Beatriz da Baviera

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Beatriz
Rainha Consorte da Suécia
Reinado 17 de outubro de 135620 de junho de 1359
 
Cônjuge Érico XII da Suécia
Casa Wittelsbach (por nascimento)
Bjälbo (por casamento)
Nascimento 1344
Morte 25 de dezembro de 1359 (15 anos)
  Suécia
Enterro Mosteiro dos Frades Negros de Estocolmo, Stadsholmen, Suécia
Pai Luís IV do Sacro Império Romano-Germânico
Mãe Margarida II de Hainault


Beatriz da Baviera (em sueco: Beatrix; 1344Suécia, 25 de dezembro de 1359)[1] foi rainha consorte da Suécia como esposa de Érico XII da Suécia.

Família[editar | editar código-fonte]

Beatriz foi a filha do imperador Luís IV do Sacro Império Romano-Germânico e de sua segunda esposa, Margarida II de Hainault. Sua mãe era irmã mais velha de Filipa de Hainault, a esposa do rei Eduardo III de Inglaterra.

Através do primeiro casamento de seu pai com Beatriz da Silésia, Beatriz teve três meio-irmdos que sobreviveram à idade adulta: Matilde, Marquesa de Meissen, o duque Luís V da Baviera e o Duque Estêvão II da Baviera.

Seus irmãos integrais, por parte de pai e mãe, eram nove, entre eles havia: o eleitor Luís VI e os duques Otão V, Alberto I e Guilherme I.

Através da linhagem paterna, Beatriz era descendente do rei Rodolfo I da Germânia e de sua segunda esposa Gertrudes de Hohenburg. Já pela linhagem materna, ela também descendia do Rei Filipe III de França e de sua primeira esposa Isabel de Aragão.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 1356, ela se casou com Érico XII da Suécia, que tornou-se co-rei ao lado de seu pai, Magno IV da Suécia, naquele mesmo ano. Dessa forma Beatriz dividiu o título de rainha durante três anos com a esposa de Magno, Branca de Namur.

O casal morreu em 1359, de acordo com rumores da época, através de envenenamento pela mãe de Érico, a rainha Branca. Beatriz teria dado à luz a um menino natimorto um pouco antes de sua morte. A teoria aceita atualmente é de que os três morreram de peste ao invés de envenenamento. Alguns historiadores acreditam que ela e seu filho foram enterrados no Mosteiro dos Frades Negros de Estocolmo, na ilha de Stadsholmen, em Estocolmo.

Ancestrais[editar | editar código-fonte]

Referências


Precedida por:
Branca de Namur
Rainha Consorte da Suécia
Juntamente com Branca de Namur
17 de outubro de 135620 de junho de 1359
Sucedida por:
Margarida I da Dinamarca