Gone Fishin'

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Gone Fishin'
A Grande Pescaria[1] (PRT)
Pescando Confusão[2] (BRA)
Gone Fishin.jpg
Pôster promocional
 Estados Unidos
1997 •  cor •  97 min 
Direção Christopher Cain
Produção Roger Birnbaum
Julie Bergman Sender
Roteiro J. J. Abrams
Jill Mazursky
Elenco Joe Pesci
Danny Glover
Rosanna Arquette
Lynn Whitfield
Gênero aventura
comédia
policial
Música Randy Edelman
Cinematografia Dean Semler
Edição Jack Hofstra
Companhia(s) produtora(s) Hollywood Pictures
Caravan Pictures
Distribuição Buena Vista Pictures
Lançamento Estados Unidos 30 de maio de 1997
Idioma inglês
Orçamento US$ 53 milhões
Receita US$ 19,745,922
Página no IMDb (em inglês)

Gone Fishin' (Pescando Confusão BRA ou A Grande Pescaria PRT) é um filme de comédia estadunidense de 1997, estrelada por Joe Pesci e Danny Glover, como dois entusiastas da pesca. Nick Brimble, Rosanna Arquette, Lynn Whitfield e Willie Nelson co-protagonizam.[3] Este filme é a única colaboração entre Glover e Pesci fora da série de filmes Lethal Weapon.

Quando Gone Fishin' estava nos estágios iniciais de desenvolvimento durante o início dos anos 90, os papéis de Joe e Gus foram oferecidos primeiramente a John Candy e Rick Moranis. Ambos recusaram, pois estavam ocupados com outros projetos.[4] Uma vez que o filme recebeu a luz verde em 1995, Joe Pesci e Danny Glover acabaram sendo escalados como protagonistas. John G. Avildsen foi indicado para dirigir o filme e já o filmou nas duas primeiras semanas, mas ele foi demitido da Disney e pagou seu salário de US$2 milhões para o estúdio, e Christopher Cain imediatamente assinou contrato para substituí-lo.

Durante a produção do filme, a dublê Janet Wilder foi morta quando um barco que foi feito para pular uma rampa em uma das cenas pousou em cima dela. O marido de Wilder e o sogro também ficaram feridos.[5]

O filme foi uma decepção de bilheteria, orçado em US$53 milhões de dólares e arrecadando apenas US$19,745,922. Também recebeu críticas, com o crítico de cinema Leonard Maltin dando ao filme uma classificação "bomb", sua classificação mais baixa. Ele o chamou de "irritantemente sem graça" e declarou que era um desperdício do talento de Pesci e Glover. O crítico de cinema Chris Hicks, de Salt Lake City, disse que após Pesci ter feito Gone Fishin' e 8 Heads in a Duffel Bag a Academy Awards deveria tê-lo pedido para devolver o Oscar que ele ganhou por Goodfellas. O filme atualmente detém uma classificação de 4% em Rotten Tomatoes com base em 27 avaliações com o consenso de que o filme foi um "ponto baixo nas carreiras de seus dois talentos".

Em seu livro Red Lobster, White Trash e Blue Lagoon, Joe Queenan diz que estava "tão envergonhado com Joe Pesci que ele era conhecido por esperar fora dos cinemas mostrando um filme chamado Gone Fishin' e dar àqueles poucos clientes que passavam dinheiro de volta, em nome da "American Cellionid Retribution Society".[6]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Joe Waters (Pesci) e Gus Green (Glover) são amigos sorrateiros, mas felizes, que vivem modestamente em Newark, New Jersey, e se conhecem desde a infância. Eles compartilham o hobby de pescar e ganham uma estadia nos Everglades da Flórida para irem à pesca, mas prometem voltar para casa a tempo para o Dia de Ação de Graças.

No caminho, no entanto, ao parar em um bar, eles encontram um inglês, Martin (Brimble), que discretamente rouba as chaves do carro de Joe e sai. Joe e Gus são obrigados a empurrar seu barco pela estrada até que eles sejam atendidos por duas mulheres, Rita (Arquette) e Angie (Whitfield), que estão atrás de Martin e oferecem-lhes uma carona. Durante o passeio, um solavanco faz com que o barco se desconecte do carro, deixando Joe e Gus novamente abandonados, e o barco é enganchado acidentalmente em um trem e se afastou junto com sua cerveja e suprimentos. Joe e Gus pegam carona com dois homens, mas no caminho, eles veem o carro em um posto de gasolina e investigam. Joe vai confrontar Martin dentro do banheiro, mas recua quando ele pega Martin carregando uma arma. Joe e Gus fogem do posto de gasolina em seu carro e descobrem uma faca manchada de sangue no painel.

Joe e Gus ficam em um parque de trailers durante a noite, e enquanto assistem a um documentário na televisão, eles descobrem que Martin é Dekker Massey, um criminoso procurado que roubou várias mulheres e está implicado em ter esfaqueado sua última vítima até a morte e escondeu seu dinheiro e jóias em algum lugar. Os apresentadores oferecem uma recompensa pela captura de Dekker, e Joe e Gus decidem entregar a faca depois de sua viagem de pesca. Enquanto isso, Dekker começa a perseguir Joe e Gus.

Seguindo uma recomendação do dono do estacionamento, Joe e Gus visitam o estaleiro de Phil Beasly e alugam uma lancha, mas acabam quebrando quase todos os equipamentos do barco, perdendo a faca e destruindo o estaleiro acidentalmente. Atormentados, eles decidem voltar para casa mais cedo, mas acabam com um pneu furado. Enquanto pega o pneu sobressalente do porta-malas, Joe descobre um mapa que leva à fortuna de Dekker. Eles reservam um quarto em um hotel próximo e, enquanto jantam, eles são encontrados por Rita e Angie, que os questionam sobre Dekker e revelam que estão atrás dele porque a mãe de Rita era uma das vítimas de Dekker. Joe e Gus prometem levar Dekker à justiça, mas naquela noite Gus sonha e inicia um incêndio no hotel, destruindo sua suíte e o mapa. Eles mal conseguem escapar sem serem detectados, apesar de seu carro quebrar na estrada e Joe é atingido por um raio enquanto tenta consertá-lo. Em vez de matá-lo, o raio aumenta a memória de Joe e ele é capaz de liderar o caminho para a caverna onde Dekker escondeu sua fortuna. Apesar de uma briga com um jacaré, eles recuperam o tesouro e escapam, mas são abordados por Dekker. Sob a mira de uma arma, Dekker os obriga a empurrar o carro de Joe para o pântano e os amarra dentro de um escritório do xerife, com a intenção de fugir do país com o tesouro.

Depois que Dekker sai, no entanto, Joe e Gus são encontrados e libertados por seu ídolo, Billy "Catch" Pool (Nelson), e eles decidem parar Dekker. Depois de uma longa perseguição pelo pântano, Joe e Gus encontram e capturam Dekker momentos antes de sua fuga de avião e o entregam à polícia. Embora eles reivindiquem o dinheiro da recompensa, Joe e Gus são obrigados a gastá-lo principalmente com os danos que causaram durante a viagem.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Joe Pesci como Joe Waters
  • Danny Glover como Gus Green
  • Rosanna Arquette como Rita, filha de uma das vítimas de Dekker Massey
  • Lynn Whitfield como Angie, melhor amiga de Rita
  • Willie Nelson como Billy Pooler, um pescador profissional que é ídolo de Joe e Gus
  • Nick Brimble como Dekker Massey, um vigarista britânico
  • Gary Grubbs como Phil Beasly, o proprietário de um estaleiro naval
  • Carol Kane como Donna Waters, esposa de Joe
  • Edythe Davis como Cookie Green, espoda de Gus
  • Jenna Bari como Gena Waters, filha de Joe
  • Raynor Scheine como Glenn, o proprietário de um parque de trailers
  • Maury Chaykin como Kirk, um garçom que brilha com Joe e Gus
  • Louise Fletcher como dono de um restaurante (não creditado)

Referências

  1. A Grande Pescaria em Sapo.pt
  2. Pescando Confusão na Folha de S.Paulo
  3. Pescando Confusão no Telecine Play
  4. Evans, Bradford (2 de junho de 2011). «The Lost Roles of John Candy». Splitsider. Consultado em 26 de julho de 2015 
  5. Janet Wilder - Biography
  6. David Dale, "The stars and gripes", Sydney Morning Herald, 10 Oct 1998, Spectrum, p. 10s

Ligações externas[editar | editar código-fonte]