Legend of the Guardians: The Owls of Ga'Hoole

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de A Lenda dos Guardiões)
Ir para: navegação, pesquisa
Legend of the Guardians: The Owls of Ga'Hoole
Lenda dos Guardiões (PT)
A Lenda dos Guardiões (BR)
Pôster original do filme.
 Estados Unidos
 Austrália

2010 •  cor •  90 min 
Direção Zack Snyder
Produção Zareh Nalbandian
Roteiro John Orloff
Emil Stern
Baseado em A Lenda dos Guardiões, de Kathryn Lasky
Elenco Jim Sturgess
Rachael Taylor
Jay Laga'aia
David Wenham
Emilie de Ravin
Miriam Margolyes
Geoffrey Rush
Ryan Kwanten
Sam Neill
Helen Mirren
Hugo Weaving
Richard Roxburgh
Deborra-Lee Furness
Género Animação
Aventura
Fantasia
Música David Hirschfelder
Idioma Inglês
Orçamento US$ 80 milhões
Receita US$ 140,073,390
Página no IMDb (em inglês)

Legend of the Guardians: The Owls of Ga'Hoole (A Lenda dos Guardiões (título no Brasil) ou Lenda dos Guardiões (título em Portugal)) é um filme de animação americano-australiano de 2010 dirigido por Zack Snyder. É baseado na série de livros juvenis de fantasia, A Lenda dos Guardiões, escrita por Kathryn Lasky. O elenco de dubladores é composto por Jim Sturgess, Geoffrey Rush, Emily Barclay, Helen Mirren, Ryan Kwanten, Anthony LaPaglia e David Wenham. Warner Bros. Pictures distribuiu o filme com as empresas australianas Village Roadshow Pictures e Animal Logic, este último tendo produzido os efeitos visuais da animação Happy Feet.

Produção de Legend of the Guardians: The Owls of Ga'Hoole ocorreu na Austrália, e o filme foi lançado em Real 3D e IMAX 3D em 24 de setembro de 2010. Teve um orçamento de US$ 80 milhões e fez $140 milhões de bilheteria no mundo inteiro.

Produção[editar | editar código-fonte]

A Warner Bros adquiriu os direitos de filmagem da série de livros A Lenda dos Guardiões por Kathryn Lasky, em Junho de 2005. O estúdio planejou produzir a série como um filme de animação gerada por computador sob o produtor Donald De Line e com Lasky escrevendo o roteiro adaptado. Em abril de 2008, o projeto estava sob a Village Roadshow com Zack Snyder para dirigir e Zareh Nalbandian produzindo. Um novo roteiro foi escrito por John Orloff e Emil Stern.

O diretor Zack Snyder disse que quis fazer um tipo de Jornada do Herói de Joseph Campbell. "É como um tipo bem clássico de arquétipo – o escudeiro se torna um cavaleiro. Sou um grande fã de mitos. Há uma razão para termos sentado em volta de fogueiras por centenas de anos e contado uns aos outros a mesma história, porque ela é real, ela nos toca. Desde o começo, achei que não deveríamos tentar fazer todas aquelas histórias paralelas ou aquelas reviravoltas malucas na trama. Talvez um pouco, mas…" [1]

A produção começou na Austrália em fevereiro de 2009. O filme foi desenvolvido pela empresa de efeitos visuais digitais Animal Logic, na sequência de seu sucesso com o filme Happy Feet (2006).

Elenco de voz[editar | editar código-fonte]

Personagem Austrália Original Brasil Dublador Brasileiro Portugal Dobrador Português
Soren Jim Sturgess Gustavo Pereira Miguel Raposo
Gylfie Emily Barclay Luisa Palomanes Renata Belo
Digger David Wenham Gustavo Nader Paulo B.
Eglantine Adrienne DeFaria Iris Cezar Ana Guiomar
Sra. Plithiver Miriam Margolyes Carla Pompílio Ermelinda Duarte
Marella Essie Davis Miriam Ficher
Ezylyrb Geoffrey Rush Mauro Ramos Fernando Luís
Boron Richard Roxburgh Maurício Berger Rui Oliveira
Barran Deborra-Lee Furness Mabel Cezar Carlos Paulo
Bubo Bill Hunter
Otulissa Abbie Cornish Sylvia Salustti Cláudia Vieira
Noctus Hugo Weaving Júlio Chaves Carlos Vieira de Almeida
Grimble Alexandre Moreno José Jorge Duarte
Kludd Ryan Kwanten Clécio Souto
Nyra Helen Mirren Mariangela Cantú
Allomere Sam Neill Dário de Castro Rui Mendes
Echidna Barry Otto Isaac Bardavid
Bico de Ferro Joel Edgerton Jorge Vasconcellos
Strix Struma Sacha Horler Mônica Magnani
Jutt David Field Alfredo Martins
Pete Gareth Young Yago Machado
Crepúsculo Anthony LaPaglia Eduardo Borgerth
Jatt Leigh Whannell Marco Antônio Costa

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Legend of the Guardians: The Owls of Ga'Hoole tem recepção mista por parte da crítica especializada. Com tomatometer de 50% em base de 122 críticas, o Rotten Tomatoes publicou um consenso: “...tons escuros e deslumbrantes efeitos visuais são para ser admirados, mesmo que eles estão em última análise, uma história que nunca faz jus ao seu potencial”. Tem 64% de aprovação por parte da audiência, usada para calcular a recepção do público a partir de votos dos usuários do site.[2]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]