Valon Behrami

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Valon Behrami
Valon Behrami
Valon Behrami em 2008
Informações pessoais
Nome completo Valon Behrami
Data de nasc. 19 de abril de 1985 (29 anos)
Local de nasc. Titova Mitrovica, Iugoslávia
Altura 1,84 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Alemanha Hamburgo
Número 21
Posição Volante
Clubes de juventude
1993–1997
1997–2000
2000–2002
Suíça FC Stabio
Suíça Chiasso
Suíça Lugano
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2002–2003
2003–2005
2004–2005
2005–2008
2008–2011
2011–2012
2012–2014
2014–
Suíça Lugano
Itália Genoa
Itália Hellas Verona (emp.)
Itália Lazio
Inglaterra West Ham United
Itália Fiorentina
Itália Napoli
Alemanha Hamburgo
0002 0000(0)
0024 0000(0)
0032 0000(3)
0065 0000(4)
0058 0000(4)
0048 0000(0)
0054 0000(0)
0000 0000(0)
Seleção nacional3
2005– Flag of Switzerland.svg Suíça 0048 0000(2)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 4 de agosto de 2014.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 4 de agosto de 2014.

Valon Behrami (Kosovska Mitrovica - à época, Titova Mitrovica, 19 de abril de 1985) é um futebolista suíço que atualmente joga no Hamburgo.[1]

Nasceu em Kosovo, sendo de etnia albanesa. Curiosamente, jogou ao lado de outros dois albano-kosovares pela Suíça na Copa do Mundo de 2010: Xherdan Shaqiri e Albert Bunjaku. Na Copa do Mundo de 2006, já havia jogado também ao lado de outro ex-iugoslavo de origem albanesa, Blerim Džemaili, que nasceu na atual Macedônia.

Behrami já declarou seu desejo em jogar pela seleção kosovar, caso ela seja oficializada pela FIFA.[2] O primeiro jogo dela com chancela oficial da entidade ocorreu em 2014. Behrami e alguns outros dos melhores jogadores kosovares não chegaram a participar, mas foram lembrados em faixas nas arquibancadas.[3]

Referências

  1. Behrami troca o Nápoles pelo Hamburgo O Jogo (3 de agosto de 2014).
  2. MARANHÃO, Rafael (dezembro 2007). Os sem-pátria. Placar n. 1313. Editora Abril, p. 88
  3. STEIN, Leandro (5 de março de 2014). Mesmo sem bandeira ou hino, o sonho kosovar de ter uma seleção aceita começa a se concretizar Trivela. Visitado em 5 de março de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]