Claudete Troiano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Claudete Troiano
Claudete Troiano,
Apresentadora do Programa Santa Receita.
Nome completo Claudete Troiano de Moraes Manso
Outros nomes Clau Troiano
Conhecido(a) por Clau
Nascimento 29 de outubro de 1953 (62 anos)
São Paulo, SP
 Brasil
Nacionalidade Brasileira
Etnia Brasileira
Cônjuge Valmir de Moraes Manso
Filho(s) Marcela Troiano
Ocupação Apresentadora, atriz, jornalista
Influências
Principais trabalhos Santa Receita
Mulheres (programa de televisão)
Note e Anote
Manhã Gazeta
Prêmios Troféu SuperCap de Ouro - Melhor Apresentadora de Televisão [1]
Empregador Rede Aparecida
Cargo Apresentadora do programa Santa Receita
Religião Católica
Página oficial
Página oficial

Claudete Troiano de Moraes Manso, mais conhecida como Claudete Troiano (São Paulo, 29 de outubro de 1953)[2] é uma apresentadora de televisão, atriz e jornalista brasileira.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sua carreira artística se iniciou na extinta TV Excelsior aos 7 anos de idade quando estava na plateia de um programa de TV quando foi chamada para assinar uma ficha de inscrição, dois anos após ela foi chamada para atuar em novelas da emissora.[2] [3] Ainda na Excelsior ela apresentou um programa infantil.[4]

Na Rede Bandeirantes ela foi apresentadora infantil no programa Garota Bandeirantes, e também com apresentadora infantil na Rede Gazeta. Logo em seguida apresentou na mesma emissora os programas infantis Tic Tac e Carrossel. Trabalhou nas rádios Bandeirantes, Globo, Capital e Mulher, onde transmitiu ao lado de outras mulheres partidas de futebol. Foi pioneira nesse setor. Foi narradora e repórter.

Em 1980 veio a proposta para trabalhar na Rede Gazeta, dividindo a apresentação do então Mulheres em Desfile ao lado de Ione Borges, que a partir de 1991 passou a se chamar simplesmente Mulheres.[4] A afinidade foi tão grande que as duas passaram a ser conhecidas e se dirigirem às telespectadoras como "As Parceirinhas". A parceria na atração durou 16 anos. Em 1996 deixa o programa Mulheres e passa a apresentar o programa Pra Você. No início de 1998, após quase 18 anos na Rede Gazeta, foi contratada pela extinta Rede Manchete onde apresentou o programa Mulher de Hoje até a crise da emissora em fevereiro de 1999.[2]

No mesmo ano Claudete retorna a Rede Gazeta para apresentar novamente o programa Pra Você (de abril a junho de 1999, posto deixado por Cátia Fonseca que se transfere para a Rede Record, e em julho de 1999 volta apresentar o Programa Mulheres deixado por Ione Borges que passa para a grade noturna da emissora e lá ficou até ser convidada pela Rede Record em setembro de 2000 para apresentar o programa Note e Anote substituindo Cátia Fonseca. Na segunda-feira, a emissora não colocou ao vivo a nova recém-contratada. Exibiu os melhores momentos da ex-apresentadora. Claudete começou a trabalhar a partir da terça-feira onde permaneceu até agosto de 2005. Apresentou o programa Pra Valer na Rede Bandeirantes de setembro de 2005 até seu contrato ser rescindido em maio de 2007.[5] [6]

Após um ano afastada, em 23 de junho de 2008 a apresentadora assina contrato com SBT,[7] para apresentar em setembro de 2008 o programa Olha Você até o dia 20 de março de 2009.[4]

Em junho de 2009 ela assina contrato novamente com a Rede Gazeta para apresentar o programa matinal Manhã Gazeta que estreou em 13 de julho do mesmo ano, o programa era divido com a também jornalista e apresentadora Ione Borges antiga parceira de Claudete no programa Mulheres. Em 17 de março de 2012 a apresentadora é notificada que não teria seu contrato renovado.[8] A última exibção do programa Manhã Gazeta ocorreu em 30 de março de 2012.[9]

Em outubro de 2013, Claudete Troiano é contratada pela TV Aparecida para gravar uma série chamada "Santa Receita", que unia culinária com histórias de fé, contadas por devotos de Nossa Senhora Aparecida. Em quatro dias, a apresentadora gravou 14 episódios. [10] Contudo, ao dar início à divulgação do projeto, a repercussão foi tão grande e positiva, que o diretor geral, Padre Josafá de Jesus Moraes, decidiu por um programa diário. Após vinte dias, no início de março de 2014, estreia o programa Santa Receita ás 15:00 Horas, que ampliou em 51% a audiência da TV Aparecida.[11] No dia 08 de setembro de 2015, durante as comemorações do décimo aniversário da TV Aparecida, o programa passou a ser transmitido em HDTV. [12]


Carreira[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Sua filha Marcela Troiano, foi presa em 25 de março de 2007 acusada da prática do crime de tráfico de drogas, o que levou a apresentadora a se afastar temporariamente do programa.[13] Quatro dias após a prisão ela foi liberada em 29 de março.[14] Segundo a apresentadora sua filha havia sido presa porque o ônibus aonde havia alugado para comemorar a festa de aniversário da filha na Grande São Paulo teria sido revistado após uma denúncia anônima sobre um possível carregamento de drogas, e ela complementou dizendo: "Acontece que a Marcela estava do lado de fora do ônibus dela e os policiais entraram em outro ônibus, encontram a droga e acusaram minha filha".[15]

Referências

  1. Claudete Troiano recebe o prêmio “Super Cap de Ouro” como melhor apresentadora de TV em 2003., Prêmio recebido pela apresentadora.
  2. a b c d «Vida - Claudete Troiano - Famosos - Contigo!». Grupo Abril. Caras. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  3. «Biografia - Claudete Troiano». claudetetroiano.com.br. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  4. a b c «CLAUDETE TROIANO». Associação dos Pioneiros, Profissionais e Incentivadores da TV Brasileira. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  5. Pereira, Alberto (20 de junho de 2007). «Novela da Globo exibe vídeo igual ao de Cicarelli; veja fotos». Agência Estado. Folha.com. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  6. Lettiere, Giovani (25 de maio de 2007). «Claudete Troiano é demitida da Band». Organizações Globo. O Globo. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  7. «Apresentadora Claudete Troiano assina com o SBT». Tudo Agora. 23 de junho de 2008. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  8. Ricco, Flávio; Carlos, José (17 de março de 2012). «Gazeta não renova com Claudete». UOL. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  9. Maksymczuk, Fabio (13 de abril de 2012). «Opinião: Claudete Troiano é demitida da TV Gazeta». Portal Imprensa. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  10. Entrevista com Claudete Troiano, Claudete Troiano fala sobre o programa Santa Receita.
  11. Programa Santa Receita estreia com boa audiência, Claudete Troiano eleva a audiência da TV Aparecida.
  12. TV Aparecida inaugura o Switcher HD, Programa Santa Receita, de Claudete Troiano, passa a ser transmitido em HD.
  13. «FILHA DE CLAUDETE TROIANO É PRESA POR TRÁFICO DE DROGAS». Agência Estado. G1. 26 de março de 2007. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  14. «Justiça de SP concede liberdade provisória a filha de apresentadora». Agência Estado. Folha.com. 29 de março de 2007. Consultado em 9 de outubro de 2012. 
  15. «Fora da TV, Claudete Troiano chora ao participar de programa na Record». Terra. Ofuxico. 9 de outubro de 2012. Consultado em 9 de outubro de 2012. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.