Hans van Breukelen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Van Breukelen
Hans van Breukelen.jpg
Informações pessoais
Nome completo Johannes Franciscus Van Breukelen
Data de nasc. 4 de outubro de 1956 (63 anos)
Local de nasc. Utrecht,  Países Baixos
Informações profissionais
Posição Goleiro
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
Países Baixos FC Utrecht

Países BaixosPSV Eindhoven

Seleção nacional
1980–1992 Países Baixos Países Baixos 73 (0)

Johannes Franciscus van Breukelen, ou simplesmente Hans van Breukelen, foi guarda redes do PSV Eindhoven e da selecção nacional da Holanda nos anos 80.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Iniciou-se no FC Utrecht em Março de 1977 e tornou-se na primeira escolha para a baliza daquele clube na época de 1978/79. Derivado às suas exibições, foi chamado à selecção nacional, fazendo a sua estreia contra a RFA em 11 de Outubro de 1980. Dois anos mais tarde, em Setembro de 1982, foi contratado pelo Nottingham Forest por £200.000, substituindo Peter Shilton. Teve uma grave lesão durante quatro meses mas ajudaria o Nottingham Forest a manter-se invencivel durante nove jogos seguidos facto que, nessa época, levaria o clube a atingir um lugar na Taça UEFA.O clube viria a atingir as meias finais daquela competição, sendo afastado pelo Anderlecht.

Depois de duas épocas em Inglaterra, Van Breukelen voltou à Holanda e ao PSV Eindhoven. Foi campeão nacional do seu país quatro épocas consecutivas (1986–1989). 1988 foi um ano de glória para Van Breukelen e para o PSV Eindhoven, com a conquista da Taça dos Clubes Campeões Europeus, derrotando o Benfica na final, disputada no Neckerstadion em Estugarda, através da marcação de grandes penalidades. Van Breukelen viria a ser o homem do jogo, defendendo a última grande penalidade, marcada pelo defesa português António Veloso. Nesse ano, o PSV Eindhoven era uma equipa recheada de talentos, como Eric Gerets, Ronald Koeman, Soren Lerby, Gerald Vanenburg ou Wim Kieft, sob o comando de Guus Hiddink.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Van Breukelen viria ainda a ajudar a Holanda a conquistar o Campeonato Europeu de Futebol pela primeira vez, derrotando na final a então União Soviética por 2–0.

Van Breukelen jogou ainda no Campeonato Mundial de 1990 e no Campeonato Europeu de Futebol de 1992 no qual a Holanda viria a ser derrotada pela Dinamarca nas meias finais da competição.

Foi o 73º e último jogo de Van Breukelen pela sua selecção. Conquistaria ainda mais dois títulos (em 1991 e 1992) pelo PSV Eindhoven e retirou-se após a época de 1993/94.[1]

Referências

  1. «Elenco HOL na Copa de 1990». Consultado em 16 de agosto de 2016 [ligação inativa]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]