Grumman C-1 Trader

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
C-1 Trader
Picto infobox aircraft.png
Grumman C-1 Trader no porta aviões USS America (CV-66) em 1970
Descrição
Tipo / Missão Aeronave de transporte embarcada
País de origem  Estados Unidos
Fabricante Grumman
Período de produção 1952-?
Quantidade produzida 83 unidade(s)
Desenvolvido de Grumman S-2 Tracker
Desenvolvido em Grumman E-1 Tracer
Primeiro voo em 4 de dezembro de 1952 (63 anos)
Introduzido em 1952
Aposentado em 1988
Variantes
  • TF-1
  • TF-1Q
  • TF-1W
  • C-1A
  • EC-1A
  • KC-2 Turbo Trader
Tripulação 2
Passageiros 9 passageiro(s)
Especificações
Dimensões
Comprimento 12,9 m (42,3 ft)
Envergadura 21,2 m (69,6 ft)
Altura 4,9 m (16,1 ft)
Peso(s)
Peso vazio 8 504 kg (18 700 lb)
Peso máx. de decolagem 13 222 kg (29 100 lb)
Propulsão
Motor(es) 2 x motores a pistão Wright R-1820-82WA Cyclone de nove cilindros
Potência (por motor) 1 525 hp (1 140 kW)
Performance
Velocidade máxima 462 km/h (249 kn)
Alcance (MTOW) 2 092 km (1 300 mi)
Notas
Dados de: [carece de fontes?]

O Grumman C-1 Trader foi um avião utilizado pela Marinha dos Estados Unidos.

História[editar | editar código-fonte]

Em 1952 a Marinha dos Estados Unidos fez o primeiro teste com o protótipo XS2F-1, uma aeronave de transporte embarcado. Durante a década de 1950 três variante dos protótipo XS2F-1 surgiram: S2F-1 (S-2)Tracker,WF-2 (E-1) Tracer e o Grumman TF-1 (C-1) Trader. O TF-1 Trader foi introduzido pela US Navy em 1952 e podia transportar 9 passageiros ou 3500 kg de carga , tendo feito sua primeira missão em 1955. Em 1962 a Marinha dos Estados Unidos mudou sua denominação para C-1 Trader.

Durante as décadas de 60 e 70 o C-1 Trader serviu na Guerra do Vietnam como correio aéreo e transporte embarcado nos porta aviões ,além de ser um avião de transporte e abastecimento das demais bases da marinha do Estados Unidos no Pacífico. Também atuou como treinador para formação de pilotos de aeronaves todo-tempo. O último C-1 Trader foi retirado de serviço em 1988.

Foram produzidos 88 aparelhos do tipo C-1 sendo que 4 foram convertidos em EC-1A - destinados à missões de contramedidas eletrônicas.

Variantes[editar | editar código-fonte]

  • TF-1
    • Versão de transporte embarcado do S2F Tracker com fuselagem alongada e capacidade para transporte de 9 passageiros, renomeado C-1A em 1962. 88 construídos.
  • TF-1Q
    • Coversão do TF-1 em aeronave de contramedidas eletrônicas, renomeado EC-1A em 1962. 4 aeronaves convertidas.
  • C-1A
    • Antigo TF-1 renomeado em 1962.
  • EC-1A
    • Antigo TF-1Q renomeado em 1962.

Operadores[editar | editar código-fonte]

 Estados Unidos
 Brasil
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Grumman C-1 Trader


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um avião, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.