Ernesto Augusto de Hanôver (1954)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pretendente
Ernesto Augusto V
Ficheiro:Prince Ernst August of Hanover.jpg
Reivindicação
Título Príncipe de Hanôver
Período 9 de dezembro de 1987 – presente
Vida
Cônjuge Chantal de Hanôver
Carolina do Mónaco
Descendência Ernesto Augusto
Cristiano
Alexandra
Nome completo Ernesto Augusto Alberto Oto Rupprecht Oscar Bertoldo Frederico-Ferdinando Cristiano-Luís Prinz de Hanôver
Casa Hanôver
Pai Ernesto Augusto de Hanôver
Mãe Ortrud de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg
Nascimento 26 de fevereiro de 1954 (68 anos)
Hanôver, Alemanha
Família real hanoveriana
Casa de Hanôver
Royal Hanover Inescutcheon.svg

Ernesto Augusto V, Príncipe de Hanôver (em alemão: Ernst August Albert Otto Rupprecht Oskar Berthold Friedrich-Ferdinand Christian-Ludwig Prinz von Hannover; 26 de fevereiro de 1954, em Hanôver, Baixa Saxônia, Alemanha) é o filho mais velho de Ernesto Augusto de Hanôver (1914–1987) e de sua primeira esposa, a princesa Ortruda de Eslésvico-Holsácia-Sonderburgo-Glucksburgo (1925–1980). Ele é o terceiro e atual marido de Carolina do Mónaco. Apesar de ser o pretendente ao trono do Reino de Hanôver, comumente as pessoas referem-se a Ernesto como "Sua Alteza Real o Príncipe de Hanôver" ou como "Ernesto Augusto V".

História familiar[editar | editar código-fonte]

Como o principal descendente da linha masculina de Jorge V de Hanôver e portanto também de Jorge III do Reino Unido, Ernesto Augusto é o chefe da Casa de Guelfo e é enumerado como Ernesto Augusto V. Ele é um pretendente hanoveriano ao trono do Reino de Hanôver e ao trono ducal do Ducado de Brunsvique-Luneburgo. Por isso, ele se estiliza, de acordo com a tradição germânica, como "Sua Alteza Real O Príncipe de Hanôver, Duque de Brunsvique e Luneburgo, Príncipe da Grã-Bretanha e Irlanda". Nenhum desses títulos, entretanto, é válido sob as leis modernas inglesas, alemãs ou irlandesas; mas são usados por cortesia nas cortes europeias e formalmente reconhecidos pelo estado de Mónaco. Na Alemanha, títulos da nobreza e da realeza foram abolidos em 1918, sendo legalmente considerados apenas sobrenomes[1].

Herdeiro do Duque de Cumberland e Teviotdale, Ernesto Augusto tem direito à petição da restauração dos pariatos britânicos de seus ancestrais, mas nunca o fez, ainda que seu pai tenha com sucesso reclamado nacionalidade britânica depois da Segunda Guerra Mundial.

O príncipe também é o bisneto do último imperador germânico, Guilherme II.

Família[editar | editar código-fonte]

A primeira esposa de Ernesto Augusto foi Chantal Hochuli, com quem se casou civilmente em 28 de agosto de 1981 e religiosamente em 30 de agosto daquele mesmo ano. Hochuli é herdeira de uma fortuna de chocolate suíço. Eles tiveram dois filhos:

Ernesto e Chantal se divorciaram em 23 de outubro de 1997. Ele se casou pela segunda vez em 23 de janeiro de 1999, com a princesa Carolina do Mónaco, que estava grávida naquele momento da filha de Ernesto, a princesa Alexandra de Hanôver (nascida em 20 de julho de 1999).

Ernesto Augusto V nasceu na linha de sucessão à coroa britânica, ele foi obrigado pelo Royal Marriages Act 1772. Assim, antes de seu casamento com a princesa Carolina fez um pedido formal de autorização a rainha Isabel II, o pedido foi concedido pela rainha no Conselho do Parlamento da Grã-Bretanha. Sem a aprovação real, o casamento teria sido nulo na Grã-Bretanha, e pode ter ameaçado o direito de Ernesto Augusto de petição para a retomada do ducado de Cumberland. Garantia da França mesma forma, o Tribunal de Justiça monegasca foi notificado oficialmente do casamento de Caroline com o príncipe Ernesto Augusto e recebidos que não havia oposição, em conformidade com o tratado franco-monegasco.

Depois de vários escândalos de traição, Carolina e Ernst separaram-se no verão de 2009. Não estão divorciados, pois o príncipe que não está disposto a fazê-lo, apesar de assumir publicamente outros relacionamentos[2].

Polémicas[editar | editar código-fonte]

Em Julho de 2020, após desacatos provocados com a polícia na sua cabana de caça, Ernst foi internado compulsivamente numa clínica psiquiátrica.

Em Setmbro de 2020, e depois de ter feito ameaças graves e estragos vários, o príncipe alemão não foi levado para uma clínica, mas sim para a prisão[3].

Em 2018, namorou publicamente com a portuguesa Maria Madalena Bensaude[4].

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.