Engenharia computacional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Simulação computacional de um motor.
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Engenharia da Computação.

Engenharia Computacional é um campo interdisciplinar da engenharia que lida com o desenvolvimento e aplicação de modelos computacionais e de simulações, muitas vezes, juntamente com a computação de alto desempenho, para resolver complexos problemas físicos decorrentes de análise de engenharia e design, bem como fenômenos naturais (ciência da computação). Inserida na área denominada computational science and engineering, tem sido descrito como o "terceiro modo de descoberta" (ao lado da teoria e da experimentação).[1] Em muitos campos, a simulação por computador é integral e, portanto, essenciais para a investigação e desenvolvimento de novas técnicas. A simulação no computador fornece a capacidade para entrar em campos que são inacessíveis a tradicional de experimentação ou de onde a realização de tradicionais experimentos são muitos caros ou inviáveis. Engenharia Computacional não deve ser confundida com a ciência da computação, nem com engenharia de computação, apesar de uma grande domínio em que o primeiro é utilizado na Engenharia Computacional (por exemplo, determinados algoritmos, estruturas de dados, programação paralela, computação de alto desempenho) e alguns problemas nos últimos podem ser modelados e resolvidos com métodos estudados na Engenharia Computacional (como uma área de aplicação).

É oferecida nos programas de mestrado ou doutorado em várias instituições, além de cursos de graduações, citando a UFJF, UFRJ, PUC-RJ.[2]

Métodos[editar | editar código-fonte]

O estudos na área Engenharia Computacional inclui:

  • Computação de alto desempenho e técnicas para ganho de eficiência (através da mudança na arquitetura de computadores, algoritmos paralelos, etc.);
  • Modelagem e simulação;
  • Algoritmos para solução discreta e contínua de problemas;
  • Análise e visualização de dados;
  • Métodos matemáticos: Numérico e aplicações de álgebra linear, problemas de valor inicial e de contorno, análise de Fourier, otimização;
  • Ciência de dados para o desenvolvimento de métodos e algoritmos para manipular e extrair conhecimento a partir de grandes dados científicos.

Aplicações[editar | editar código-fonte]

Uma solução numérica para a equação de calor em um modelo de caixa da bomba usando o método de elementos finitos.

Engenahria Computacional possui diversas aplicações em várias áreas, incluindo:

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências

Links externos[editar | editar código-fonte]