Jacque Fresco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jacque Fresco
Jacque Fresco, 2006
Nascimento 13 de março de 1916
Brooklyn, Nova Iorque
Morte 18 de maio de 2017 (101 anos)
Sebring, Flórida
Nacionalidade americano
Ocupação Futurista
Página oficial
http://www.thevenusproject.com/

Jacque Fresco (Brooklyn, 13 de março de 1916 - 18 de maio de 2017[1]) foi um autodidata projetista industrial, engenheiro social, escritor, professor, futurologista, inventor[2][3][4] que trabalhou numa grande variedade de áreas desde inovações bio-médicas a sistemas sociais totalmente integrados. Ele acreditava que suas ideias beneficiariam um maior número de pessoas e dizia que algumas de suas ideias vieram dos anos de sua formação durante a Grande Depressão.[5]

O Projeto Venus iniciou-se em meados dos anos 70 por Fresco e sua parceira, Roxanne Meadows. O filme Future by Design foi produzido em 2006 descrevendo sua vida e trabalho. Ele escrevia e ensinava extensivamente sobre assuntos desde o holístico projeto de cidades sustentáveis, eficiência energética, gerenciamento de recursos naturais e automação avançada, focando nos benefícios que irão trazer à sociedade.[3][6]

Vida, invenções e carreira[editar | editar código-fonte]

Juventude[editar | editar código-fonte]

Jacque Fresco cresceu em Bensonhurst, no Brooklyn no seio de uma família de Judeus Sefarditas.[7] Por não ter interesse nenhum na educação formal, Fresco, segundo ele próprio, largou a escola aos 14 anos.[8] Durante essa época, costumava passar seu tempo livre na biblioteca local, onde investigava assuntos do seu próprio interesse. [9] O talento de Fresco em atuação o levou a ganhar um prêmio em uma competição dramática em Nova York. Fresco também desde cedo expressou suas aptidão artística em pintura e desenho.

Posteriormente, Fresco se referiu à pobreza que vivenciou durante a infância durante a Grande Depressão como influência na sua atitude perante a sociedade. [10] Fresco participou, durante a juventude, da Liga Comunista da sua cidade. No entanto, após uma discussão com o presidente da Liga durante um encontro, Fresco foi "enxotado" após dizer em voz alta que "Karl Marx estava errado!" [11] Na década de 30, passou a se dedicar à Tecnocracia. Foi durante essa época que também iniciou sua carreira como designer estrutural.

Trabalhos anteriores[editar | editar código-fonte]

Ele trabalhou para várias companhias e em muitos diferentes campos como consultor técnico para a Motion Picture Industry, instrutor de design industrial na Art Center School, em Hollywood, California. Em Los Angeles, ele foi colega e sócio de trabalho do psicólogo Donald Powell Wilson.

Em 1942, Fresco criou a Revell Plastics Company (Agora Revell-Monogram) com Lou Glaser, embora ele depois tenha deixado para prosseguir com suas outras ideias, trabalhando diversas vezes em pesquisa e desenvolvimento aeroespacial, arquitetura, design eficiente de automóveis, métodos de projeção de sistema de cinema 3D, e design de equipamento médico onde ele desenvolveu uma unidade de raio-X tridimensional entre outras coisas.

O Projeto Venus[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Projeto Venus
Durante a construção do centro de pesquisa do Projeto Venus. (1979-1981)

O Projeto Venus foi iniciado em 1975 por Fresco e Roxanne Meadows em Venus, Flórida. Seu centro de pesquisa é uma propriedade de 21 acre (85,000 m2) que contêm várias construções de seu design, onde eles trabalham em livros e filmes para demonstrar seus conceitos e ideias. Fresco produziu um extenso número de modelos em pequena escala baseados em seus desenhos, bem como várias edificações construídas com base em seus conceitos de simplicidade, sustentabilidade e estética. Com edifícios em forma de domo altamente resistentes e eficientes, separados por lagos, jardins e trilhas projetados de maneira que de uma construção não seja possível ver a outra, dando a oportunidade à frequentes visitantes de vislumbrar um pouco do mundo do amanhã de Fresco. O Projeto Venus foi incorporado em 1995.

O projeto foi fundado na ideia de que a pobreza é causada pela sufocação do progresso da tecnologia, causada pelo sistema econômico mundial baseado no lucro e nas instituições conservadoras que nele se apoiam.

Fresco pensava que se o progresso da tecnologia fosse exercido independente da necessidade de lucro, poderiam ser postas em prática maneiras (já prontas e à inventar) de multiplicar e aproveitar melhor os recursos naturais da terra, criando assim uma economia baseada em recursos que eliminaria a escassez e permitiria que ninguém sofresse de privações. Esta abundância récem-descoberta reduziria a tendência humana à dependência, corrupção e à ganância. Sem privações e sem a alienação do próprio potencial de criação perante a necessidade de lucro, as pessoas seriam livres para criar e desenvolver seus projetos pessoais, ajudando, assim, no desenvolvimento de toda a comunidade. Fundamental para o projeto, é a eliminação do atual sistema monetário e sua substituição por uma "Economia baseada em recursos". A existência de dinheiro, como dito no filme Zeitgeist Adendum, é ligada à existência de crimes, corrupção, pobreza, poluição, guerras, escassez e outros problemas contemporâneos.

De acordo com uma entrevista de 2008 com Fresco e Meadows, a falta das "credenciais" de Fresco, torna difícil para ele ganhar influência em círculos acadêmicos. Ele dizia que quando universidades o convidam pra falar, geralmente não lhe dão tempo necessário para explicar seus pontos de vista.

Morreu em 18 de maio de 2017, aos 101 anos.

O Movimento Zeitgeist[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: O Movimento Zeitgeist

O Projeto Venus é mostrado no documentário de 2008, Zeitgeist: Addendum, como uma possível solução para os problemas globais explicados no filme. O filme foi premiado no 5º Festival Anual de filmes ativistas, em Los Angeles, California em 2 de Outubro de 2008, vencendo seu maior prêmio, e ele foi lançado online gratuitamente no Google Video em 4 de Outubro de 2008. Após o filme Zeitgeist, o movimento de mesmo nome foi fundado pelo autor do documentário, inicialmente para atuar como braço ativista na promoção dos objetivos e propostas do Projeto Venus, tomando direções diferentes posteriormente, o que fez com que, no ano de 2011, o Projeto Venus rompesse a afiliação oficial que tinha com o movimento.

Economia baseada em recursos[editar | editar código-fonte]

Um dos temas principais de Fresco é seu conceito de uma economia baseada em recursos que substitui a necessidade da economia monetária orientada à escassez, que temos atualmente. Fresco argumenta que o mundo é rico em recursos naturais e energia, e que - com a tecnologia moderna e a eficiência - as necessidades da população global podem ser atendidas com a abundância, e ao mesmo tempo remover as limitações atuais de que o que é considerado possível devido às noções de viabilidade econômica.

Ele dá um exemplo pra ajudar a explicar a ideia: "No começo da 2ª Guerra mundial, os Estados Unidos tinham meros 600 aviões de caça. Nós rapidamente superamos esse pequeno fornecimento ao produzir mais de 90.000 aviões por ano. A questão no começo da Segunda Guerra Mundial era: Nós temos os fundos para produzir os implementos requeridos para guerra? A resposta era não, nós não tínhamos dinheiro suficiente, nem tínhamos ouro suficiente, mas nós tínhamos mais do que recursos suficientes. Estavam disponíveis recursos que fizeram os Estados Unidos alcançarem a alta produção e eficiência necessária para vencer a guerra. Infelizmente isto só é considerado em tempos de guerra."

Jacque Fresco foi membro do Movimento Tecnocrata por vários anos. Porém, há muitas diferenças entre as ideias de Jacque e aquilo que o movimento Tecnocrata pensa. Jacque não se considera um "tecnocrata".

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Keyes, Ken; Fresco, Jacque (1969). Looking Forward. South Brunswick Township: Alfred Smith Barnes. ISBN 0-498-06752-1  OCLC 21606
  • Fresco, Jacque (1977). Introduction to Sociocyberneering. Miami: ociocyberneering  OCLC 6036204.
  • Fresco, Jacque (1978). Sociocyberneering Presents: Cities in Transition. Miami: Sociocyberneering 
  • Fresco, Jacque (1978). Sociocyberneering Presents: The Determinants of Behavior. Miami: Sociocyberneering 
  • Fresco, Jacque (1979). Structural Systems and Systems of Structure. Miami: Sociocyberneering 
  • Fresco, Jacque (1995). The Venus Project: The Redesign of a Culture. Venus: Global Cyber-Visions  OCLC 33896367.
  • Fresco, Jacque (1997). And The World Will Be One. [S.l.: s.n.] 
  • Fresco, Jacque (2002). The Best that Money Can’t Buy: Beyond Politics, Poverty & War. Venus: Global Cyber-Visions. ISBN 0-9648806-7-9  OCLC 49931422.
  • Maynard, Elliott; Fresco, Jacque (2003). Transforming the Global Biosphere: Twelve Futuristic Strategies. Sedona: Arcos Cielos Research Center. ISBN 0-9721713-1-2  OCLC 78763038.
  • Fresco, Jacque; Venus Project (2007). Designing the Future. Venus: The Venus Project  OCLC 287285303.

Filmes[editar | editar código-fonte]

  • The Venus Project: The Redesign of a Culture (1994)
  • Welcome to the Future (2001)
  • Cities in the Sea (2002)
  • Self-erecting Structures (2002)
  • Future by Design (2006)
  • Zeitgeist: Addendum (2008)
  • Zeitgeist: Moving Forward (2011)
  • Paradise or Oblivion (2012)
  • The Choice is Yours (2015)

Referências

  1. «In Honor of Jacque Fresco (1916 - 2017)». The Venus Project (em inglês). Consultado em 20 de maio de 2017 
  2. «Jacque Fresco On The Future - Forbes.com» (em inglês). Consultado em 8 de junho de 2009 
  3. a b «Living On Purpose: Interview with Fresco and Meadows (em inglês)» 🔗 (MP3). Consultado em 6 de agosto de 2009 
  4. Corrias, Angela (19 de março de 2009). «The Zeitgeist Movement: practical advices to build a better future (em inglês)» 🔗. Herald de Paris. Consultado em 8 de abril de 2009 
  5. Future by Design (em inglês) no Internet Movie Database
  6. «parole!(em inglês)» 🔗. Consultado em 6 de agosto de 2009 
  7. «Brave New World». Tablet Magazine 
  8. «7 News Features: The Venus Project». Cópia arquivada em 23 de março de 2011 
  9. Catran, Jack (1988), "Genesis – Bensonhurst Beginnings", Walden Three, Sherman Oaks, CA: Pygmalion Books/Jade Publications, pp. 64–68, ISBN 978-0-936162-30-0
  10. A Grande Depressão, vídeo do Project Venus
  11. Rolfe, Lionel (1998), "Unpopular Science", Fat Man on the Left, Los Angeles: California Classics Books, pp. 158–161, ISBN 978-1-879395-01-5

Ver também[editar | editar código-fonte]