Conclave de 1878

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Conclave de 1878
Papa Leão XIII
Data e localização
Pessoas-chave
Decano Luigi Amat di San Filippo e Sorso
Camerlengo Vincenzo Gioacchino Pecci
Protodiácono Prospero Caterini
Eleição
Eleito Papa Leão XIII (Vincenzo Gioacchino Pecci)
Participantes 64
Escrutínios 3
Cronologia
Último
Conclave de 1846
Conclave de 1903
Próximo

Em 7 de Fevereiro de 1878 morreu o Papa Pio IX. No dia 19 de Fevereiro os cardeais reuniram-se em conclave, e passados dois dias foi anunciada a vitória de cardeal Pecci que se tornaria no Papa Leão XIII.

Circunstancias únicas[editar | editar código-fonte]

As circunstancias únicas eram:

  • O maior reinado de qualquer Papa desde São Pedro, o que significa que Pio IX teve uma maior oportunidade do que qualquer outro Papa na história para moldar o Colégio dos Cardeais, selecionando as pessoas que compartilhavam sua opinião e visão religiosa.
  • O primeiro conclave no qual a pessoa escolhida reinaria como Papa, mas não como soberano dos Estados Pontifícios, tendo este último sido varrido pela unificação do Reino da Itália em 1870.
  • Uma mudança de local, como o anterior local utilizado na maioria dos conclaves papais no século XIX, a antiga residência papal, o Palácio do Quirinal, já não era propriedade papal e agora era o palácio de Humberto I, rei da Itália.
Duração 2 dias
Número de Votações 3
Eleitores 64
Ausentes 3
Presentes 61
África 0
América Latina 0
América do Norte 0
Ásia 0
Europa 61
Italianos 40
Veto usado Não
Papa falecido Pio IX (1846-1878)
Papa eleito Leão XIII (1878-1903)
Brasão Papal do Papa Leão XIII.

Presença de cardeais falantes de Língua Portuguesa[editar | editar código-fonte]

Neste conclave esteve apenas um cardeal falante de língua portuguesa:

Papa Leão XIII em 1898.

Ver também[editar | editar código-fonte]