Hoegaarden (cerveja)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Hoegaarden é uma cervejaria produtora de uma reconhecida cerveja de trigo, fundada por Pierre Celis em Hoegaarden, Bélgica, atualmente pertencente ao portfólio da Anheuser-Busch InBev.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A vila de Hoegaarden, próxima a Tienen, em Flanders, é considerada o berço da tradição belga de cervejas de trigo. Há registros de fabricação de cerveja na região no século XIV, no século seguinte já havia uma corporação de cervejeiros na vila e no século XIX as cervejarias eram cerca de 30. Contudo, no século passado, as cervejarias de witbier (nome particular das cervejas de trigo da região belga, significa cerveja branca)[2] entraram em declínio, incapazes de competir com as grandes cervejarias de Lovaina, notadamente aquelas controladas pela Stella Artois.[1] Em 1957, a última produtora local,Tomsin, fecha as portas, num ambiente também influenciado pela mudança no padrão de consumo, pois, nas palavras de Celis, "Naquela época as pessoas queriam os grandes nomes [rótulos] novos, não esses produtos à moda antiga."[3]

Em 1966, Celis, estimulado pela reminiscência dos velhos tempos, adquire os equipamentos necessários e começa sua produção no estábulo ao lado de sua casa. Celis criou sua receita baseado na experiência que teve em cervejarias, adicionando a sua fórmula sementes de coentro moídas e raspas de laranja.[1] A boa recepção ao produto levou ao crescimento gradual da marca. Em 1978, a produção triplica com a mudança para uma antiga fábrica de limonada. Porém, um incêndio em 1985 influencia sobremaneira os destinos da empresa. O enorme prejuízo força Celis a aceitar a oferta da Stella Artois, que adquire 45% da empresa. Em 1988, a Stella Artois é uma das participantes da fusão que cria a Interbrew. A partir daí, segundo Celis, o aprofundamento das pressões visando a elevação dos lucros se torna insuportável e ele decide, em 1990, vender sua participação na Cervejaria Hoegaarden e se desvincular da mesma.[1]

A produção da Hoegaarden só permanece na vila por conta da ação da população local, que protestou em 2004 contra o anúncio de que em dois anos a produção seria transferida para Jupille. A maior parte dos estabelecimentos comerciais e residências da cidade passou a exibir um pôster com o mote "Hoegaarden produz Hoegaarden", insatisfeitos tanto pelo número considerável de demissões e o inevitável impacto na economia local, como também pelo fato do novo local ser localidade francófona, ao passo que Hoegaarden fica na área onde neerlandês predomina. A produção chegou a ser encerrada mas retornou em 2007.[1]

A versão Wit-Blanche possui 4,9%ABV e é vendida em garrafas de 330ml.[4]

Referências

  1. a b c d e Protz, Roger (19 de abril de 2011). «Pierre Celis obituary». The Guardian (em inglês). ISSN 0261-3077 
  2. Jackson, Michael (24 de agosto de 2002). «Wheat dreams». The Guardian (em inglês). ISSN 0261-3077 
  3. Fabricant, Florence (30 de outubro de 1993). «COMPANY REPORTS; Brewer Revives a European Tradition in Texas». The New York Times. ISSN 0362-4331 
  4. «Hoegaarden». RateBeer. Consultado em 13 de novembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre bebidas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.