190 (programa de televisão)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de 190 Urgente)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
190
Informação geral
Formato Programa jornalístico
Gênero Policial
Duração 60 minutos (local)
País de origem  Brasil
Idioma original (em português)
Produção
Apresentador(es) Roberto Aciolli
Cristiano Santos
Exibição
Emissora de televisão original Brasil CNT
Formato de exibição 480i (SDTV)
Transmissão original 1º de junho de 1996 - 08 de maio de 1999
14 de março de 2003-presente

190 é um programa jornalístico policial, que vai ao ar pela CNT, somente para o Paraná.

História[editar | editar código-fonte]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Logotipo do programa na sua primeira fase

Estreou em 1º de julho de 1996 apresentado por Carlos Massa, conhecido como Ratinho, contando com equipes em São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná (equipe do programa "Cadeia"). Mostrava homicídios, tráfico de entorpecentes, roubos e oferecia prestação de serviços. Alcançou grande sucesso com seu primeiro apresentador, Ratinho.[1][2]

O programa passou a ser feito antes um auditório a partir do dia 28 de julho de 1997. Os críticos do programa o consideravam, entre outros, muito polêmico e extremamente apelativo, pois mostrava corpos ensanguentados, "desrespeitava" (segundo seus critérios) o "direito individual dos bandidos" e "os comentários do apresentador Ratinho incitavam à violência".[3]

O programa foi transmitido até o final do ano de 1997, quando Ratinho mudou de emissora de TV, indo para a TV Record.[3] Também foi apresentado por Wagner Montes, hoje na Record Rio e Augusto Canário.[1]

Segunda fase[editar | editar código-fonte]

O 190 voltou em 14 de março de 2003, sob o comando de Roberto Aciolli.[4] Em 2011, chegou a ter uma versão exclusiva para o Rio de Janeiro, que foi extinta e posteriormente foi substituída por uma edição do Balanço Esportivo.

Em 2014, devido ao arrendamento da emissora a Igreja Universal, o jornal passa a ser exibido em 2 horários: das 08h00 às 09h00, para o Paraná e das 22h00 às 22h30 (em abril, passou a ser exibido das 22h00 às 22h40 e em junho foi para o horário das 21h45 às 22h25, porém em julho voltou ao seu horário antigo de 22h00 às 22h40) para toda a rede.

Ao lado de Aciolli, apresentava seu filho, Cristiano Santos. Contava também com a participação da Doutora Sônia Inglat, com dicas de trânsito. O programa deixou de ser exibido nacionalmente em 15 de junho de 2018, mantendo apenas a edição local pro Paraná, pela manhã.

Referências

  1. a b «190 Urgente e Cadeia». www.silber.com.br. Consultado em 17 de agosto de 2016. 
  2. «Folha de S.Paulo - 'Esqueceram de mim', diz Ratinho - 16/08/98». www1.folha.uol.com.br. Consultado em 17 de agosto de 2016. 
  3. a b «Há 20 anos, surgia o fenômeno Ratinho; veja cinco marcos do apresentador». 14 de agosto de 2016. Consultado em 17 de agosto de 2016. 
  4. «RedeCNT». www.cnt.com.br. Consultado em 17 de agosto de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.