10 Cloverfield Lane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
10 Cloverfield Lane
Rua Cloverfield, 10 (BR)
 Estados Unidos
103:28[1] min 
Direção Dan Trachtenberg
Produção
Roteiro
História
  • Josh Campbell
  • Matt Stuecken
Elenco
Música Bear McCreary
Cinematografia Jeff Cutter
Edição Stefan Grube
Companhia(s) produtora(s) Bad Robot Productions
Distribuição Paramount Pictures
Lançamento 08 de março de 2016 (Nova Iorque)
11 de março de 2016 (Estados Unidos)
07 de abril de 2016 (Brasil e Portugal)
Idioma Inglês
Orçamento US$ 15 milhões[2][3]
Receita US$ 108.3 milhões[4]

10 Cloverfield Lane (Rua Cloverfield, 10 (título no Brasil) ) é um thriller dirigido por Dan Trachtenberg, escrito por Josh Campbell, Matthew Stuecken e Damien Chazelle, com Mary Elizabeth Winstead, John Goodman e John Gallagher Jr no elenco. O filme começou como um roteiro intitulado The Cellar, mas durante a produção, pela Bad Robot Productions, evoluiu para o que o produtor J. J. Abrams descreveu como um "parente de sangue" do filme Cloverfield de 2008. Estreou nos Estados Unidos em 11 de março de 2016 e no Brasil em 7 de abril do mesmo ano.[5]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Na sequência de uma discussão com seu noivo Ben, Michelle deixa Nova Orleans e dirige através da área rural de Louisiana. Tarde da noite, ela escuta pelo rádio que há uma série de apagões nas grandes cidades. Distraído por uma chamada de Ben, Michelle se envolve num acidente e fica inconsciente. Ela acorda em um quarto de concreto acorrentada a uma parede, e é abordada por um homem chamado Howard, que explica que um ataque de origem desconhecida ocorreu e que ele a trouxe para seu bunker depois de encontrá-la desacordada no acostamento da estrada. Michelle conhece Emmett, outro sobrevivente que testemunhou o ataque e fugiu para o bunker de Howard. Durante o jantar, Michelle, desconfiada, rouba as chaves de Howard e tenta escapar, mas se depara com Leslie, uma mulher que sofre de lesões cutâneas graves, implorando para entrar no bunker. Quando a mulher desesperada bate a cabeça contra porta blindada do bunker em uma tentativa de entrar, Michelle percebe que Howard estava certo e permanece.

Com o passar do tempo, o trio começa a se adaptar à vida subterrânea, e Howard conta a Michelle sobre sua filha Megan, de quem perdeu a guarda. Mas Michelle e Emmett, eventualmente, detectam inconsistências nessa história, inclusive descobrindo que a foto de "Megan" que Howard mostrou à Michelle é na verdade de Brittany, uma colega da irmã mais nova de Emmett, que desapareceu dois anos antes. Ao encontrar uma outra foto de Howard com uma Brittany de aparência triste no bunker, Michelle e Emmett percebem que Howard sequestrou e assassinou Brittany. Percebendo que Howard é perigoso, eles começam a planejar uma fuga e montar um traje de contenção biológico improvisado, mas Howard descobre que eles estão planejando algo. Em defesa de Michelle, Emmett aceita a culpa e afirma que ele estava criando uma arma para roubar o revólver de Howard, dizendo que queria fazer Michelle respeitá-lo da mesma forma que ela respeitava Howard. Depois de aparentemente aceitar o pedido de desculpas de Emmett, Howard subitamente o mata com um tiro. Pouco tempo depois Michelle trabalha para finalizar o traje de contenção biológico, mas é mais uma vez descoberta por Howard. Ela despeja um tonel de ácido perclórico nele, queimando-o severamente e, inadvertidamente, inicia um incêndio elétrico. Ela sobe pelos dutos de ar, apesar dos protestos de Howard dizendo que "eles vão levá-la", coloca o traje e sai do bunker, descobrindo que o ar do lado de fora não é tóxico.

Uma nave extraterrestre tecno-orgânica aparece a distância; o bunker então explode, chamando a atenção da nave. Michelle é atacada pela nave e por uma criatura alienígena no chão. A nave faz lançamentos de gases tóxicos, forçando-a a se abrigar na caminhonete de Howard, que é então capturada pela nave, que tenta engoli-la. No entanto, Michelle monta um coquetel Molotov e joga no ofício da nave, que é destruída. Michelle foge no carro de Leslie e ouve um programa de rádio sobre os esforços de resistência de humanos bem sucedidos. Os sobreviventes são aconselhados a evacuar ao norte de Baton Rouge, enquanto os que são capazes de ajudar no combate são dirigidos para Houston; atingindo uma encruzilhada, ela se dirige para Houston, enquanto outra nave alienígena pode ser vista ao longe no horizonte.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Marketing[editar | editar código-fonte]

O título final do filme foi revelado em 15 de Janeiro de 2016, quando um trailer foi anexado às cópias americanas de 13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi.[7] De forma similar como fora feito com Cloverfield, uma campanha de marketing viral que utilizava elementos de um jogo de realidade alternativa foi usada para promover o filme. Bad Robot iniciou a campanha no início de Fevereiro de 2016, ao atualizar o site Tagruato.jp,[8] que também foi utilizado no filme original. A campanha revela informação adicional sobre o personagem de Howard Stambler e sua filha.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Até 8 de Maio de 2016, o filme arrecadou $ 71,455,00 nos EUA, e um total de U$ 107,137,67 ao redor do mundo[9]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Rua Cloverfield, 10 foi bem recebido pela crítica. No Rotten Tomatoes, o filme tem uma média de 90% de aprovação, baseada em 241 críticas, com uma média de 7.4. O consenso crítico do site diz "Inteligente, realizado de forma concreta e com uma tensão palpável, Rua Cloverfield, 10 aproveita ao máximo sua locação confinada e o excelente elenco - e sugere uma nova fronteira para franquias cinematográficas."[10] O Metacritic deu ao filme uma nota 76 de 100, baseando-se em 46 críticos, indicando "críticas geralmente favoráveis".[11]O público mediante do CinemaScore deu ao filme uma média de "B-", em uma escala de A+ a F.[12]

Referências

  1. «10 Cloverfield Lane (12A)». British Board of Film Classification. 9 de março de 2016. Consultado em 9 de março de 2016 
  2. Lee, Benjamin (15 de março de 2016). «Has 10 Cloverfield Lane broken the movie trailer template?». The Guardian. Consultado em 15 de março de 2016 
  3. Lang, Brent (9 de março de 2016). «Box Office: 'Zootopia' to Trample '10 Cloverfield Lane,' 'Brothers Grimsby'». Variety. Consultado em 9 de março de 2016 
  4. Box Office Mojo. «10 Cloverfield Lane (2016)». Internet Movie Database. Consultado em 30 de maio de 2016 
  5. «Rua Cloverfield, 10 - Veja o trailer do derivado secreto da produtora de J.J. Abrams». Consultado em 30 de setembro de 2016 
  6. «Exclusive: J.J. Abrams talks 10 Cloverfield Lane». Empire (em inglês). Consultado em 10 de maio de 2016 
  7. «10 Cloverfield Lane Trailer Reveals J.J. Abrams Sequel». Collider (em inglês). 15 de janeiro de 2016. Consultado em 10 de maio de 2016 
  8. «TAGRUATO CORP.». tagruato.jp. Consultado em 10 de maio de 2016 
  9. «10 Cloverfield Lane (2016) - Box Office Mojo». www.boxofficemojo.com. Consultado em 9 de maio de 2016 
  10. «10 Cloverfield Lane». www.rottentomatoes.com. 11 de março de 2016. Consultado em 9 de maio de 2016 
  11. «10 Cloverfield Lane». Metacritic. Consultado em 9 de maio de 2016 
  12. «Animals & Aliens Mow Down 'Messiah', 'Perfect Match' & 'Grimsby' – Monday Box Office Update». Deadline. 15 de março de 2016. Consultado em 9 de maio de 2016 

Ligação externa[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.