]

Surgimento (início de 1990)[editar | editar código-fonte]

Uma das primeiras bandas que seria conhecida mais tarde por ser associada com unblack metal foi um grupo Norueguês chamado Antestor, que começou tocando death/doom metal e lançou sua primeira fita demo The Defeat of Satan em 1991 (nesta época eles estavam tocando com o nome de "Crush Evil"), uma segunda demo intitulado Despair em 1993, e seu primeiro álbum de estúdio Martyrium em 1994. Crush Evil apareceu na cena Norueguesa durante o tempo em que a segunda onda de black metal foi desenvolvendo de forma significativa e igrejas foram queimadas. O grupo foi rapidamente notado pelas forças lideres do movimento, e eventualmente Euronymous do Mayhem estava planejando forçar Crush Evil a encerrar suas atividades.[6] No entanto, Euronymous foi assassinado por Varg Vikernes em 1993. Crush Evil mudou seu nome para Antestor no mesmo ano. Antestor tocou um estilo de metal que eles classificaram como "sorrow metal" e escrevendo letras obscuras. Logo, Torodd Fuglesteg, chefe da infame Arctic Serenade Records, gostou da banda e convidou Antestor para gravar Martyrium, mas problemas ocorreram e outra gravadora chamad Morphine Records acabou lançando apenas 50 copias.[7]

Horde lançou seu primeiro álbum Hellig Usvart em 1994 pela Nuclear Blast Records. O álbum causou certa polêmica na cena black metal, ameaças de morte foram enviados para Nuclear Blast Records exigindo que eles falassem os nomes dos membros.[8] O único membro atual foi o Australiano antigo baterista de Mortification/Paramaecium Jayson Sherlock. O termo "unblack metal" foi derivado de "holy unblack metal", que era utilizado pela banda Norueguesa Darkthrone como "unholy black metal".[2] O termo "unblack metal" tornou-se posteriormente amplamente utilizado.

Apesar do rápido desaparecimento de Horde, muitas bandas logo surgiram para assumir seu lugar. A banda Sueca, Admonish, foi formada em torno de 1994 ou 1995, e foi a primeira banda de black metal cristão na Suécia.[9] Eles ganharam notoriedade por chamar seu estilo de "Christian black metal" em seu website.[9] Isto causou um certo debate no underground do metal e logo um site anti-Admonish foi criado. Enquanto a banda não lançava qualquer coisa até 2005, a revista Metal Hammer chamou Admonish de "Uma das principais bandas de Black metal cristão" em uma edição de 1990 especialmente focada em black metal.[9]

Referências

  1. Kapelovitz, Dan. (Fevereiro 2001). "Heavy Metal Jesus Freaks - Headbanging for Christ". Mean Magazine.
  2. a b Erasmus, Horde Interview Página visitada em 23 de Outubro de 2007
  3. "So the album was created with a prophetic, free, submissive, obedient, reverent, anti-Satan and Christian mindset." – Horde: Entrevista com Son of Man Records Página visitada em 30 de Novembro de 2007
  4. Morrow, Matt. Poems of Shadows - Nocturnal Blasphemous Chanting. The Whipping Post. Página visitada em 1 de Dezembro de 2007.
  5. "Our songs deal with personal challenges as well as on spiritual struggles." -Pål Dæhlen Entrevista com CrossOver
  6. Eithun, Bård G. "Faust" (1990-1993, correct date unknown). mayhem Interview. Orcustus zine. Blackmetal.nu. Página visitada em 29 de Agosto de 2007.
  7. Fuglested, Torudd, Arctic Serenades, Página visitada em 25 de Outubro de 2007
  8. Waters, Scott, Horde, Página visitada em 23 de Outubro de 2007
  9. a b c Morrow, Matt (26 de Maio de 2005). Admonish Interview. The Whipping Post. Open Publishing. Página visitada em 9 de Setembro de 2007.
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.