Alta Fidelidade (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alta Fidelidade
High Fidelity
 Estados Unidos
2000 •  cor •  107 min 
Direção Stephen Frears
Roteiro D.V. DeVincentis
Steve Pink
John Cusack
Scott Michael Rosenberg
Elenco John Cusack
Iben Hjejle
Todd Louiso
Jack Black
Lisa Bonet
Catherine Zeta-Jones
Joan Cusack
Género comédia romântica
Lançamento Estados Unidos 31 de março de 2000
Brasil 27 de outubro de 2000[1]
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Alta Fidelidade[2][3] (High Fidelity no original) é um filme de 2000 dirigido por Stephen Frears, estrelando John Cusack, Iben Hjejle, Jack Black, Todd Louiso, Tim Robbins, Lisa Bonet, Catherine Zeta-Jones, Joelle Carter e Lili Taylor.

O filme é baseado no livro homônimo britânico de Nick Hornby. Todo o ambiente do filme é sobre música pop.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Rob Gordon é um músico confesso, que ama cada homem com uma má compreensão das mulheres. Depois de ter sido abandonada por sua última namorada, Laura, ele decide procurar alguns de seus antigos parceiros na tentativa de descobrir onde ele continua errado em seus relacionamentos.

Ele gasta seus dias em sua loja de discos, Championship Vinyl, onde ele mantém tribunal sobre os clientes que atravessam. Ajudar o Rob em sua tarefa de elitismo musical são Dick e Barry, os "gêmeos moron musicais", como ele se refere a eles. Armados com um conhecimento enciclopédico de todas as coisas musicais, compilam listas de "cinco melhores" para todas as ocasiões possíveis, zombam abertamente dos gostos de seus clientes e, de vez em quando, vendem alguns registros.

Rob e a equipe têm uma forte aversão por dois adolescentes de skateboarder roubados, Vince (Chris Rehmann) e Justin. Um dia, ele escuta uma gravação que eles fizeram como 'The Kinky Wizards' (na verdade, a faixa "The Inside Game" de Royal Trux ) e oferece-lhes um contrato recorde, iniciando seu próprio rótulo chamado Top 5 Records. Durante o horário de folga, ele pinta para Laura e faz o possível para ganhar suas costas.

Rob logo ouve que o pai de Laura, que gostava de Rob, morreu e compareceu a seu funeral com Laura. Pouco depois da recepção, Rob percebe que ele nunca se comprometeu com Laura e sempre teve um pé pela porta. Isso o fez perceber que ele negligenciou seu próprio futuro no processo. Depois, ele e Laura voltam a se juntar novamente. Rob encontra um colunista de música a quem ele logo desenvolve uma paixão, mas ao fazer uma mixtape para ela, pergunta se ele sempre estará apenas pulando rock to rock. Laura se encontra com Rob em um bar onde ele explica como outras garotas são apenas fantasias, e enquanto Laura é uma realidade, ele nunca se cansa dela. Ele então propõe casamento com ela, e ela agradece por pedir. Mais tarde, ela organiza uma noite onde ele tem a oportunidade de rever o amor de sua juventude. É também uma celebração do single recentemente lançado pelos dois delinquentes, onde a banda de Barry toca " Let's Get It On ". Surpreendeu que a banda de Barry não é um desastre, Rob segura Laura e ambos dominam a música. Rob faz um mixtape para Laura, sentindo que finalmente aprendeu a torná-la feliz.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Roteiro de "Alta Fidelidade" seduziu Frears». Folha de São Paulo. 27 de outubro de 2000. Consultado em 5 de março de 2018 
  2. Alta Fidelidade (filme) (em português) no AdoroCinema (Brasil)
  3. Alta Fidelidade (filme) (em português) no CineCartaz (Portugal)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]