Amadense Esporte Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde março de 2015). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Amadense
Amadense Esporte Clube
Nome Amadense Esporte Clube
Alcunhas Leão do Rio Real[1]
Torcedor/Adepto Leão Chopp
Mascote Leão
Principal rival Sete de Junho
Fundação 23 de agosto de 1981 (38 anos)
Estádio Brejeirão
Capacidade 4.000 pessoas
Localização Tobias Barreto, SE
Presidente Luiz Antônio da Silva
Treinador Pedrinho
Competição Campeonato Sergipano
Website Facebook
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual
editar

O Amadense Esporte Clube é um clube de futebol brasileiro da cidade de Tobias Barreto do estado de Sergipe. Foi fundado dia 23 de agosto de 1981 e suas cores são o verde e o branco. Manda seus jogos no Estádio Antônio Brejeiro, o Brejeirão na Cidade de Tobias Barreto - SE. Em 2014 o Amadense conquistou o seu 1º título da Copa Governo do Estado, conquistando acesso para a Copa do Brasil 2015.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Estadual
Competição Títulos Temporadas
Sergipe Copa Governador 1 (2014)
Sergipe Torneio da Morte* 1 (2016)
  • Torneio da Morte é um título simbólico que a FSF da ao clube que terminar o Quadrangular da Permanência em primeiro.

Campanhas de Destaque[editar | editar código-fonte]

Cronologia do Amadense Esporte Clube
  • 23 de agosto de 1981 - Fundação do Amadense Esporte Clube com as cores verde e branco na camisa.
  • 2000 - 4° no Sergipano.
  • 2001 - 4° no Sergipano.
  • 2002 - 8° no Sergipano.
  • 2003 - 11° no Sergipano
  • 2004 - 10° no Sergipano, rebaixado a série A2 do Sergipano.
  • 2005 - Vice-campeão no Sergipano Série A2.
  • 2006 - 8° no Sergipano.
  • 2007 - 10° no Sergipano, rebaixado a série A2 do Sergipano.
  • 2013 - Vice-campeão no Sergipano Série A2.
  • 2014 - O clube conquista seu primeiro título na era do profissionalismo conquistando a Copa Governador de 2014 e direito de disputar a Copa do Brasil de 2015.
  • 2015 - O clube conquista disputa a Copa do Brasil de 2015, é eliminado na primeira fase pelo CRB-AL. Termina em 6° no Sergipano.
  • 2017 - 4° no Sergipano.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Participações[editar | editar código-fonte]

Participações em 2019
Competição Temporadas Melhor campanha Estreia Última A Aumento R Baixa
Sergipe Campeonato Sergipano 11 4° colocado (2000, 2001 e 2017) 2000 2018 4
Série A2 4 Vice-campeão (2005 e 2013) 2005 2019 2
Copa Governador 1 Campeão (2014) 2014 2014
Brasil Copa do Brasil 1 69° colocado (2015) 2015 2015

Desempenho em Competições[editar | editar código-fonte]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Goleiros
Brasil Ivan
Brasil Igor
Zagueiros
Brasil Moacyr
Brasil Diego
Brasil Jean Bala
Brasil Roberto Escurinho
Brasil Gabriel
Volantes
Brasil Luã Lucas
Brasil Júnior Barata
Brasil Toninho
Brasil Cauê Alemão
Brasil Everton
Brasil Jucimar
Brasil Fabinho
Meias
Brasil Tácio
Brasil Gilson
Brasil Luan Felipe
Brasil Padilha
Brasil Dyorgines
Atacantes
Brasil Hugo
Brasil Wallace
Brasil Isaac Ferreira
Brasil Peu Chiclete
Brasil Ruan

Comissão técnica[editar | editar código-fonte]

Nome Cargo
Glauber Morais Treinador
Batista Júnior Preparador físico
Rení Valença Diretor de Futebol

Transferências 2014 - 2015[editar | editar código-fonte]

Entradas
Pos. Jogador Clube anterior
Fairytale right.png M Brasil Tiquinho Brasil Prainha-MG
Fairytale right.png M Brasil Saymon Brasil Paranavai-PR
Fairytale right.png M Brasil Jacó Brasil Costa Rica-MS
Fairytale right.png M Brasil Severo Brasil VOCEM-SP
Fairytale right.png M Brasil Maílson Brasil Maracaju-CE
Fairytale right.png M Togo Mikimba Brasil Águia Negra-MS
Fairytale right.png L Brasil Paulo Miranda Brasil Internacional-RS
Fairytale right.png M Brasil Pereira Brasil Lagarto-SE
Fairytale right.png Z Brasil Marcelo Barbosa Brasil Bahia de Feira-BA
Fairytale right.png Z Brasil Walter Oliveira Brasil Lagarto-SE
Fairytale right.png Z Brasil Diego Manfio Brasil Assistense-SP
Fairytale right.png L Brasil Allan Brasil Dorense-SE
Fairytale right.png G Brasil Pedro Brasil Atlético-BA
Fairytale right.png M Brasil Lima Brasil Itabuna
Fairytale right.png G Brasil Rudison Brasil Porto-PE
Fairytale right.png M Brasil Rafael Franciscatti Brasil VOCEM
Fairytale right.png M Brasil Francisco Junior Brasil Maranhão Atlético Clube
Fairytale right.png A Brasil Diego Brasil Bahia de Feira
Fairytale right.png A Brasil Brenno Brasil Audax Rio
Fairytale right.png A Brasil Janio Brasil Botafogo-ES
Fairytale right.png A Brasil Marcelo Barbosa Brasil Bahia de Feira
Fairytale right.png V Paraguai Juan Pablo Brasil Club Cerro Porteño
Fairytale right.png G Brasil Filipe Brasil Bahia de Feira
Fairytale right.png Z Brasil Hitalo Brasil Pesqueira Futebol Clube
Fairytale right.png M Brasil Janderson Brasil Arapongas Esporte Clube
Saídas
Pos. Jogador Clube de destino
Fairytale left red.png M Brasil Michel Brasil Estanciano
Fairytale left red.png A Brasil Luan Brasil Sobradinho
Fairytale left red.png D Brasil Tião Brasil Itapipoca
Fairytale left red.png A Brasil Falcão Brasil Galícia
Fairytale left red.png Z Brasil Thales Brasil Mamoré
Fairytale left red.png M Brasil Cloves Brasil Sergipe
Fairytale left red.png M Brasil David Brasil Estanciano Esporte Clube
Legenda

Torcida[editar | editar código-fonte]

O Amadense tem também a sua torcida organizada, chamada pelo nome de Leão Chopp, que em 2014 era chamada de Bonde do Leão

Escudo[editar | editar código-fonte]

Evolução do escudo do Amadense Esporte Clube
1981-2013 2014-Presente
AmadenseEC.png

Estádio[editar | editar código-fonte]

O Amadense manda seus jogos em Tobias Barreto no estádio do Brejeirão que tem capacidade para 6.000 pessoas.

Rivalidade[editar | editar código-fonte]

O principal rival do Amadense é o Sete de Junho, clube da mesma cidade.

Referências

  1. [1] Globo Esporte, acessado em 5 de janeiro de 2014
Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.