Frente Negra Brasileira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Frente Negra Brasileira (FNB) foi um movimento negro, fundado em outubro de 1931,[1] tendo sido reconhecido como partido político em 1936, vigendo até o golpe de 1937 que pretendia combater o racismo no Brasil e promover melhores condições de trabalho, saúde e educação para a população negra brasileira. Em Cássia, no Sul de Minas, onde a frente passou a se chamar Sociedade Negra Princesa Isabel, mesmo com a mudança do nome, foi fechada em março de 1938[2]. O partido político, Frente Negra Brasileira, foi declarado ilegal, sobrevivendo sob o nome União Negra Brasileira até maio de 1938 [3].

Seus principais fundadores foram Arlindo Veiga dos Santos, José Correa Leite, Isaltino Veiga dos Santos, Gervásio de Moraes e Jaime de Aguiar, entre outros.

Referências

  1. Frente Negra Brasileira comemora 80 anos, Onu Brasil
  2. Frente Negra Brasileira tem ideais sufocados por Alessandra Mello publicado pelo jornal "Estado de Minas" (2013)
  3. Frente Negra Brasileira (1931-1938) por Martins, Ana Nina em "BlackPast" (2007)
Ícone de esboço Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.