Alessio Romagnoli

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alessio Romagnoli
Alessio Romagnoli
Alessio Romagnoli em 2018.
Informações pessoais
Nome completo Alessio Romagnoli
Data de nasc. 12 de janeiro de 1995 (24 anos)
Local de nasc. Anzio, Itália
Nacionalidade Italiano
Altura 1,90 m
Canhoto
Informações profissionais
Clube atual Milan
Número 13
Posição Zagueiro
Clubes de juventude
Roma
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2012–2015
2014–2015
2015–
Roma
Sampdoria (emp.)
Milan
0014 0000(1)
0031 0000(2)
0145 0000(7)
Seleção nacional3
2011
2011–2012
2011–2014
2014–
2016–
Itália Sub-16
Itália Sub-17
Itália Sub-19
Itália Sub-21
Itália
0003 0000(0)
0006 0000(0)
0012 0000(0)
0015 0000(1)
0009 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 13 de abril de 2019.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 26 de março de 2019.

Alessio Romagnoli (Anzio, 12 de janeiro de 1995) é um futebolista italiano que atua como zagueiro. Atualmente defende o Milan.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

AS Roma[editar | editar código-fonte]

Romagnoli foi incluído, apesar de seus 17 anos de idade, pelo treinador Zdeněk Zeman na equipe principal, juntando-se ao time principal na pré-temporada e sendo chamado regularmente como reserva para os jogos da Serie A. Romagnoli fez sua estreia no time principal em 11 de dezembro de 2012 contra a Atalanta, jogando o jogo completo como titular. Em seguida, ele fez sua estreia na Serie A 12 dias mais tarde, como um substituto nos minutos finais de um jogo da liga contra o Milan. Ele marcou seu primeiro gol na Serie A em 3 de março de 2013 contra o Genoa. Pela Roma foram 14 partidas com 1 gol.

Sampdoria[editar | editar código-fonte]

Chegou por empréstimo a Sampdoria para a temporada 2014–15. Foram 32 jogos e 2 gols pela equipe.

Milan[editar | editar código-fonte]

Foi contratado pelo Milan ao fim da temporada de empréstimo a Sampdoria. O Milan desembolsou cerca de 25 milhões de euros pela contratação. Em 10 de agosto de 2018, tornou-se capitão do Rossonero após a saída de Leonardo Bonucci.

Seleção Italiana[editar | editar código-fonte]

Foi convocado pela primeira vez em 2016, após a Eurocopa, pelo técnico Giampiero Ventura.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Milan

Referências

  1. «Perfil na Sports Reference». Consultado em 4 de março de 2016