Curtain Call: The Hits

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde setembro de 2009). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Curtain Call: The Hits
Álbum de grandes êxitos de Eminem
Lançamento 6 de dezembro de 2005
Gravação 1997–2005
Gênero(s) Midwest hip hop, hardcore hip hop, horrorcore
Duração 77:55
Gravadora(s) Aftermath, Interscope, Shady
Produção Dr. Dre, Eminem, Jeff & Marky Bass, Mike Elizondo, The 45 King, Mel-Man
Cronologia de Eminem
The Singles
(2003)
Eminem Presents the Re-Up
(2006)

Curtain Call: The Hits é um álbum dos maiores hits do rapper americano Eminem, foi lançado em 6 de dezembro de 2005 em parceria com as gravadoras Aftermath, Interscope e Shady. O álbum contém suas canções mais populares, além de quatro novas faixas, uma versão ao vivo de "Stan" feat. Elton John e três canções inéditas, "Fack", "Shake That" feat. Nate Dogg e "When I'm Gone". A edição especial também foi lançada, que incluiu um segundo CD, chamado "Stan's Mixtape", que incluía uma seleção de faixas menos conhecidas.

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 5 de 5 estrelas. [1]
Entertainment.ie 4 de 5 estrelas. [2]
Pitchfork (6.9/10) [3]
PopMatters (7/10) [4]
Rolling Stone 4 de 5 estrelas. [5]
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

História[editar | editar código-fonte]

O álbum estreou em #1 na parada de álbuns britânica UK Albums Chart após dois dias de vendas, de forma semelhante ao seu álbum anterior Encore. O livreto do álbum contém imagens de toda a carreira de Eminem, incluindo o desempenho no Grammy Awards de 2001 com Elton John, uma foto do grupo D12, uma imagem do vídeo de "Superman", a capa de The Marshall Mathers LP, e imagens anteriormente apresentadas nos livretos de seus álbuns anteriores.

Uma "versão limpa" do álbum também está disponível. Ela remove tanto "Intro" e "Fack" e move "My Name Is" para a faixa um. As faixas parecem exatamente como elas apareceram nas versões limpas de seus respectivos álbuns. Faixas como "The Way I Am" e "Stan" tiveram as palavras "shit" e "ass" removidas.

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

N.º TítuloProdutor Duração
1. "Intro"    0:34
2. "Fack"  Eminem 3:26
3. "The Way I Am"  Eminem 4:51
4. "My Name Is"  Dr. Dre 4:29
5. "Stan" (feat. Dido)The 45 King 6:44
6. "Lose Yourself"  Eminem 5:26
7. "Shake That" (feat. Nate Dogg)Eminem 4:34
8. "Sing for the Moment"  Eminem 5:40
9. "Without Me"  Eminem 4:51
10. "Like Toy Soldiers"  Eminem 4:56
11. "The Real Slim Shady"  Dr. Dre & Mel-Man 4:45
12. "Mockingbird"  Eminem 4:11
13. "Guilty Conscience" (feat. Dr. Dre)Dr. Dre & Eminem 3:20
14. "Cleanin' Out My Closet"  Eminem & J. Bass 4:59
15. "Just Lose It"  Dr. Dre & Mike Elizondo 4:09
16. "When I'm Gone"  Eminem 4:41
17. "Stan" (ao vivo feat. Elton John)The Recording Academy 6:20

Créditos[editar | editar código-fonte]

  • Jeff Bass – baixo, guitarra, teclados
  • Karin Catt – fotografia
  • Larry Chatman – coordenador de projeto
  • Lindsay Collins – coordenador de estúdio
  • Tom Coster, Jr. – teclados
  • DJ Head – programador de bateria
  • Dr. Dre – produtor, mixagem
  • Mike Elizondo – baixo, guitarra, teclados, produtor
  • Eminem – produtor, produtor executivo, programador de bateria, mixagem
  • The 45 King & Louie – produtor
  • Marti Frederiksen – engenheiro
  • Brian "Big Bass" Gardener – masterização
  • Scott Hays – engenheiro assistente
  • Richard "Segal" Herredia – engenheiro
  • Mauricio Iragorri – engenheiro
  • Ben Jost – engenheiro assistente
  • Rouble Kapoor – engenheiro assistente
  • Steven King – baixo, guitarra, engenheiro, mixagem
  • Anthony Mandler – fotografia
  • Jonathan Mannion – fotografia
  • Joe Perry Project – solo instrumental
  • Kirdis Postelle – coordenador de projeto
  • Luis Resto – teclados, programação, produtor
  • Tom Rounds – engenheiro assistente
  • Les Scurry – coordenador de produção
  • Mike Sroka – engenheiro assistente
  • Urban Kris – engenheiro assistente
  • Nitin Vadukul – fotografia

Posições nas paradas[editar | editar código-fonte]

Álbum[editar | editar código-fonte]

Ano Tabela Posição
2005 Austrália Australian Recording Industry Association
1
Estados Unidos Billboard 200
República da Irlanda Irish Recorded Music Association
2006 Austrália Australian Recording Industry Association
Noruega Verdens Gang
2

Singles[editar | editar código-fonte]

Ano
Canção
Parada musical
Billboard Hot 100 Hot R&B/Hip-Hop Singles & Tracks Hot Rap Tracks Top 40 Mainstream Rhythmic Top 40 Pop 100
2005 "When I'm Gone" #8 #96 #22 #13 #18 #7
2006 "Shake That" #6 - #11 #13 #8 #6

Referências

  1. «Avaliação no Allmusic». www.allmusic.com 
  2. «Avaliação na Entertainment.ie». www.entertainment.ie [ligação inativa]
  3. «Avaliação na Pitchfork». pitchforkmedia.com. Consultado em 19 de setembro de 2007. Arquivado do original em 10 de fevereiro de 2008 
  4. «Avaliação na PopMatters». www.popmatters.com 
  5. «Avaliação na Rolling Stone». www.rollingstone.com 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Eminem é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.