Curso superior de tecnologia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Graduação tecnológica)
Ir para: navegação, pesquisa

Os cursos superiores de tecnologia constituem um tipo de curso da educação superior do sistema de educação profissional brasileiro [1] [2]. Trata-se de cursos de graduação que conferem o grau de tecnólogo ao seu concluinte.[1]

Sendo parte da educação profissional, são cursos cuja vocação é atender a demandas específicas do mercado de trabalho. Os primeiros cursos de tecnologia datam da década de 1970 e hoje são ministrados em todo o Brasil, tanto em instituições públicas como em instituições privadas.

Os cursos superiores de tecnologia são abertos a candidatos que tenham concluído o ensino médio ou equivalente,[1][2] abrangendo os diversos setores da economia. Os graduados nestes cursos denominam-se tecnólogos e são profissionais de nível superior, especializados em segmentos de uma ou mais áreas profissionais com predominância de uma delas.

Este tipo de curso é autorizado pelo Ministério da Educação (MEC) e, assim como os bacharelados e licenciaturas, confere diplomas de graduação, possibilitando a continuidade dos estudos em especialização (lato sensu) e pós-graduação (stricto sensu).

Nem todo concurso público de nível superior aceita inscritos com nível tecnológico, apesar de ser legalmente reconhecido como tal, justamente pela duração menor que a de cursos "tradicionais". A pessoa interessada em prestar concurso deve consultar o edital para ter a informação específica. [3]

Requisitos acadêmicos[editar | editar código-fonte]

A graduação tecnológica situa-se no contexto da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), de 1996, que propôs a Reforma da Educação Profissional e, dessa forma, passou a organizá-la como modalidade capaz de perpassar os níveis básico e superior da Educação. Portanto, é oficializada pelo Ministério da Educação (MEC) e possui Diretrizes Curriculares Nacionais aprovadas pelo Conselho Nacional de Educação.

Habilidades[editar | editar código-fonte]

A Graduação do tipo tecnológica habilita o seu titular a ser um tecnólogo, i.e., mão-de-obra especializada em diversas áreas do conhecimento, voltado a diversos segmentos de negócio - comércio, indústria e serviços. É oferecida igualmente por universidades ou faculdades e sua duração varia entre 1600 a 2400 horas, de acordo com a área.

Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia[editar | editar código-fonte]

O Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia[4] do Ministério da Educação disciplina a oferta desses cursos. A terceira edição do Catálogo, de 2016, traz 134 denominações de Cursos Superiores de Tecnologia em treze eixos tecnológicos: Ambiente e Saúde; Controle e Processos Industriais; Desenvolvimento Educacional e Social; Gestão e Negócios; Informação e Comunicação; Infraestrutura; Militar; Produção Alimentícia; Produção Cultural e Design; Produção Industrial; Recursos Naturais; Segurança; Turismo, Hospitalidade e Lazer.

Ambiente e Saúde

Controle e Processos Industriais

Desenvolvimento Educacional e Social

  • Curso Superior de Tecnologia em Processos Escolares

Gestão e Negócios

Informação e Comunicação

Infraestrutura

  • Curso Superior de Tecnologia em Agrimensura
  • Curso Superior de Tecnologia em Construção de Edifícios
  • Curso Superior de Tecnologia em Controle de Obras
  • Curso Superior de Tecnologia em Estradas
  • Curso Superior de Tecnologia em Geoprocessamento
  • Curso Superior de Tecnologia em Gestão Portuária
  • Curso Superior de Tecnologia em Material de Construção
  • Curso Superior de Tecnologia em Obras Hidráulicas
  • Curso Superior de Tecnologia em Pilotagem Profissional de Aeronaves
  • Curso Superior de Tecnologia em Sistemas de Navegação Fluvial
  • Curso Superior de Tecnologia em Transporte Aéreo
  • Curso Superior de Tecnologia em Transporte Terrestre

Militar

  • Curso Superior de Tecnologia em Artilharia
  • Curso Superior de Tecnologia em Cavalaria
  • Curso Superior de Tecnologia em Comunicações Aeronáuticas
  • Curso Superior de Tecnologia em Construções Militares
  • Curso Superior de Tecnologia em Fotointeligência
  • Curso Superior de Tecnologia em Gerenciamento de Tráfego Aéreo
  • Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Comunicações Militares
  • Curso Superior de Tecnologia em Gestão da Manutenção Aeronáutica
  • Curso Superior de Tecnologia em Infantaria
  • Curso Superior de Tecnologia em Meteorologia Aeronáutica
  • Curso Superior de Tecnologia em Sistemas de Armas

Produção Alimentícia

  • Curso Superior de Tecnologia em Agroindústria
  • Curso Superior de Tecnologia em Alimentos
  • Curso Superior de Tecnologia em Laticínios
  • Curso Superior de Tecnologia em Processamentos de Carnes
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção de Cacau e Chocolate
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção de Cachaça
  • Curso Superior de Tecnologia em Viticultura e Enologia

Produção Cultural e Design

Produção Industrial

  • Curso Superior de Tecnologia em Biocombustíveis
  • Curso Superior de Tecnologia em Cerâmica
  • Curso Superior de Tecnologia em Construção Naval
  • Curso Superior de Tecnologia em Fabricação Mecânica
  • Curso Superior de Tecnologia em Papel e Celulose
  • Curso Superior de Tecnologia em Petróleo e Gás
  • Curso Superior de Tecnologia em Polímeros
  • Curso Superior de Tecnologia em Processos Químicos
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção de Vestuário
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção Gráfica
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção Joalheira
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção Moveleira
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção Sucroalcooleira
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção Têxtil

Recursos Naturais

  • Curso Superior de Tecnologia em Agroecologia
  • Curso Superior de Tecnologia em Gestão do Agronegócio
  • Curso Superior de Tecnologia em Aquicultura
  • Curso Superior de Tecnologia em Beneficiamento de Minérios
  • Curso Superior de Tecnologia em Cafeicultura
  • Curso Superior de Tecnologia em Explotação Recursos Minerais
  • Curso Superior de Tecnologia em Fruticultura
  • Curso Superior de Tecnologia em Horticultura
  • Curso Superior de Tecnologia em Irrigação e Drenagem
  • Curso Superior de Tecnologia em Mineração
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção de Grãos
  • Curso Superior de Tecnologia em Produção Pesqueira 
  • Curso Superior de Tecnologia em Rochas Ornamentais
  • Curso Superior de Tecnologia em Silvicultura

Segurança

  • Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Segurança Privada
  • Curso Superior de Tecnologia em Investigação e Perícia Judicial
  • Curso Superior de Tecnologia em Segurança no Trabalho
  • Curso Superior de Tecnologia em Segurança no Trânsito
  • Curso Superior de Tecnologia em Segurança Pública
  • Curso Superior de Tecnologia em Serviços Penais

Turismo, Hospitalidade e Lazer

Referências

  1. a b c Cristina Guimarães Gomes e Elzira Lúcia de Oliveira (2006). «Curso superior de tecnologia como instrumento de inserção no mercado de trabalho regional : O caso do Norte Fluminense» (PDF). Universidade Estadual de Campinas + Associação Brasileira de Estudos Populacionais. Consultado em 9 de março de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 9 de março de 2017 
  2. a b Marisa Brandão (Outubro de 2006). «Cursos superiores de tecnologia : democratização no acesso ao ensino superior ?» (PDF). 29ª Reunião da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). Consultado em 9 de março de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 9 de março de 2017 
  3. Lia Salgado (27 de outubro de 2010). «Tecnólogo pode disputar concurso para nível superior? Tire dúvidas». G1 Concursos e Emprego. Consultado em 9 de março de 2017. Cópia arquivada em 7 de agosto de 2016 
  4. «Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia» 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional
(inclusive respectivo archiving, no Archive.is)


Ícone de esboço Este artigo sobre educação ou sobre um educador é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.