A Tarde É Sua

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre um programa de televisão brasileiro. Para o programa português, veja A Tarde É Sua (TVI).
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde agosto de 2016).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
A Tarde É Sua
Logotipo do programa
Informação geral
Formato Programa de variedades
Duração 120 minutos
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Elias Abrão
Apresentador(es) Sonia Abrão
Tema de abertura Instrumental
Tema de encerramento Instrumental
Exibição
Emissora de televisão original RedeTV!
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Transmissão original 1 de maio de 2006 — presente

A Tarde É Sua é um programa de televisão brasileiro produzido pela Camera 5 Produções, de propriedade de Elias Abrão, e transmitido ao vivo pela RedeTV!. Exibido de segunda a sexta-feira das 15h00 às 17h00 com apresentação da jornalista Sônia Abrão e direção de Elias Abrão, irmão da apresentadora.

Estreou no dia 1º de maio de 2006 substituindo o extinto A Casa é Sua depois de seis anos no ar, [1] tornando-se atualmente o programa vespertino mais antigo da emissora.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O programa coloca em pauta notícias sobre artes, comportamento, política, saúde, economia, educação, objetivando a participação do público, a interação, a troca de ideias.

Repórteres[editar | editar código-fonte]

  • Bruno Tálamo
  • Cintia Lima
  • Julie Alves

Convidados[editar | editar código-fonte]

  • Vida Vlatt
  • Guilherme Beraldo
  • Jorge Lordello
  • Vladimir Alves
  • Felipeh Campos
  • Márcia Piovesan
  • Márcia Fernandes
  • Thiago Rocha
  • Jeff Benício
  • Julinho do Carmo

Denúncias[editar | editar código-fonte]

Em 2007, o programa ficou em quarto lugar no 13º ranking "Quem Financia a Baixaria é Contra a Cidadania", que é formado por denúncias de telespectadores e pelo Comitê de Acompanhamento da Programação (CAP), onde estão como representantes mais de 60 entidades que assessoram a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados para criar a lista com o "Ranking da Baixaria na TV". As denúncias indicavam que o programa banalizava os valores morais e vulgarizava as relações humanas.[2]

Referências

  1. «Mais Rede TV!: Fim do programa "A Casa É Sua" gera tensão na emissora». Portal Imprensa. Portalimprensa.uol.com.br. Abril de 2006 
  2. Patricia Roedel (9 de outubro de 2007). «Big Brotherlidera 13º ranking da baixaria na TV». observatoriodaimprensa.com.br. Consultado em 3 de novembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]