ATP de 's-Hertogenbosch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ricoh Open
ATP de 's-Hertogenbosch
Detalhes
Local Autotron Rosmalen
Países Baixos Rosmalen, Países Baixos
Organização Associação de Tenistas Profissionais (ATP)
Categoria ATP World Tour 250
Piso grama
Premiação € 398.250
Participantes 32S / 32Q / 16D
Página oficial ricoh-open.nl
Tennisball current event.svg Edição atual
Combinado masculino e feminino
   ATP      WTA   
Atualizado em: 26 de outubro de 2017

O ATP de 's-Hertogenbosch (também conhecido como Ricoh Open, para fins de patrocínio), é um torneio profissional de tênis masculino disputado em quadra de grama em [nota 1], nos Países Baixos.

O torneio de 2009 entrou para a história do esporte por um fato curioso: o tenista Raemon Sluiter, então número 866 do mundo, chegou à decisão do torneio, tornando-se o tenista de pior ranking em todos os tempos a chegar a uma final de um ATP. Na final, ele enfrentou um qualifier (Benjamin Becker), que, para de um evento deste porte, é algo surpreendente.[1]

Finais[editar | editar código-fonte]

Simples[editar | editar código-fonte]

Ano Campeão Vice-campeão Resultado
2017 Luxemburgo Gilles Müller Croácia Ivo Karlović 7–65, 7–64
2016 França Nicolas Mahut Luxemburgo Gilles Müller 6–4, 6–4
2015 França Nicolas Mahut Bélgica David Goffin 7–61, 6–1
2014 Espanha Roberto Bautista Agut Alemanha Benjamin Becker 2–6, 7–62, 6–4
2013 França Nicolas Mahut Suíça Stanislas Wawrinka 6–3, 6–4
2012 Espanha David Ferrer Alemanha Philipp Petzschner 6–3, 6–4
2011 Rússia Dmitry Tursunov Croácia Ivan Dodig 6–3, 6–2
2010 Ucrânia Sergiy Stakhovsky Sérvia Janko Tipsarević 6–3, 6–0
2009 Alemanha Benjamin Becker Países Baixos Raemon Sluiter 7–5, 6–3
2008 Espanha David Ferrer França Marc Gicquel 6–4, 6–2
2007 Croácia Ivan Ljubičić Países Baixos Peter Wessels 7–6, 4–6, 7–6
2006 Croácia Mario Ančić República Checa Jan Hernych 6–0, 5–7, 7–5
2005 Croácia Mario Ančić França Michaël Llodra 7–5, 6–4
2004 França Michaël Llodra Argentina Guillermo Coria 6–3, 6–4
2003 Países Baixos Sjeng Schalken França Arnaud Clément 6–3, 6–4
2002 Países Baixos Sjeng Schalken França Arnaud Clément 3–6, 6–3, 6–2
2001 Austrália Lleyton Hewitt Argentina Guillermo Cañas 6–3, 6–4
2000 Austrália Patrick Rafter França Nicolas Escudé 6–1, 6–3
1999 Austrália Patrick Rafter Roménia Andrei Pavel 3–6, 7–67, 6–4
1998 Austrália Patrick Rafter República Checa Martin Damm 7–62, 6–2
1997 Países Baixos Richard Krajicek França Guillaume Raoux 6–4, 7–67
1996 Estados Unidos Richey Reneberg França Stephane Simian 6–4, 6–0
1995 Eslováquia Karol Kučera Suécia Anders Järryd 7–67, 7–64
1994 Países Baixos Richard Krajicek Alemanha Karsten Braasch 6–3, 6–4
1993 França Arnaud Boetsch Austrália Wally Masur 3–6, 6–3, 6–3
1992 Alemanha Michael Stich Estados Unidos Jonathan Stark 6–4, 7–5
1991 Alemanha Christian Saceanu Países Baixos Michiel Schapers 6–1, 3–6, 7–5
1990 Israel Amos Mansdorf União Soviética Alexander Volkov 6–3, 7–6

Duplas[editar | editar código-fonte]

Ano Campeões Vice-campeões Resultado
2017 Polónia Łukasz Kubot
Brasil Marcelo Melo
África do Sul Raven Klaasen
Estados Unidos Rajeev Ram
6–3, 6–4
2016 Croácia Mate Pavić
Nova Zelândia Michael Venus
Reino Unido Dominic Inglot
África do Sul Raven Klaasen
3–6, 6–3, [11–9]
2015 Croácia Ivo Karlović
Polónia Łukasz Kubot
França Pierre-Hugues Herbert
França Nicolas Mahut
6–2, 7–69
2014 Países Baixos Jean-Julien Rojer
Roménia Horia Tecău
México Santiago González
Estados Unidos Scott Lipsky
6–3, 7–63
2013 Bielorrússia Max Mirnyi
Roménia Horia Tecău
Alemanha Andre Begemann
Alemanha Martin Emmrich
6–3, 7–64
2012 Suécia Robert Lindstedt
Roménia Horia Tecău
Colômbia Juan Sebastián Cabal
Rússia Dmitry Tursunov
6–3, 7–61
2011 Itália Daniele Bracciali
República Checa František Čermák
Suécia Robert Lindstedt
Roménia Horia Tecău
6–3, 2–6, [10–8]
2010 Suécia Robert Lindstedt
Roménia Horia Tecău
República Checa Lukáš Dlouhý
Índia Leander Paes
1–6, 7–5, [10–7]
2009 África do Sul Wesley Moodie
Bélgica Dick Norman
Suécia Johan Brunström
Antilhas Holandesas Jean-Julien Rojer
7–63, 86–7, [10–5]
2008 Croácia Mario Ančić
Áustria Jurgen Melzer
Índia Mahesh Bhupathi
Índia Leander Paes
7–65, 6–3
2007 África do Sul Jeff Coetzee
Países Baixos Rogier Wassen
República Checa Martin Damm
Índia Leander Paes
3–6, 7–6, [12–10]
2006 República Checa Martin Damm
Índia Leander Paes
França Arnaud Clément
África do Sul Chris Haggard
6–1, 7–6
2005 República Checa Cyril Suk
República Checa Pavel Vízner
República Checa Tomáš Cibulec
República Checa Leoš Friedl
6–3, 6–4
2004 República Checa Martin Damm
República Checa Cyril Suk
Alemanha Lars Burgsmüller
República Checa Jan Vacek
6–3, 6–7, 6–3
2003 República Checa Martin Damm
República Checa Cyril Suk
Estados Unidos Donald Johnson
Índia Leander Paes
7–5, 7–6
2002 República Checa Martin Damm
República Checa Cyril Suk
Países Baixos Paul Haarhuis
Estados Unidos Brian MacPhie
7–6, 6–7, 6–4
2001 Países Baixos Paul Haarhuis
Países Baixos Sjeng Schalken
República Checa Martin Damm
República Checa Cyril Suk
6–4, 6–4
2000 República Checa Martin Damm
República Checa Cyril Suk
Países Baixos Paul Haarhuis
Austrália Sandon Stolle
6–4, 6–7, 7–6
1999 Final não realizada devido à chuva
1998 França Guillaume Raoux
Países Baixos Jan Siemerink
Austrália Joshua Eagle
Austrália Andrew Florent
6–3, 3–6, 6–1
1997 Países Baixos Jacco Eltingh
Países Baixos Paul Haarhuis
Estados Unidos Trevor Kronemann
Austrália David Macpherson
6–4, 7–5
1996 Austrália Paul Kilderry
República Checa Pavel Vízner
Suécia Anders Järryd
Canadá Daniel Nestor
7–5, 6–3
1995 Países Baixos Richard Krajicek
Países Baixos Jan Siemerink
Países Baixos Hendrik Jan Davids
Rússia Andrei Olhovskiy
7–5, 6–3
1994 Países Baixos Stephen Noteboom
Países Baixos Fernon Wibier
Itália Diego Nargiso
Suécia Peter Nyborg
6–3, 1–6, 7–6
1993 Estados Unidos Patrick McEnroe
Estados Unidos Jonathan Stark
África do Sul David Adams
Rússia Andrei Olhovskiy
7–6, 1–6, 6–4
1992 Estados Unidos Jim Grabb
Estados Unidos Richey Reneberg
Estados Unidos John McEnroe
Alemanha Michael Stich
6–4, 6–7, 6–4
1991 Países Baixos Hendrik Jan Davids
Países Baixos Paul Haarhuis
Países Baixos Richard Krajicek
Países Baixos Jan Siemerink
6–3, 7–6
1990 Suíça Jakob Hlasek
Alemanha Michael Stich
Estados Unidos Jim Grabb
Estados Unidos Patrick McEnroe
7–6, 6–3

Notas

  1. Próximo de 's-Hertogenbosch, que usa este nome como referência.

Referências

  1. revistatenis.uol.com.br/ Raemon Sluiter é o pior ranqueado da história na decisão de um torneio ATP

Ligações externas[editar | editar código-fonte]