Claudia Álvarez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Claudia Álvarez
Álvarez em 2016.
Nome completo Claudia Álvarez Ocampo
Nascimento 6 de outubro de 1981 (35 anos)
Cidade do México, D.F., México
Nacionalidade Mexicana
Ocupação Atriz
Atividade 2003 – presente
Cônjuge Billy Rovzar (2016 – presente)
IMDb: (inglês)

Claudia Álvarez Ocampo (Cidade do México, 6 de outubro de 1981) é uma atriz mexicana.[1] É conhecida por interpretar a vilã principal, Verónica Hierro em Porque el amor manda.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira fazendo comerciais de televisão. Pouco depois trabalhou em uma empresa de origen espanhola como organizadora de eventos, e logo mais tarde ingressou na universidade para estudar Publicidade. Algum tempo depois, Claudia deixou sua licenciatura de publicidade para se dedicar à atuação.[2] Estreou na televisão em 2003, na telenovela Mirada de mujer... el regreso, da TV Azteca.[3] Permaneceu no canal até novembro de 2010, logo após o fim da novela Pobre diabla.[4]

No fim de 2010 chegou a ser confirmada como a antagonista da novela La fuerza del destino. Porém, a atriz não seguiu no projeto e foi substituída por Laisha Wilkins. [5] Sua estréia na Televisa foi na novela Dos hogares. [6]

Em 2012 interpretou a vilã principal da telenovela Porque el amor manda, atuando ao lado de Fernando Colunga e Blanca Soto. [7]

Em 2015 protagoniza a segunda versão de Simplemente María, junto a Ferdinando Valencia e José Ron. [8]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Telenovelas[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem
2003 Mirada de mujer... el regreso Luciana
2004-05 Las Juanas Juana Prudencia Matamoros
2006-07 Amores cruzados Sofía Narváez Echeverría
2007-08 Bellezas indomables María Fernanda "Mafe" Urquillo
Se busca un hombre Loreta Reigadas
2009-2010 Pobre diabla Santa Olivares Madrigal
2011 El Equipo Pilar
2011-12 Dos Hogares Adela Arizmendi
2012-13 Porque el amor manda Verónica Hierro
2014-15 Hasta el fin del mundo Alexa Ripoll Bandy
2015-16 Simplemente María María Flores Ríos
2017 En tierras salvajes Isabel Montalbán[9]

Cinema[editar | editar código-fonte]

  • No sé si cortarme las venas o dejármelas largas (2013)

Teatro[editar | editar código-fonte]

  • Los Monólogos de la Vagina[10]
  • No se si cortarme las venas o dejármelas largas
  • Extraños en un tren

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Trabalho por nomeação Resultado
2012 Prêmio TVyNovelas Melhor atriz juvenil Dos hogares Nomeada
2013 Premios People en Espanhol Melhor vilã Porque el amor manda Nomeada
2014 Prêmio TVyNovelas Melhor vilã Nomeada

Referências

  1. «Claudia Álvarez». Televisa. 10 de fevereiro de 2015. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  2. «Conoce a Claudia Álvarez». Taringa. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  3. «Famosos de Televisa "nacidos" en TV Azteca». El Grafico. 9 de setembro de 2012. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  4. «Najera e Claudia Alvarez se van de TV Azteca». El Universal. 30 de novembro de 2010. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  5. «Claudia Álvarez ya no será la villana de La fuerza del destino». El Informador. 19 de dezembro de 2010. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  6. «Se integra Claudia Álvarez a la telenovela 'Dos hogares'». El Informador. 27 de agosto de 2011. Consultado em 12 de novembro de 2015  line feed character character in |titulo= at position 27 (ajuda)
  7. «Claudia Álvarez podría ser la villana de "Porque El Amor manda"». Starmedia. 10 de julho de 2012. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  8. «Claudia Álvarez se queda con el protagónico de 'Simplemente María'». Hola. 9 de julho de 2015. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  9. «Mayrín Villanueva sale de 'En tierras salvajes' y Claudia Álvarez la sustituirá». www.univision.com. Consultado em 27 de fevereiro de 2017 
  10. El informador. «Claudia debuta en "Los Monólogos de la Vagina"». Consultado em 12 de novembro de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]